WhatsApp SAC (31) 98799-0134 WhatsApp Vendas (31) 99294-0024 Ligamos para Você Ligue Agora (31) 3899-7000
0

Seu carrinho está vazio

Clique aqui para ver mais cursos.

Farinha de trigo forte e farinha de trigo fraca: qual a diferença?

A farinha forte é rica em proteínas, de ótima qualidade e produz massas consistentes. As farinhas fracas possuem proteínas de qualidade inferior, em menor quantidade e produzem massas pegajosas


Farinha forte e fraca


Todos os tipos de farinha podem ser classificados em forte e fraca. A forte é aquela farinha rica em proteínas, de ótima qualidade, e que, por isso, produz massas bastante consistentes. Para uma farinha ser considerada forte, ela precisa possuir de 10,5% a 12% de proteína. E, para compensar as perdas nutricionais ocasionadas pela retirada do gérmen dos grãos do trigo, essa farinha pode ser enriquecida com tiamina, riboflavina, niacina e ferro, sendo chamada, por isso, de farinha forte especial. Por tudo isso as farinhas fortes especiais são mais caras.

Em geral, a composição de uma farinha forte segue os valores apresentados a seguir:

Componente da Farinha Percentual
Amido 70,5%
Proteína 12,5%
Água 13,5%
Fibras e minerais 2%
Gordura 1,5%



Segundo Marina Queiroz, professora do Curso a Distância CPT Básico de Panificação, em Livro+DVD e Curso Online, “As farinhas fortes especiais devem ser as preferidas dos padeiros para elaborar os produtos, pois permitem a obtenção de uma massa mais estruturada e mais flexível, que resulta em produtos de melhor qualidade”.

As farinhas fracas, por sua vez, possuem proteínas de qualidade inferior e em menor quantidade que a farinha forte. Por isso, são mais baratas e produzem massas pegajosas, sujeitas a abaixar dentro do forno.

Independente de ser forte ou fraca, a farinha de trigo possui uma composição básica formada por cinco elementos primários: proteína, amido, água, gordura e sais minerais. E, de todos esses elementos, o amido e a proteína são os mais importantes.

- Amido



O amido é formado, principalmente, por unidades de glicose que se ligam entre si e formam cadeias de açúcares. E, na presença de água e de calor, o amido se transforma em uma solução viscosa, com estrutura gelatinosa, que dará origem ao miolo dos pães.

- Proteína



A farinha de trigo possui as proteínas gliagina e glutelina, que são insolúveis, e juntas formam uma cadeia fibrosa e elástica que é chamada de glúten. É por isso que o glúten é chamado de a proteína da farinha de trigo. Essa farinha é a única, pois o trigo é o único cereal que possui essas duas proteínas. A gliagina é a responsável pelas características de elasticidade do glúten, e a glutelina fornece flexibilidade à massa, permitindo a apreensão de boa parte do gás carbônico produzido pela fermentação da massa. Isso resulta no crescimento da massa. O glúten é, portanto, o responsável pela extensibilidade e pela elasticidade da massa, isto é, pela capacidade que a massa tem de se estender e de voltar ao normal. A combinação da resistência e da elasticidade das proteínas do glúten é o princípio básico da panificação, pois, o equilíbrio entre resistência e elasticidade depende do volume e a qualidade dos produtos.

A quantidade de proteína existente em uma farinha é um dado que precisa ser fornecido pelo seu fabricante. Mas, como o glúten é o componente mais importante da farinha, e dele depende a qualidade dos produtos que serão elaborados, é recomendável que você faça uma avaliação simples para comprovar sua quantidade na farinha. O processo que permite determinar a quantidade de glúten de uma farinha é chamado de Teste de Glúten.

Conheça os Cursos a Distância CPT, em Livros+DVDs, da área Padaria.
Por Silvana Teixeira.

Deixe seu comentário

Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

O CPT garante a você 100% de segurança e
confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Seu comentário foi enviado com sucesso!

Informamos que a resposta será publicada o mais breve possível, assim que passar pela moderação.

Obrigado pela sua participação.

Comentários

diogenes silenci

30 de mai de 2018

Onde posso encontrar farinha de trigo forte? Agradeço muito se me informarem.

Resposta do Portal Cursos CPT

1 de jun de 2018

Olá Diogenes,

Você pode encontrar na internet e, em casas especializadas em produtos para panificação.

Atenciosamente,

Ana Carolina dos Santos

Últimos Artigos

Artigos Mais Lidos

Fique por dentro das novidades!