WhatsApp SAC (31) 98799-0134 WhatsApp Vendas (31) 99294-0024 Ligamos para Você Central de Vendas (31) 3899-7000
Como podemos te ajudar?
0

Seu carrinho está vazio

Clique aqui para ver mais cursos.

Criação de patos: alimentação, reprodução, postura e instalações

Além das inúmeras aptidões, os patos são bastante resistentes e adaptáveis a todo tipo de clima, mas requerem grande quantidade de alimentos e vermifugação bianual

Criação de patos: alimentação, reprodução, postura e instalações   Artigos CPT

A origem do pato remonta a América do Sul, onde ainda pode ser encontrado em estado selvagem. Esta ave disseminou-se pelo mundo, por volta de 1150, por meio dos colonizadores, e hoje pode ser encontrado em todos os lugares do mundo. As variedades de pato mais comuns são a branca, a preta, a azulega, ou ainda as mescladas com as três cores, originadas entre os cruzamentos entre as raças. Um único macho pode acasalar com inúmeras fêmeas.

Atualmente, muitos patos são criados para produção de carne e de ovos, outros para produção de penas e plumas, para confeccionar travesseiros. Além das inúmeras aptidões, os patos são bastante resistentes e adaptáveis a todo tipo de clima. Entretanto, requerem grande quantidade de alimentos, pois são muito famintos.

Embora tenham grande resistência física, os patos são susceptíveis a doenças, principalmente a verminoses. Daí a necessidade de vacinação e vermifugação bianual das aves. No Brasil, as raças de pato preferidas pelos avicultores são a caipira, a Moscovy e a Gigante Alemão. Já os patos selvagens, nativos da fauna brasileira, como o Moschata e o Putrião requerem o registro do Ibama, para que o criador inicie sua criação.

Muito apreciada pelos consumidores brasileiros, a carne de pato, além de conter vitaminas A, B3 e C, contém minerais, como Cálcio, Selênio e Ferro. Já os ovos de pata contêm nutrientes bastante benéficos para o organismo humano, como carotenoides, albumina e vitamina B12, atuando na visão, no cérebro e nos músculos.

Valor nutricional em 100 g de carne de pato:


Calorias: 159 Kcal ;
Lipídios: 8,2 g;
Proteínas: 21,4 g;
Cálcio: 10 mg;
Sódio: 74 mg;
Ferro 2,3 mg;
Fósforo: 240 mg;
Potássio: 271 mg.

Valor nutricional em um ovo (144 g):


Calorias: 175 Kcal;
Carboidratos: 1,2 g;
Proteínas: 12,6 g;
Vitamina A: 650 UI ;
Vitamina B12: 5,1 mcg;
Vitamina B5: 1,8 mg;
Vitamina E: 1,3 mg ;
Cálcio: 60,0 mg;
Sódio: 138 mg ;
Ferro: 3,6 mg;
Fósforo: 208 mg ;
Magnésio: 16,0 mg;
Selênio: 36.9 mcg;
Potássio: 210 mg.

Alimentação dos patos


Para que os patos ganhem peso e cresçam saudáveis, inicialmente deve-se ministrar a ração peletizada (patinhos de 14 dias). Dos 15 aos 35 dias de vida, poderá ser fornecida aos patos a ração comercial de crescimento. Já dos 35 ao abate, o avicultor poderá oferecer a ração de engorda. Se possível, também ministrar a ração especial, formulada especialmente para o consumo dos patos. E um detalhe importantíssimo: os comedouros devem estar sempre abastecidos com ração. Só retirá-la 8 horas antes do abate da ave. Seguindo esses procedimentos, após 60 dias de vida, os patos chegam aos 4,5 kg.

Observação: O avicultor deverá fornecer aos patos água à vontade, fresca e de boa qualidade.

Em geral, o acasalamento entre os machos e as fêmeas ocorre de forma autônoma no plantel.

Em geral, o acasalamento entre os machos e as fêmeas ocorre de forma autônoma no plantel.

