WhatsApp SAC (31) 98799-0134 WhatsApp Vendas (31) 99294-0024 Ligamos para Você Central de Vendas (31) 3899-7000
Fale com uma Especialista
0

Seu carrinho está vazio

Clique aqui para ver mais cursos.

Espécies de braquiária e uso no plantio direto

As braquiárias são utilizadas para alimentação animal, proteção do solo e produção de palhada no Plantio Direto

Espécies de braquiária e uso no plantio direto

“As espécies de braquiária têm sido utilizadas por suas qualidades como forrageiras. Elas se destacam por apresentarem excelente adaptação aos solos brasileiros, fácil estabelecimento e considerável produção de forragem, além de proporcionarem excelente cobertura vegetal do solo”, afirmam Ernani Luiz Agnes e Francisco Cláudio Lopes de Freitas, engenheiros agrônomos e professores do Curso CPT Formação de Pastagens com Plantio Direto.

Principais espécies de braquiária


Brachiaria ruziziensis

A Brachiaria ruziziensis é amplamente utilizada no Plantio Direto para formação da palhada. As razões são várias, como fácil controle e dessecação, além de rápido estabelecimento. Por outro lado, a forrageira não se adapta muito bem a solos ácidos nem com fertilidade baixa.

Brachiaria decumbens

A Brachiaria decumbens apresenta rápido estabelecimento e se adapta facilmente a solos ácidos e pouco férteis. Entretanto, como apresenta grande quantidade de sementes viáveis no solo, é difícil de desarraigar.

Brachiaria brizantha

A Brachiaria brizantha apresenta rápido estabelecimento, mas dificuldade de se adaptar a solos com baixa fertilidade. No caso da Marandu, ela se desenvolve muito bem áreas sombreadas, o que a torna uma ótima opção para consórcio com outras culturas.

Brachiaria humidicola

A Brachiaria humidicola se adapta bem a solos com drenagem ruim e baixa fertilidade. Além disso, ela é resistente às cigarrinhas das pastagens. Por outro lado, apresenta estabelecimento mais lendo pala baixa capacidade de enraizamento.

Uso da braquiária no Plantio Direto


As braquiárias são utilizadas para alimentação animal, proteção do solo e produção de palhada no Plantio Direto, como a espécie Brachiaria ruziziensis. Além da rusticidade, essa espécie de braquiária apresenta elevada produção de biomassa. Entretanto, por não apresentar bom desenvolvimento em temperaturas baixas, ela deve ser semeada em monocultivo (após a primeira safra) ou consorciada (na segunda safra).

De acordo com o engenheiro agrônomo Lino Roberto Ferreira, a técnica do Plantio Direto tem sido usada na agropecuária com o objetivo de viabilizar a sustentabilidade da capacidade produtiva do solo, por meio da redução de perdas por erosão hídrica e eólica, pois mantém a cobertura vegetal no solo, além de reduzir o assoreamento e a eutrofização de represas e cursos d'água.

Conheça os Cursos CPT da Área Pastagens e Alimentação Animal:

Formação de Pastagens com Plantio Direto

Formação de Pastagens com Braquiária em Consórcio com Milho

Formação de Pastagens

Fonte: Blog Aegro

Por Andréa Oliveira

Faça já o Download Grátis
Faça já o Download Grátis E-book Pastagens e Alimentação Animal

Basta preencher os campos abaixo para receber o material por e-mail:

O CPT garante a você 100% de segurança e
confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.

Deixe seu comentário

Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

O CPT garante a você 100% de segurança e
confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Seu comentário foi enviado com sucesso!

Informamos que a resposta será publicada o mais breve possível, assim que passar pela moderação.

Obrigado pela sua participação.

Últimos Artigos

Artigos Mais Lidos

Fique por dentro das novidades!