WhatsApp SAC (31) 98799-0134 WhatsApp Vendas (31) 99294-0024 Ligamos para Você Central de Vendas (31) 3899-7000
0

Seu carrinho está vazio

Clique aqui para ver mais cursos.

Torne realidade o sonho de viver do que você ama! 20% OFF nos cursos online + 5% OFF pagando no cartão

Receita de Marzipã

Esta pode ser utilizada na elaboração de peças decorativas e comestíveis para adornar bolos

 

Além de delicioso, o bolo ganha uma característica única

Há tempos o Brasil tem a tendência de produzir e consumir doces, pois agradava o paladar dos portugueses que aqui habitavam. Essa prática existia até nos conventos, onde viviam monjas portuguesas, que produziam doces que aprenderam a elaborar em Portugal. No entanto, outros povos também trouxerem deliciosas novidades, de diversas partes do continente europeu.

“E, foi a união desses povos, que aqui chegaram e somaram-se aos portugueses, que aqui já se encontravam, a base de muitos dos nossos hábitos e costumes. Entre estes, está a nossa confeitaria”, afirma Marina Queiroz, professora do curso Profissional de Confeitaria, elaborado pelo CPT – Centro de Produções Técnicas.

 

Com o passar dos anos, a confeitaria tornou-se sofisticada, e, em uma determinada época, até exclusiva da elite de nossa sociedade: Quem nunca viu uma cena de filme, ou de novela de época, onde as personagens mais ricas da trama frequentam casas de cafés ou de chás extremamente requintadas, para consumir deliciosos produtos de confeitaria?

 

Com o passar dos anos, surgiram novos maquinários e novos produtos alimentícios. Isso proporcionou uma evolução na arte de confeitar. Além disso, o consumidor passou a encontrar os mais diversos tipos de doces não só nas casas de chá, mas também em locais como restaurantes, lanchonetes e padarias.

 

Atualmente, o comércio de doces tornou-se uma atividade rentável e o melhor, podem ser produzidos em casa, sem a necessidade de grandes espaços. No entanto, algumas técnicas são primordiais para o sucesso do empreendimento, até mesmo para os que já atuam nesse setor.

 

Você, confeiteiro, siga o passo a passo para o preparo de Marzipã.


Marzipã


Ingredientes:


- 250 g de açúcar refinado;

- 150 g de farinha de amêndoa;

- 25 g de xarope de glucose;

- essência de amêndoa a gosto;

- açúcar de confeiteiro a gosto.

 

Modo de Preparo:


- Coloque o açúcar refinado e a farinha de amêndoa em um processador;

- Ligue o equipamento, deixe processar por alguns segundos e adicione o xarope de glucose;

- Deixe processando até que a consistência obtida se assemelhe à de uma cocada;

- Neste momento, desligue o processador, despeje a mistura sobre a mesa e acrescente a essência de amêndoa;

- Agora, trabalhe muito bem a massa, com as mãos;

- Quando a consistência desejada for obtida, adicione o xarope de glucose;

- Continue amassando com as mãos até a massa se desgrudar da mesa;

- Quando isso acontecer, enrole a massa em um filme plástico e reserve para utilizar posteriormente. Essa massa poderá ser utilizada em até dois dias, se conservada na geladeira.

 

Confira mais informações, acessando os cursos da área Padaria.

 

Por Andréa Oliveira

Deixe seu comentário

Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

O CPT garante a você 100% de segurança e
confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Seu comentário foi enviado com sucesso!

Informamos que a resposta será publicada o mais breve possível, assim que passar pela moderação.

Obrigado pela sua participação.

Últimos Artigos

Artigos Mais Lidos

Fique por dentro das novidades!