WhatsApp SAC (31) 98799-0134 WhatsApp Vendas (31) 99294-0024 Ligamos para Você Central de Vendas (31) 3899-7000
Como podemos te ajudar?
0

Seu carrinho está vazio

Clique aqui para ver mais cursos.

Você conhece os segredos da criação de codornas para recria e reprodução?

Descubra tudo sobre manejo, nutrição e reprodução no curso do cpt codornas - recria e reprodução


Explore os segredos da criação de codornas do Curso CPT Codornas - Recria e Reprodução. Desde aspectos históricos até técnicas avançadas de manejo e nutrição, você encontrará tudo que precisa para prosperar neste mercado em crescimento. Prepare-se para aplicar seu conhecimento e alcançar sucesso na criação de codornas.


Segundo os professores Dr. Joji Ariki e Dr.ª Vera Maria Barbosa de Moraes, a codorna, pertencente à ordem dos Galliformes e à família das Phasianídeas, é explorada comercialmente em três principais tipos: Coturnix coturnix coturnix (codorna europeia), Coturnix coturnix japonica (codorna japonesa) e Colinus virginianus (codorna americana ou Bobwhite Quail). A codorna japonesa é especialmente difundida globalmente devido ao seu rápido desenvolvimento, alta produtividade de ovos e eficiente conversão alimentar.


Atualmente criada em cativeiro, a codorna resulta de cruzamentos desenvolvidos no Japão e China a partir da subespécie selvagem Coturnix coturnix de origem europeia, sendo mantida em pequenas gaiolas para produção em série destinada ao mercado comercial. Além de seus ovos, a carne da codorna é valorizada por sua leveza e nutrientes, sendo uma escolha saudável e saborosa, especialmente recomendada em dietas de emagrecimento.


A fase de incubação dos ovos dura aproximadamente 16 dias, seguida por um rápido desenvolvimento físico dos filhotes. Ao nascer, os filhotes de codorna japonesa pesam em média 7 g, correspondendo a cerca de 70% do peso do ovo, e atingem um peso 10 vezes maior após 28 dias. Na maturidade, as fêmeas podem pesar até 180 g e os machos até 160 g, devido ao desenvolvimento diferenciado de órgãos reprodutores e fígado nas fêmeas.


Reconhecida pelo seu desenvolvimento fisiológico precoce, a codorna japonesa inicia a postura entre 38 e 45 dias de idade, podendo produzir até 300 ovos no primeiro ano. Cada ovo varia entre 9 e 12,5 g, representando aproximadamente 5% do peso corporal da ave.


O ovo de codorna é composto por 74,6% de água, 13,1% de proteína, 11,2% de lipídeos e 1,1% de cinzas totais, oferecendo uma excelente fonte de proteína de alto valor biológico, vitaminas diversas e minerais como ferro, manganês, cobre, fósforo e cálcio. A pigmentação do ovo, influenciada pela espessura da camada uterina, resulta em manchas castanho-escuras distribuídas pela casca.


Essas características têm impulsionado o aumento do investimento na criação de codornas, com ênfase na redução de custos de produção para beneficiar tanto produtores quanto consumidores. A implementação de práticas adequadas de manejo, nutrição e reprodução é essencial para maximizar a produtividade das codornas e a qualidade de seus ovos, adaptando-se a diferentes condições ambientais e genéticas.


Você conhece os segredos da criação de codornas para recria e reprodução?


A capacitação é fundamental para dominar todas as técnicas e segredos da área de criação de codornas. O Curso CPT Codornas - Recria e Reprodução, oferece uma excelente oportunidade de aprendizado nessa área. Não deixe passar essa chance, invista em conhecimento e conquiste reconhecimento no mercado, desenvolvendo um negócio promissor e rentável!


Conheça os Cursos na Área de Avicultura.

Por: Thiago de Faria

Deixe seu comentário

Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

O CPT garante a você 100% de segurança e
confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Seu comentário foi enviado com sucesso!

Informamos que a resposta será publicada o mais breve possível, assim que passar pela moderação.

Obrigado pela sua participação.

Últimos Artigos

Artigos Mais Lidos

Quer mudar de vida e ter sucesso profissional? Vamos te ajudar!

Precisa de ajuda?