WhatsApp SAC (31) 98799-0134 WhatsApp Vendas (31) 99294-0024 Ligamos para Você Ligue Agora (31) 3899-7000
0

Seu carrinho está vazio

Clique aqui para ver mais cursos.

Agricultura orgânica: o que é e quais são seus objetivos?

Os métodos da agricultura orgânica são modernos e visam a exploração econômica por longo prazo, mantendo o agroecossistema estável e autossustentável

Objetivos agricultura orgânica

A Agricultura Orgânica é frequentemente entendida como a agricultura que não faz uso de produtos químicos. Também, há a falsa crença de que ela representa um retrocesso a práticas antieconômicas de décadas passadas e à produção de subsistência de pequena escala, usando métodos agronômicos já superados. A realidade, porém, é outra. Embora os agricultores orgânicos não usem agrotóxicos sintéticos, fertilizantes solúveis, hormônios, sulfas, aditivos e outros produtos químicos, e utilizem várias práticas que foram muito eficientes no passado, o conceito é bem mais amplo do que isso.

Segundo Jacimar Luis Souza, professor do Curso a Distância CPT Cultivo Orgânico de Alho, Cenoura, Baroa, Beterraba e Batata-Doce, em Livro+DVD e Cursos Online, “Os métodos alternativos de agricultura são métodos modernos, desenvolvidos em sofisticado e complexo sistema de técnicas agronômicas, cujo objetivo principal não é a exploração econômica imediatista e inconsequente mas, sim, a exploração econômica por longo prazo, mantendo o agroecossistema estável e autossustentável”.

Leis e princípios ecológicos e de conservação de recursos naturais são, assim, parte integrante desses métodos. As questões sociais são prioritárias, procurando-se preservar métodos agrícolas tradicionais apropriados, ou aperfeiçoá-los (Paschoal, 1994).

O conceito de Agricultura Orgânica, estabelecido em 1984 pelo Departamento de Agricultura dos Estados Unidos, pode ser assim descrito:

“Agricultura Orgânica é um sistema de produção que evita ou exclui amplamente o uso de fertilizantes, agrotóxicos, reguladores de crescimento e aditivos para a produção vegetal e alimentação animal, elaborados sinteticamente. Tanto quanto possível, os sistemas agrícolas orgânicos dependem de rotações de culturas, de restos de culturas, estercos animais, de leguminosas, de adubos verdes e de resíduos orgânicos de fora das fazendas, bem como de cultivo mecânico, rochas e minerais e aspectos de controle biológico de pragas e patógenos, para manter a produtividade e a estrutura do solo, fornecer nutrientes para as plantas e controlar insetos, ervas invasoras e outras pragas” (EHLERS, 1996).

Mas, segundo Paschoal (1994), a Agricultura Orgânica pode ser também definida como sendo “um método de agricultura que visa ao estabelecimento de sistemas agrícolas ecologicamente equilibrados e estáveis, economicamente produtivos em grande, média e pequena escalas, de elevada eficiência quanto à utilização dos recursos naturais de produção e socialmente bem estruturados, que resultem em alimentos saudáveis, de elevado valor nutritivo e livres de resíduos tóxicos, e em outros produtos agrícolas de qualidade superior, produzidos em total harmonia com a natureza e com as reais necessidades da humanidade”.


- Desenvolver e adaptar tecnologias às condições sociais, econômicas e ecológicas de cada região;
- Trabalhar a propriedade rural dentro de um enfoque sistêmico envolvendo todas as atividades da mesma;
- Priorizar a propriedade familiar;
- Promover a diversificação da flora e da fauna;
- Reciclar os nutrientes;
- Aumentar a atividade biológica do solo;
- Promover o equilíbrio ecológico das unidades de produção da propriedade;
- Preservar o solo, evitando a erosão e conservando suas propriedades físicas, químicas e biológicas;
- Manter a qualidade da água, evitando contaminações por produtos químicos ou biológicos nocivos;
- Controlar os desequilíbrios ecológicos pelo manejo fitossanitário;
- Buscar a produtividade ótima e não a máxima;
- Produzir alimentos sadios, sem resíduos químicos e com alto valor biológico;
- Promover a autossuficiência econômica e energética da propriedade rural;
- Organizar e melhorar a relação entre os produtores rurais e os consumidores; e
- Preservar a saúde dos produtores rurais e dos consumidores.

Conheça os Cursos a Distância CPT, em Livros+DVD e Cursos Online, da área Agricultura Orgânica.
Por Silvana Teixeira.

 

Salvar

Salvar

Faça já o Download Grátis
Faça já o Download Grátis Manual para Tornar sua Produção Orgânica

Basta preencher os campos abaixo para receber o material por e-mail:

O CPT garante a você 100% de segurança e
confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.

Deixe seu comentário

Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

O CPT garante a você 100% de segurança e
confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Seu comentário foi enviado com sucesso!

Informamos que a resposta será publicada o mais breve possível, assim que passar pela moderação.

Obrigado pela sua participação.

Últimos Artigos

Artigos Mais Lidos

Fique por dentro das novidades!