WhatsApp SAC (31) 98799-0134 WhatsApp Vendas (31) 99294-0024 Ligamos para Você Central de Vendas (31) 3899-7000
0

Seu carrinho está vazio

Clique aqui para ver mais cursos.

Cursos da Área Curso Inseminação Artificial em Bovinos - Convencional e em Tempo Fixo Curso Fabricação de Ração na Fazenda Curso Planejamento Alimentar em Sistema de Pastejo - Para Gado de Leite e Corte Curso Nutrição de Bovinos de Corte Curso Alimentação de Bovinos de Corte Curso Como Avaliar Bovinos de Corte para Compra e Seleção Curso Cria de Bezerros de Corte Curso Bovinos de Corte em Confinamento - Instalações, Produção de Alimentos e Escolha dos Animais Curso Instalações e Equipamentos para Pecuária de Corte Curso Recria de Bezerros de Corte Curso Como Aumentar a Rentabilidade na Pecuária de Corte Curso Manejo Racional de Gado para Vaqueiro Curso Bovinos de Corte em Confinamento - Manejo e Gerenciamento Curso Transferência de Embriões e Fertilização in Vitro Curso Prevenção e Controle de Doenças em Bovinos - Verminose Curso Casqueamento e Correção de Aprumos em Bovinos Curso Enquanto o Veterinário Não Chega - Atendimento a Bovinos Curso Melhoramento Genético de Gado de Corte Curso Como Fazer uma Estação de Monta Curso Técnicas para Produzir mais Bezerros Curso Pastoreio de Lotação Rotacionada para Gado de Leite e Corte Curso Avaliação e Tipificação de Carcaças Bovinas Curso Cruzamento Industrial Red Angus X Nelore Curso Gestão na Pecuária de Corte Curso Produção de Novilho Superprecoce Curso Terminação de Bovinos em Pasto Curso Criação de Touros Curso Produção de Novilho Precoce Curso Cruzamento Industrial Limousin X Nelore Áreas Afins 34Gado de Leite 17Pastagens e Alimentação Animal Depoimentos dos Alunos Alunos de Sucesso Depoimentos Publicações TV Cursos CPT Artigos Notícias Dicas Cursos CPT Entretenimento Beirada de Fogão Melhores Filmes do Cinema Reflexões

Sim, o gado é seletivo e gosta de boas forrageiras ao pastejar

O gado primeiro consome as folhas da parte mais alta da pastagem, as mais novas, as mais verdes, tenras e as de maior valor nutricional, numa clara demonstração da seletividade do pastejo

Sim, o gado é seletivo e gosta de boas forrageiras ao pastejar   Artigos CPT

 

A forma como os animais colhem e ingerem a forragem dá algumas dicas sobre como se dá sua relação com a planta forrageira na hora do pastejo e o que precisamos considerar a esse respeito para que ele possa apresentar maior produção de leite ou de carne, afirma Prof. Adilson de Paula Almeida Aguiar, do Curso CPT Pastoreio de Lotação Rotacionada para Gado de Leite e Corte.

Primeiro, o animal tende a consumir as folhas que estão na parte mais alta da pastagem e que são as mais novas, as mais verdes e tenras, que têm maior valor nutricional, numa clara demonstração da seletividade do pastejo. Só depois que não há mais forragem de boa qualidade disponível é que ele passa a consumir as folhas e os talos mais velhos.

Se o gado está num pasto onde estão disponíveis maiores quantidades de folhas verdes e tenras, perderá menos tempo procurando pela melhor forragem. E também não terá de ingerir partes da planta de pior qualidade. Tudo isso vai significar, é claro, maior produção animal.

Quando colhem a forragem, os bovinos a apreendem enrolando e depois puxando as folhas com a língua. Isso quer dizer que, quanto mais baixo o pasto, ou seja, quanto menores as folhas, maior dificuldade terá o animal para apreendê-lo e ingerir. Então, se o pasto é composto por plantas que apresentam folhas pequenas e ralas com altura inferior a 15 cm, como nos pastos onde está ocorrendo o superpastejo, os animais terão dificuldade de ingerir forragem suficiente para atingir seu potencial de produção.

Devemos considerar, também, o dispêndio energético do animal na busca por forragem. Enquanto percorre o pasto em busca de folhas mais tenras, e depois refaz o trajeto para comer o capim de pior qualidade, os bovinos dispendem energia que poderia ser revertida em leite ou carne.

O pastoreio por lotação rotacionada utiliza piquetes menores, onde a área a ser percorrida pelos animais durante o pastejo é pequena e encontram com facilidade forragem no seu melhor valor nutricional. Ou seja, a forrageira é manejada de maneira que o pasto ofereça forragem de alta qualidade, o máximo de tempo possível, em quantidade suficiente, para que seja obtido o máximo de produção animal.

Quer saber mais sobre o assunto? Leia a(s) matéria(s) a seguir:


- Diga NÃO ao sistema de pastejo contínuo. Saiba porque!
- Afinal, por que fazer rotação de pastagens? O que se ganha com isso?

Quer saber mais sobre o Curso? De Play no vídeo abaixo:


 

Conheça os Cursos CPT da área Gado de Corte.
Por Silvana Teixeira.

Deixe seu comentário

Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

O CPT garante a você 100% de segurança e
confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Seu comentário foi enviado com sucesso!

Informamos que a resposta será publicada o mais breve possível, assim que passar pela moderação.

Obrigado pela sua participação.

Últimos Artigos

Artigos Mais Lidos

Fique por dentro das novidades!