WhatsApp SAC (31) 98799-0134 WhatsApp Vendas (31) 99294-0024 Ligamos para Você Central de Vendas (31) 3899-7000
Como podemos te ajudar?
0

Seu carrinho está vazio

Clique aqui para ver mais cursos.

Como ministrar medicamentos em bovinos?

Dentre as boas práticas de manejo de bovinos, a ministração de medicamentos é uma das principais

Como ministrar medicamentos em bovinos?

Dentre as boas práticas de manejo de bovinos, a ministração de medicamentos é uma das principais. Os métodos a serem adotados dependem de inúmeros fatores, como a via de aplicação, a rapidez da aplicação, além da natureza e da quantidade da droga. Sem falar que o encarregado da aplicação deve saber como ministrar o medicamento, bem como armazená-lo da forma correta.

Como ministrar os medicamentos


Primeiramente, o responsável pela aplicação do medicamento deve pensar no bem-estar do bovino. Além disso, ele deve seguir alguns cuidados essenciais para prevenir acidentes, preservar o meio ambiente e não desperdiçar o produto. Antes da ministração do medicamento, é fundamental realizar a seleção dos animais por categoria e peso.

O próximo passo é reunir o material e ler atentamente a bula para preparar o medicamento da forma adequada. Para regular a seringa dosadora, o responsável pela aplicação deve considerar a dose recomendada e o peso do animal. O modo como o medicamento será aplicado no bovino depende da via de ministração.

Formas de aplicação


Ministração por via oral: o medicamento será ingerido pelo bovino. Trata-se de uma forma de ministrar medicamentos muito mais segura e econômica, além de não transmitir doenças de um bovídeo para outro.

Ministração por via intramamária: o medicamento é ministrado para tratar inflamações nas glândulas mamárias, como a mastite bovina. Antes, os quartos mamários da vaca devem ser esgotados. Após limpar e desinfetar o teto com álcool 70%, o medicamento é aplicado introduzindo uma cânula no orifício do teto.

Aplicação intramuscular: o medicamento é aplicado diretamente na musculatura do animal para que absorção seja rápida. O volume a ser ministrado não pode ultrapassar 10 ml por músculo. Trata-se de um método para administração de suspensões, veículos oleosos e veículos aquosos.

Aplicação subcutânea: o medicamento é aplicado embaixo da pele para uma absorção contínua e lenta. O local da aplicação é na tábua do pescoço do bovino, com o uso de agulha descartável.

Aplicação intravenosa: o medicamento é aplicado com agulha descartável diretamente na corrente sanguínea do bovino, o que proporciona efeito mais rápido, pois a droga é distribuída imediatamente no organismo do animal. Trata-se de um método para administração de doses maiores.

Aplicação tópica: o medicamento é aplicado diretamente na região afetada do bovino. Entretanto, o responsável pela aplicação deve ter cuidado para não entrar em contato com a droga para evitar intoxicações.

Cuidados com os medicamentos


Todo medicamento a ser ministrado em bovinos deve apresentar licença do MAPA – Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento. Ao comprar o produto, é importante verificar se a embalagem está violada, se há turbidez ou sedimentos no líquido e se o prazo de validade está em dia. Seu armazenamento deve ser feito em local arejado, livre da luz direta do sol, protegido da entrada de aves, insetos e roedores e sob as temperaturas entre 15°C e 30°C.

Durante a aplicação, as mãos devem ser higienizadas e desinfetadas, além da necessidade de se usar luvas. O local também deve ser desinfetado e os produtos devem ser adequadamente descartados, principalmente as agulhas e seringas. Todos os procedimentos realizados nos animais devem ser registrados para posterior consulta.

Conheça os Cursos CPT da Área Gado de Corte:

Bovinos de Corte em Confinamento - Instalações, Produção de Alimentos e Escolha dos Animais

Bovinos de Corte em Confinamento - Manejo e Gerenciamento

Como Aumentar a Rentabilidade na Pecuária de Corte

Fonte: revistaagropecuaria.com.br

Por Andréa Oliveira

Faça já o Download Grátis
Faça já o Download Grátis E-book Manejo Reprodutivo e Sanitário do Gado de Corte - Guia Essencial do Pecuarista

Basta preencher os campos abaixo para receber o material por e-mail:

O CPT garante a você 100% de segurança e
confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.

Deixe seu comentário

Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

O CPT garante a você 100% de segurança e
confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Seu comentário foi enviado com sucesso!

Informamos que a resposta será publicada o mais breve possível, assim que passar pela moderação.

Obrigado pela sua participação.

Últimos Artigos

Artigos Mais Lidos

Fique por dentro das novidades!