Solução nutritiva: como medir a condutividade elétrica da água?

A condutividade elétrica mede a concentração de sais dissolvidos na solução nutritiva. Trata-se da prática mais recomendada para a reposição de sais da solução nutritiva e é feita com um aparelho chamado condutivímetro

Solução nutritiva: como medir a condutividade elétrica da água?   Artigos Cursos CPT

 

A condutividade elétrica mede a concentração de sais dissolvidos na solução nutritiva. Quando os nutrientes são consumidos pelas plantas, o valor da condutividade elétrica fica baixo. Quando ocorre perda de água por evaporação e evapotranspiração, a concentração de sais aumenta e, consequentemente, a condutividade elétrica se eleva.

“A medida diária da condutividade elétrica é a prática mais recomendada para a reposição de sais da solução nutritiva. A leitura é feita com um aparelho chamado condutivímetro, encontrado em lojas de produtos agropecuários e, ou de equipamentos de laboratório do ramo”, afirma Dr. José Damião de Jesus Filho, professor do Curso a Distância CPT Hidroponia de Plantas Medicinais e Condimentares, em Livro+DVD e Curso Online.

A leitura da condutividade deve sempre ser feita após completar o volume da solução com água e a homogeneização da água com os sais que estão no reservatório. Por isso, é melhor fazer a reposição de água no final do dia e a leitura e correção do pH e da condutividade elétrica no dia seguinte, de manhã.

O condutivímetro precisa ser calibrado com uma solução padrão de 1,41 mS/cm. Antes e após a utilização do aparelho, é preciso fazer a lavagem do seu sensor com água destilada, seguida de secagem com papel absorvente macio. É importante que a solução tampão seja mantida em geladeira, retirando-se antes do seu uso.

O valor da condutividade elétrica aferido no condutivímetro indica sobre a necessidade de repor os sais da solução nutritiva. No entanto, a condutividade avalia apenas a quantidade total de sais presente na solução, não fornecendo a quantidade individual de cada nutriente. Para se conhecer o teor de cada nutriente na solução, torna-se necessário realizar uma análise química periódica da mesma. Mas, o resultado da análise pode demorar e, além disso, os custos podem se tornar inviáveis. Tendo em vista essas dificuldades, os produtores têm utilizado a medida da condutividade elétrica como parâmetro para repor os nutrientes da solução nutritiva.

Para definir a quantidade de sais a adicionar, deve-se considerar a condutividade elétrica da solução nutritiva recém-preparada e a formulação e proporção de sais dessa solução, de forma a fazer a reposição de nutrientes em proporções adequadas e balanceadas, para atingir a condutividade elétrica desejada.

Conheça os Cursos a Distância CPT, em Livros+DVDs e Cursos Online, da área Hidroponia.
Por Silvana Teixeira.

 

Cursos Relacionados

Curso Hidroponia - Solução Nutritiva Curso Hidroponia - Solução Nutritiva

Com Prof. Dr. Quirino Carmello

R$ 398,00 à vista ou em até 12x de R$ 33,17 sem juros no cartão

Frete Grátis 2 ou mais Cursos
Saiba mais
Curso Hidroponia - Controle de Pragas e Doenças da Alface Curso Hidroponia - Controle de Pragas e Doenças da Alface

Com Prof.ª Liliane Teixeira, Prof. Octavio Nakano e P...

R$ 398,00 à vista ou em até 12x de R$ 33,17 sem juros no cartão

Frete Grátis 2 ou mais Cursos
Saiba mais
Hidroponia de Plantas Medicinais e Condimentares Hidroponia de Plantas Medicinais e Condimentares

Com Prof. Dr. José Damião

R$ 398,00 à vista ou em até 12x de R$ 33,17 sem juros no cartão

Frete Grátis 2 ou mais Cursos
Saiba mais

Deixe seu comentário

Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

O CPT garante a você 100% de segurança e confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Seu comentário foi enviado com sucesso!

Informamos que a resposta será publicada o mais breve possível, assim que passar pela moderação.

Obrigado pela sua participação.

Outros artigos relacionados à área Hidroponia

Últimos

Mais Lidos

Atendimento Online
Quer Facilidade