WhatsApp SAC (31) 98799-0134 WhatsApp Vendas (31) 99294-0024 Ligamos para Você Ligue Agora (31) 3899-7000
0

Seu carrinho está vazio

Clique aqui para ver mais cursos.

Dia do Cliente

Aprendendo a eliminar algumas pragas de suas plantações

As diversas pragas podem provocar grandes prejuízos às plantas

Controle de pragas

A agricultura se mantém como uma das atividades mais importantes para a sobrevivência humana. Responsável por produzir boa parte do alimento de toda a população mundial, essa atividade pode, porém, ser ameaçada por pragas, que atacam as plantações e destroem os alimentos, além de provocar grandes prejuízos.

Júlio César e Paulo Reis, professores do Curso a Distância CPT Pragas do Cafeeiro – Reconhecimento e Controle, explicam que existe um grande número de pragas que atacam as diversas plantações. Porém, boa parte delas pode ser facilmente controlada, desde que o agricultor as conheça e combata de forma precisa.

Confira a seguir algumas pragas que podem atacar as diferentes plantações e como combatê-las:

Mosca branca das hortaliças

A mosca branca das hortaliças ataca as plantas principalmente nas épocas de chuva ou de muito calor. Apesar de tamanho reduzido, se tornam um problema grande, pois se multiplicam rapidamente. Danificam as plantas e podem comprometer a produção. Para combatê-la, é possível preparar uma solução com pimenta-do-reino, alho, água e detergente para borrifar nas plantas. Além de ser uma solução natural, é eficaz contra a mosca branca.

Mosca das frutas

Como o próprio nome já diz, essa mosca ataca as frutíferas e causa grandes perdas na fruticultura. É possível combatê-la com armadilhas com isca tóxica ou coloridas com cola. Utilizando suco de frutas também é possível preparar um líquido em uma garrafa pet para que elas sejam atraídas e morram afogadas nele.

Pulgão na cebolinha

O pulgão é uma praga que ataca diversos tipos de plantas, instalando-se e sugando a seiva delas, fazendo com que folhas, ramos e galhos sequem e, em casos mais graves, que as plantas atacadas morram. Uma excelente opção para combater o pulgão é a utilização de água de fumo com sabão ou com água de pimenta, alternativas que não prejudicam as plantas e conseguem acabar com esse invasor.

Larva do broto da mandioca

Essa larva, por atacar o broto da mandioca, acaba prejudicando a planta e evitando que os brotos se desenvolvam. Para combatê-la, é possível utilizar um inseticida do grupo das espinhosas, que é registrado pelo Ministério da Agricultura. Porém, o uso deve ser orientado por um profissional.

Fumagina em laranjeiras

Essa doença é causada por fungos, que indicam que a planta foi afetada por uma praga sugadora de seiva. Impede a fotossíntese e, por consequência, reduz o vigor das plantas. É possível combater a fumagina de forma química ou de forma não química, lavando ou limpando as folhas afetadas.

Carambola bichada

As carambolas podem ser atacadas por diversos bichos, que acabam inutilizando a fruta. É possível, assim como no caso da mosca das frutas, montar armadilhas ou até ensacar os frutos assim que começarem a nascer, para evitar o ataque.

Ressaltamos que a aplicação de qualquer produto químico em plantas atacadas por pragas deve ser feita com o acompanhamento de um profissional.



Conheça os Cursos a Distância CPT da Área Agricultura:

Pragas do Cafeeiro – Reconhecimento e Controle
Controle de Pragas e Doenças do Coqueiro
Hidroponia – Controle de Pragas e Doenças da Alface

Fontes: Globo Rural – especiais.g1.globo.com
Canal do Horticultor – canaldohorticultor.com.br
Assim que faz – assimquefaz.com
por Renato Rodrigues

Deixe seu comentário

Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

O CPT garante a você 100% de segurança e
confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Seu comentário foi enviado com sucesso!

Informamos que a resposta será publicada o mais breve possível, assim que passar pela moderação.

Obrigado pela sua participação.

Últimos Artigos

Artigos Mais Lidos

Fique por dentro das novidades!