WhatsApp SAC (31) 98799-0134 WhatsApp Vendas (31) 99294-0024 Ligamos para Você Central de Vendas (31) 3899-7000
Como podemos te ajudar?
0

Seu carrinho está vazio

Clique aqui para ver mais cursos.

Cana-de-açúcar - Considerações Gerais

Cana-de-açúcar - Considerações Gerais.

 

O Brasil é o maior produtor mundial de cana-de-açúcar, com mais de sete milhões de hectares plantados, produzindo mais de 480 milhões de toneladas de cana, o que coloca o País na liderança mundial em tecnologia de produção de etanol.

Além de matéria-prima para a produção de açúcar e álcool, seus subprodutos e resíduos são utilizados para cogeração de energia elétrica, fabricação de ração animal e fertilizante para as lavouras.

A agricultura brasileira desempenha um importante papel no desenvolvimento do País, gerando emprego, renda e divisas. Nesse contexto está inserida a cana-de-açúcar, Saccharum officinarum, matéria-prima para a fabricação do açúcar e do álcool, além de outros subprodutos, colocadando o Brasil como líder mundial do setor.

O ciclo da cana-de-açúcar, a primeira grande riqueza agrícola e industrial do Brasil, teve início quando foi simultaneamente introduzida nas suas três capitanias: Pernambuco, Bahia e São Paulo. Representou um dos momentos de maior desenvolvimento econômico do Brasil Colônia e foi, durante muito tempo, a base da economia colonial.

O potencial de produção e o papel fundamental da cana-de-açúcar e de seus subprodutos - açúcar, etanol, aguardente, rapadura e energia elétrica, entre outros, tanto na agricultura quanto na indústria, fazem dessa cultura uma das mais importantes atividades da agroindústria nacional.

A cana-de-açúcar sempre teve um papel importante na economia brasileira. Não é de hoje que especialistas vêm buscando maneiras de aprimorar o cultivo da planta, tornando-a mais produtiva e resistente, entre outras vantagens agronômicas.

Sendo assim, o conhecimento das demandas agronômicas de uma cultura agrícola é imprescindível para o sucesso na atividade e fator essencial para a obtenção de rendimentos economicamente aceitáveis, com impacto ambiental mínimo. Neste contexto, deve-se cuidar para que a alocação de uma determinada espécie em uma região seja compatível com as características agroclimáticas adequadas ao desenvolvimento e produção da cultura.

No caso da cana-de-açúcar as principais características agronômicas que regulam o desenvolvimento da cultura estão descritas a seguir.

- Características Agroclimáticas

- Manejo

- Sistema de Cultivo

- Plantio

- Plantio Mecanizado

- Plantio Direto

- Espaçamento e Profundidade para o Plantio

- Quantidade de Mudas

- Clima

- Solo

- Cultivares

- Relações com o Ambiente

- Doenças da Cana

- Doenças Causadas por Bactérias

- Doenças Causadas por Fungos

- Doenças Causadas por Vírus

- Outras Doenças da Cana-de-açúcar

- MIP - Manejo Integrado de Pragas

- Maturação

- Colheita

- Processo de Colheita

- Corte da Cana

- Carregamento

- Beneficiamento da Cana

- Calagem

- Gessagem

- Adubação Mineral

- Análise do Solo

- Preparo Convencional do Solo

- Cultivo Mínimo

- Adubação com Resíduos Alternativos

- Irrigação

- Plantas Daninhas

- Manejo Integrado de Plantas Daninhas

- Máquinas e Implementos

 

Fontes: Embrapa, Wikipédia e UFPB, Ebah

Postado por Silvana Teixeira

 

Deixe seu comentário

Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

O CPT garante a você 100% de segurança e
confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Seu comentário foi enviado com sucesso!

Informamos que a resposta será publicada o mais breve possível, assim que passar pela moderação.

Obrigado pela sua participação.

Quer mudar de vida e ter sucesso profissional? Vamos te ajudar!