WhatsApp SAC (31) 98799-0134 WhatsApp Vendas (31) 99294-0024 Ligamos para Você Central de Vendas (31) 3899-7000
0

Seu carrinho está vazio

Clique aqui para ver mais cursos.

6 dicas fáceis para criar tucanos

Criar tucanos é uma forma prazerosa de investimento, contanto que sejam seguidas as exigências legais e estruturais do viveiro

6 dicas fáceis para criar tucanos

Criar tucanos é uma forma prazerosa de investimento, contanto que sejam seguidas as exigências legais e estruturais do viveiro. No Brasil, as principais espécies de tucano existentes são a de bico amarelo (Ramphastos toco), a de bico amarelo e preto (Ramphastos tucanus), a de bico preto (Ramphastos vitelinus) e a de bico verde (Ramphastos dicolorus). Todas belíssimas, sendo a primeira a mais famosa.

Quais providências legais e técnicas a tomar?


Para investir em uma criação de tucanos, além das instalações que garantam o bem-estar e o conforto das aves, é importante a legalização. Basta procurar o Ibama - Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis, e solicitar a licença para começar a criar essas belas aves silvestres. Além disso, é essencial contratar um profissional especialista, como biólogo, para o monitoramento dos tucanos.

Com quantas aves começar?


A aquisição dos tucanos deve ser realizada após criteriosa pesquisa para encontrar criadores credenciados e idôneos. No início, um casal basta até alcançar experiência no manejo das aves. O mais recomendado são aves jovens, pois são mais fáceis de constituir casais. Cada casal de tucanos deve habitar uma área isolada do viveiro. Eles são monogâmicos e somente vivem em casais.

Como deve ser o viveiro?


O viveiro deve apresentar um terço da área coberta para proteger os tucanos das intempéries climáticas, do sol, da chuva e do vento. A área total do viveiro deve apresentar seis metros de comprimento, por três metros de largura e três metros de altura. Em seu interior, deve ser instalado um ninho de madeira com 60 centímetros de altura por 40 centímetros de largura e profundidade.

Como deve ser o manejo alimentar?


Os tucanos são aves frugívoras, ou seja, alimentam-se especialmente de frutos. No manejo alimentar, devem ser fornecidos frutas picadas e sementes ricos em ferro. As frutas cítricas não são permitidas. Ração de qualidade deve ser fornecida às aves, além de permitir que os tucanos cacem insetos, pois estes são fonte de proteína. Água fresca, limpa e de qualidade deve estar sempre disponível.

Como ocorre a reprodução?


Quando chega aos 3 anos de vida (ou mais), tucano macho e tucano fêmea alcançam a maturidade sexual. A reprodução ocorre, de setembro a março, da primavera ao verão. A corte é feita da seguinte forma: o macho regurgita alimento no bico da fêmea e esta o atrai para o ninho. Após a fecundação, a fêmea bota até quatro ovos, que são incubados por 18 dias. Podem ocorrer até três posturas por ano.

Conheça os Cursos CPT da Área Aves Exóticas:

Os Segredos da Criação e Comercialização de Agapornis

Criação de Periquitos Australianos

Criação Comercial de Canários de Cor e Porte

Fonte: Globo Rural - revistagloborural.globo.com

Por Andréa Oliveira.

Deixe seu comentário

Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

O CPT garante a você 100% de segurança e
confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Seu comentário foi enviado com sucesso!

Informamos que a resposta será publicada o mais breve possível, assim que passar pela moderação.

Obrigado pela sua participação.

Últimos Artigos

Artigos Mais Lidos

Fique por dentro das novidades!