Reprodução do plantel


Após a reprodução, o período de incubação dos ovos da pata dura em em torno de 30 dias. Após os 15 dias de vida, os patinhos devem ser vacinados e vermifugados, para preveni-los de doenças e principalmente verminoses, muito comum entre os patos. Quanto ao acasalamento entre machos e fêmeas, isso ocorre de forma autônoma, por isso, na época de reprodução, as aves devem ser criadas soltas, para estimular a sua reprodução. Além disso, quando criados livremente os patos, grandes glutões, alimentam-se bem, gerando, assim, filhotes mais fortes e com bom ganho de peso para a venda. Após 2 meses de nascimento, os patinhos são separados entre fêmeas (postura) e machos (reprodutores), recebendo vacinas contra a doença Newcastle. O retante do plantel é destinado para o consumo, vendidos vivos ou abatidos. Nesta idade, os patos alcançam de 2,5 a 3 kg, após o abate e o preparo da carne.

Postura das patas


Da postura anual das patas, surgem de 60 a 100 ovos. Entretanto, na Primavera, a postura aumenta, período em que as patas botam de 15 a 20 ovos. Como já dissemos, a incubação dos ovos ocorre em 30 dias, quando nascem os patinhos. Estes, ao nascerem, devem ser transferidos para as criadeiras e permanecer nelas por 30 dias.

Instalações da criação


Para a criação de patos, é necessário um galpão em torno de 10 m de largura por 20 a 200 m de comprimento. Tudo depende da quantidade de aves por m². Quanto à altura dos galpões, são necessários 4 m, em regiões com clima quente, e 3 m, se o clima for ameno. Da mesma forma, deve-se ter cuidado em relação à posição do galpão para evitar o excesso de exposição das aves ao sol, o que poderá causar a morte dos patos. Por isso, o galpão deverá possuir uma área constantemente sombreada, para o conforto das aves.

Conheça mais sobre criação de aves, acessando os Cursos CPT, da área Avicultura.
Por Andréa Oliveira.
Fontes: Meio Século de Aprendizagens, Aves Ipeuna, Novo Negócio e USDA National Nutrient Database for Standard Reference.

Deixe seu comentário

Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

O CPT garante a você 100% de segurança e
confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Seu comentário foi enviado com sucesso!

Informamos que a resposta será publicada o mais breve possível, assim que passar pela moderação.

Obrigado pela sua participação.

Comentários

Ariosto Manoel Ramos da Silva

1 de out. de 2021

gostei muito das informacoes quero aprender mais sobre patos

Resposta do Portal Cursos CPT

1 de out. de 2021

Olá, Ariosto! Como vai?

Fiquei feliz em saber que você gostou da nossa matéria, não deixe de nos visitar sempre. Aqui você encontrará, em nossa sessão de artigos e dicas, muitos outros assuntos interessantes que poderão te ajudar.

Em breve, uma de nossas consultoras entrará em contato com informações sobre o curso na área desejada.

Forte abraço!

Marcela Teixeira.

Elucílio José Martinho

18 de set. de 2021

Boa noite. Estou feliz pelo detalhe fornecido. Tinha muitas dúvidas, mas graças ao texto estou satisfeito, no entanto resta-me uma dúvida: tive uma criação de patos, que acabei por desistir por stress. Era normal morrerem patinhos 10 por semana. O que eu notava, ficavam com olhos inchados que nem conseguiam abrir. Poderiam-me ajudar a entender qual era o problema? Desde já agradeço!

Resposta do Portal Cursos CPT

20 de set. de 2021

Olá, Elucílio! Como vai?

Fiquei feliz em saber que você gostou da nossa matéria, não deixe de nos visitar sempre. Aqui você encontrará, em nossa sessão de artigos e dicas, muitos outros assuntos interessantes que poderão te ajudar.

Forte abraço!                       

Marcela Teixeira.

Elusio LANGA

14 de set. de 2021

Posso ter infirmacao sobre as medidas dos galpoes para um abate de 1000 patos mensais. Tendo disponivel 1,5ha. Como obter um projecto completo e quanto custaria.

Resposta do Portal Cursos CPT

15 de set. de 2021

Olá, Elusio! Como vai?

Fico feliz com sua visita!

O CPT trabalha com a produção e comercialização de cursos de capacitação à distância, onde o aluno tem a oportunidade de aprimorar seus conhecimentos e enriquecer sua grade curricular.

Em breve, uma de nossas consultoras entrará em contato com você, ok?!

 

Forte abraço!

Marcela Teixeira.

