WhatsApp SAC (31) 98799-0134 WhatsApp Vendas (31) 99294-0024 Ligamos para Você Central de Vendas (31) 3899-7000
Como podemos te ajudar?
0

Seu carrinho está vazio

Clique aqui para ver mais cursos.

"mudas-de-cana-crioula"

Estiagem prolongada afeta plantação de cana-de-açúcar em Piracicaba/SP

A estiagem prolongada continua dando prejuízos a muitos agricultores no Brasil. Desta vez, os prejudicados pela falta de chuva foram os piracicabanos, cuja produção de cana-de-açúcar, em muitos lugares, sequer começou a crescer.

Plataforma online facilita a interação entre criadores de cavalos crioulos

Dentre os equinos preferidos pelos criadores de cavalos, a raça crioula destaca-se, principalmente no Sul do país. Entretanto, devido às suas ótimas características, o cavalo crioulo disseminou-se rapidamente por todo o território brasileiro. Tamanha é a importância deste equídeo que foi fundada uma associação dos amantes da raça, a Associação Brasileira de Criadores de Cavalos Crioulos - ABCCC

Cavalo crioulo: versatilidade e geração de renda

Com o passar dos anos, o cavalo crioulo deixou de ser um equino compacto e de frente pesada, para se tornar leve, alongado, elegante e dinâmico

Moagem da cana dever ter alta de 7,9%

A União da Indústria de Cana-de-Açúcar (Unica) prevê um aumento de 7,9% na moagem da cana-de-açúcar pelos produtores da região Centro-Sul do país. Assim, até o final da safra atual, em março de 2013, a entidade espera que sejam processadas 532 milhões de toneladas, enquanto na safra passada o número foi de 493,1 milhões.

Construção civil pode substituir areia por bagaço de cana

O reaproveitamento das cinzas geradas com a queima de bagaço de cana na produção de concreto, no setor da construção civil, poderá transformar o resíduo em mais um subproduto da cana. A técnica para produção de concreto foi desenvolvida pelo pesquisador e professor da UFSCAR - Universidade Federal de São Carlos, Almir Sales, e vem sendo estudada há quatro anos.

Primeiras mudas de cana-de-açúcar transgênica

A primeira geração de mudas de cana-de-açúcar transgênica é tolerante à seca e foi desenvolvida pela Embrapa Agroenergia. O gene DREB2A foi selecionado em laboratório. Nos próximos três meses, as plantas passarão por processo de multiplicação e avaliação. Depois disso, as que apresentarem bom desempenho agronômico e em relação às características poderão passar para a análise de campo e aprovação junto ao Comitê Técnico Nacional de Biossegurança (CTNBio). Para chegar à cana transgênica, as pesquisas começaram em 2008. Além da Embrapa Agroenergia, a Embrapa Recursos Genéticos e Biotecnologia também faz parte do estudo. Os laboratórios desta possuem a certificação exigida pelo CTNBio para estudar organismos modificados geneticamente.

Empresa lucra com mudas de mogno africano

A Mudas Nobres, sediada em Goiânia, GO, vende mudas de mogno africano e presta assistência técnica para o plantio há 7 anos. Nesse tempo, a empresa já passou de micro para pequena empresa e possui cerca de 18 funcionários. Eles atendem em todo o país e já pretendem expandir o negócio. O faturamento, que foi de R$ 150 mil no primeiro ano, foi de cerca de R$ 3 milhões em 2011.

Empresa mineira desenvolve a primeira cerveja de cana

A cerveja, bebida alcoólica de preferência nacional, normalmente é feita a partir do trigo, com uma mistura de lúpulo, cevada e leveduras. Já a cana-de-açúcar é a principal matéria-prima para a cachaça, bebida tradicional do Brasil. Uma empresa de Belo Horizonte resolveu inovar ao desenvolver uma cerveja a partir da cana. A bebida é a primeira do mundo.

Variedades de cana próprias para o cerrado

O Centro de Tecnologia Canavieira (CTC) lançou três novas cultivares de cana-de-açúcar, próprias para a produção no cerrado. O lançamento ocorreu ontem, durante a oitava edição do Cana Show, em São Paulo. Foram apresentadas as variedades da série CTC9000, composta pela CTC9001, CTC9002 e a CTC9003.

Cana-de-Açúcar é modificada geneticamente na busca por mais etanol

Pesquisadores brasileiros estudam meios para gerar um novo tipo de cana. A ideia é que a planta tenha mais fibra e menos sacarose, o que propiciará a produção de etanol celulósico. O desafio biotecnológico ainda não está no campo, mas já é conhecido como cana-energia.

Quer mudar de vida e ter sucesso profissional? Vamos te ajudar!