WhatsApp SAC (31) 98799-0134 WhatsApp Vendas (31) 99294-0024 Ligamos para Você Central de Vendas (31) 3899-7000
Como podemos te ajudar?
0

Seu carrinho está vazio

Clique aqui para ver mais cursos.

"quantos-dias-um-porco-chega-50-quilos"

Com a chegada da primavera, cultivo de flores destaca-se no sul do Brasil

Com a chegada da primavera, os agricultores do sul do Brasil, mais precisamente do Rio Grande do Sul, têm bons motivos para comemorar. Satisfeitos com o cultivo de flores, eles relatam que tanto a produção como a venda desse ano tendem a crescer. Calêndula, Petúnia, Amor-perfeito, Dálias, Palmas, Sempre-vivas, Beijinho, Gazânia, Brinco de princesa, Túia limão, Pompom, Repolho ornamental, Ranúnculo, Flor-de-mel e a Camisa de pintor, estão as culturas mais comercializadas na região.

Suínos sem mau cheiro

Pesquisadores canadenses desenvolveram um porco que não produz odores desagradáveis. O 'enviropig' (do inglês, 'environment', meio ambiente, e 'pig', porco) tem como objetivo causar menos poluição ambiental que o suíno comum. Porcos precisam de fósforo para constituir seu DNA, formar os ossos, dentes e paredes celulares.

Canjiquinha é boa pedida para os dias frios

O friozinho vem chegando e os pratos quentes voltam ao cardápio. Que delícia saborear uma vaca atolada, um caldo de feijão, uma sopa de legumes... E que tal experimentar uma tradicional canjiquinha mineira? Esse caldo suculento e colorido tem como ingredientes principais a costelinha de porco e a quirera, milho triturado grosseiramente até que fique um farelo que não passe na peneira, também conhecida como canjiquinha.

Preço da carne suína tem a maior alta nos últimos 2 anos

As festividades de fim de ano já batem à nossa porta e, do campo à mesa, a carne de porco é uma das mais procurada pelos brasileiros, devido ao seu delicioso sabor e alto valor nutritivo.

Colheita de café pode chegar a 50 milhões de sacas em 2013

A Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) divulgou a primeira estimativa do ano para a safra de café. De acordo com a instituição, devem ser colhidas entre 46,98 milhões e 50,16 milhões de sacas de 60 quilos de café.

Colhedora de café desenvolvida pela UFV atende plantações com 50% de inclinação

Pesquisadores do Departamento de Engenharia Agrícola da Universidade Federal de Viçosa, uma das maiores instituições de ensino, pesquisa e extensão do país, orientados pelo professor Mauri Martins Teixeira, desenvolveram no laboratório de engenharia agrícola, da própria UFV, uma colhedora de café revolucionária que atenderá plantações com 50% de declividade. As colhedoras até então desenvolvidas só conseguem trabalhar em terrenos com até 10% de inclinação, inviáveis para as montanhas de Minas Gerais.

O ácaro Varroa, grande inimigo das abelhas, está com seus dias contados

O ácaro Varroa, principal inimigo dos apicultores na República Tcheca e responsável pela morte de 35% das abelhas da região, está com seus dias contados. Especialistas afirmam que o parasita vive tanto dentro das larvas quanto nas abelhas já adultas, absorvendo a hemolinfa (fluido circulatório dos artrópodes), diminuindo, assim, sua massa corporal.

Troca de dias - prática que garante a sobrevivência de muitas famílias

Um costume ancestral, extinto em grande parte do país, continua vivo na serra da mantiqueira e garante a sobrevivência de muitas famílias: a troca de dias, prática de ajuda mútua, na qual sitiantes vizinhos, pela dificuldade de mão de obra e isolamento, juntos, realizam as tarefas de rotina em seus próprios sítios.

Mercado da suinocultura em alta

Os produtores de suíno têm muito que comemorar. A grande demanda da carne de porco no mercado tem feito o preço do quilo aumentar, em contrapartida, o preço médio das rações tem diminuído. Para atender a demanda do mercado, os produtores têm abatido os animais antes do tempo previsto. De acordo com um levantamento da Associação Paulista, os porcos têm sido abatidos com 88 quilos em média, sendo normal abatê-los somente quando atingem 100 quilos.

Resfriamento do morango aumenta por mais 14 dias sua vida útil

Uma pesquisa da Unicamp conseguiu prolongar a vida útil do morango por mais 14 dias. Um dos maiores problemas do seu comércio é ser uma fruta extremamente perecível, durando apenas quatro dias depois de embalado. O morango in natura foi submetido a um processo de resfriamento rápido com temperatura de zero grau, obtendo um aumento substancial na validade do produto com as mesmas propriedades nutricionais.

Fique por dentro das novidades!