Felisberto Alves

18 de jun. de 2021

Tenho um pato e uma marreca, o pato vem sempre cruzando com a marreca e esta ja esta a botar ovos. sera que neste cruzamento vai originar um pinto? Agradecimentos antecipados pela vossa consideracao.

Resposta do Portal Cursos CPT

18 de jun. de 2021

Olá, Felisberto 

Como vai?

Agradecemos sua visita ao nosso site!

Sugerimos que você procure um especialista na área em sua região para que o mesmo possa orientá-lo da melhor forma possível.

Atenciosamente,

Erika

Rosario Alfredo Alfredo

22 de abr. de 2021

Gostei da informação obtida e foi bom.

Resposta do Portal Cursos CPT

29 de abr. de 2021

Olá, Rosário 

Como vai?

Agradecemos sua visita ao nosso site!

Ficamos felizes em saber que você gostou de nosso artigo.

Em breve, uma das nossas consultoras entrará em contato com informações e esclarecimentos sobre os cursos que serão fundamentais para o seu aprendizado.

Atenciosamente,

Erika

Regina Helena Duarte Guerra

16 de mar. de 2021

Tenho 1 pato e 4 patas. Uma pata está chocando 10 ovos e num outro ninho, tem uns 14 ovos que o pato está chocando. Isto é normal? Vai dar certo? Obrigada se puderem responder.

Resposta do Portal Cursos CPT

24 de mar. de 2021

Olá, Regina

Como vai?

Agradecemos sua visita ao nosso site!

pato não é monogâmico e chega a acasalar com até quatro fêmeas, que se reproduzem entre sete e oito meses de idade. Elas botam, em média, quatro vezes ao ano e são capazes de chocar 15 ovos por vez, dos quais cerca de 80% chegam à eclosão.

Atenciosamente,

Erika

Jurema mariano

2 de fev. de 2021

Bom dia Gostei muito da matéria de vocês.Meus patinhos estão com a parte de cima próximo ao olho ficando amarelada vc saberia me dizer o que é,antes era bem vermelha.

Resposta do Portal Cursos CPT

3 de mar. de 2021

Olá, Jurema 

Como vai?

Nessas circunstâncias, a melhor orientação que podemos dar a você é que procure em sua cidade um especialista. Devido ao fato de não estarmos presentes para fazer uma correta avaliação, qualquer diagnóstico passa a ser um risco desnecessário à ave.

Atenciosamente,

Erika

Adeni bazana

6 de jan. de 2021

Ganhei 2 patinhas com três dias de vida agora colocamos as duas em um viveiro de 3x4,que é o espaço possível mas,a maior de lilás hoje começou a agredir e,arrancar pé nas da irmã para comer machucando não sei o que fazer

Resposta do Portal Cursos CPT

8 de jan. de 2021

Olá,Adeni 

Como vai/

Agradecemos sua visita ao nosso site!

O ideal é procurar por um especialista, para que ele possa analisar a situação e assim orientá-la de forma mais eficiente.

Atenciosamente,

Erika

Rogério Santana

22 de dez. de 2020

Vou fazer o curso de criação de patos ,para abastecer o mercado mineiro ,paulista carioca e capixaba

Resposta do Portal Cursos CPT

23 de dez. de 2020

Olá, Rogério Santana

Como vai?

Agradecemos sua visita e comentário em nosso site.

Em breve, uma das nossas consultoras entrará em contato com informações e esclarecimentos sobre o curso que irá ajudá-lo a ter uma criação de patos rentável.

Atenciosamente,

Erika Lopes

Carlos Alberto Tivane

27 de jun. de 2020

Gostei imenso do jeito como abordam mas gostaria de saber em termo de vacinas! Tem que se vacinar apos 7 ou 15 dias de vida? Ainda patinhos se separa da pata ou se separa juntamente com a pata?

Resposta do Portal Cursos CPT

30 de jun. de 2020

Olá, Carlos Alberto

Como vai?

Agradecemos sua visita ao nosso site!

Como você deseja dicas na área, enviaremos para o seu e-mail a partir de agora nosso boletim informativo. Nele você receberá importantes artigos na área.

Em breve, uma das nossas consultoras entrará em contato com informações e esclarecimentos sobre os cursos que serão fundamentais para o seu aprendizado.

Atenciosamente,

Erika Lopes

Últimos Artigos

Artigos Mais Lidos

Fique por dentro das novidades!