WhatsApp SAC (31) 98799-0134 WhatsApp Vendas (31) 99294-0024 Ligamos para Você Central de Vendas (31) 3899-7000
Fale com uma Especialista
0

Seu carrinho está vazio

Clique aqui para ver mais cursos.

Descorna em bovinos: tipos, vantagens e cuidados

A descorna em bovinos exige profissionais qualificados e cuidados importantes para melhores resultados

Descorna em bovinos: tipos, vantagens e cuidados

“Quando se removem os chifres do bezerro, chamamos descorna. Trata-se de um procedimento comum na pecuária, pois evita uma série de problemas. Entretanto, a técnica exige profissionais qualificados e cuidados importantes para melhores resultados. Além de melhorar o desempenho produtivo dos bovinos, a descorna traz inúmeras vantagens ao pecuarista”, destaca Gilmar Ferreira Prado, zootécnico e professor do Curso CPT Bovinos de Corte em Confinamento - Instalações, Produção de Alimentos e Escolha dos Animais.

Tipos de descorna


Descorna química

Na descorna química, é utilizada soda cáustica após o bovino ser anestesiado. Primeiramente, raspa-se o botão córneo antes de aplicar o produto químico. Este age em torno de dois dias até queimar os chifres do animal. Após o procedimento, é essencial aplicar vaselina e cicatrizante ao redor dos cornos cauterizados.

Descorna térmica

Assim como na descorna química, a descorna térmica requer que o animal seja anestesiado. Em seguida, pressiona-se o botão córneo com ferro descornador aquecido (sem queimar a pele do bovino) até alcançar a base do chifre. Após a cauterização, os cornos são removidos com uma lâmina. Em seguida, aplicam-se antisséptico e cicatrizante no local.

Descorna cirúrgica

A descorna cirúrgica é recomendada para animais com chifres já desenvolvidos, normalmente em bovinos mais velhos. Após a anestesia, o médico veterinário usa um bisturi para expor a base dos chifres. Depois, eles são removidos com o auxílio de uma serra. Após o procedimento, é indispensável suturar o ferimento e cobri-lo com curativo.

Vantagens da descorna


Graças à descorna, o pecuarista reduz as lesões nos bovinos e garante maior segurança aos tratadores. Na verdade, são inúmeras as vantagens da descorna: reduz brigas por disputa de território; facilita o manejo do rebanho; oferece mais segurança aos vaqueiros; impede ferimentos nos bovinos (alguns deles depreciam o valor do couro); melhora a segurança durante o transporte dos animais; além de permitir o alojamento de maior número de animais em determinado espaço.

Cuidados na descorna


Geralmente, a descorna deve ser realizada em bezerros nos primeiros meses de vida, pois o botão córneo, não está desenvolvido totalmente, o que facilita a sua remoção. Sem falar que os bovinos jovens apresentam cicatrização mais rápida quando comparados aos bovinos adultos. Por outro lado, a realizada em animais adultos deve ocorrer apenas após 20 meses de vida, momento em que o botão córneo está bem desenvolvido.

Além do uso de anestésicos (antes da descorna) e antissépticos (após a descorna), é impreterível aplicar produtos inseticidas para evitar a proliferação de mosquitos e consequente bicheira. Todos esses cuidados são necessários para reduzir os custos do pecuarista e melhorar a performance do rebanho.

Conheça os Cursos CPT da Área Gado de Corte:

Bovinos de Corte em Confinamento - Instalações, Produção de Alimentos e Escolha dos Animais.

Instalações e Equipamentos para Pecuária de Corte

Recria de Bezerros de Corte

Fontes: Revista Veterinária - revistaveterinaria.com.br
              Agroline - blog.agroline.com.br
              Boi Saúde - dicas.boisaude.com.br

Por Andréa Oliveira.

Faça já o Download Grátis
Faça já o Download Grátis Manual do Gado Zebu

Basta preencher os campos abaixo para receber o material por e-mail:

O CPT garante a você 100% de segurança e
confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.

Deixe seu comentário

Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

O CPT garante a você 100% de segurança e
confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Seu comentário foi enviado com sucesso!

Informamos que a resposta será publicada o mais breve possível, assim que passar pela moderação.

Obrigado pela sua participação.

Últimos Artigos

Artigos Mais Lidos

Fique por dentro das novidades!