WhatsApp SAC (31) 98799-0134 WhatsApp Vendas (31) 99294-0024 Ligamos para Você Central de Vendas (31) 3899-7000
Como podemos te ajudar?
0

Seu carrinho está vazio

Clique aqui para ver mais cursos.

"desvantagens-da-inseminacao-artificial-em-suinos"

Inseminação artificial é biotecnologia também usada nos suínos

Atualmente, a inseminação artificial atinge quase todos os rebanhos tecnificados, e na criação de suínos não é diferente. Essa biotecnologia trabalha com a relação de um macho para cada 100 fêmeas. O processo para retirada do sêmen exige paciência e é um treinamento feito todos os dias durante 20 min, até que os animais se acostumem com o local e o manequim de metal.

Inseminação artificial é responsável por quase metade dos porcos nascidos em Portugal

Quase cinquenta por cento dos suínos nascidos em território português são filhos de varrascos, machos para reprodução, criados em centros de inseminação artificial de suínos. Esses animais dão origem a uma ou duas ninhadas por semana cada um e chegam a não ter contato com fêmeas até os três anos de vida.

Processo de controle reprodutivo na inseminação artificial em tempo fixo

A IATF – Inseminação Artificial em Tempo Fixo, pode ser definida como um processo reprodutivo de tempo pré-determinado, sem observação do cio, após um tratamento hormonal, visando a sincronização do momento de ovulação para a obtenção de alta taxa de concepção.

Vantagens da inseminação artificial em bovinos proporciona mais adeptos

Utilizada para o melhoramento genético do plantel, a IATF - Inseminação Artificial em Tempo Fixo, é um grande avanço tecnológico que vem ganhando destaque comercial no Brasil. Muitos fatores interferem no comportamento dos animais durante o cio, o que acaba por dificultar a observação do vaqueiro.

Inseminação artificial em bovinos é sinônimo de maior produtividade

A inseminação artificial é o ato de deposição do sêmen no útero da fêmea, ao invés de ocorrer a cópula com um touro. O sêmen utilizado é diluído, o que evita perda de grande parte dos espermatozoides, ao contrário do que acontece na monta natural. A fecundação, no entanto, depende, também, da presença do óvulo fértil no útero. O objetivo do manejo reprodutivo é fazer com que a vaca tenha maior número de crias ao longo de sua vida

Protocolo de IATF para vaca leiteira é estratégia para maior remuneração do produtor

Especial - A base dos protocolos de IATF - Inseminação Artificial em Tempo Fixo, é sempre a mesma, mas para fêmeas manejadas para produção leiteira ou fêmeas acíclicas... E mais: vídeo explicando o protocolo de IATF para vacas leiteiras

Inseminação artificial em ovinos multiplica por dez as coberturas da monta

O manejo reprodutivo das ovelhas tem por objetivo fazer com que os animais tenham o maior número de crias ao longo de sua vida, seja para produção de carne, lã ou leite. Como também que, a cada geração, as crias sejam superiores aos seus genitores.

Fotossíntese com folha artificial gera energia

Um grupo de cientistas americanos desenvolveu uma folha capaz de produzir energia elétrica. A experiência foi apresentada na reunião nacional da American Chemical Society, e confirma o empenho de pesquisadores na busca pela fotossíntese artificial.

Folha artificial faz combustível a partir da luz solar

Pesquisadores do Massachusetts Institute of Tecnology (MIT) desenvolveram uma folha artificial capaz de transformar a luz solar em um combustível químico. Ele fica armazenado e pode ser usado depois. O estudo foi publicado na Revista Science.

Exportações de carne suína crescem 12,8% esse ano

Segundo a Associação Brasileira da Indústria Produtora e Exportadora de Carne Suína (Abipecs), o setor tem muito o que comemorar. O Brasil exportou mais de 540 mil toneladas de carne suína de janeiro a novembro de 2012. O resultado representa um aumento de 12,8% em relação ao mesmo período do ano passado.

Quer mudar de vida e ter sucesso profissional? Vamos te ajudar!