WhatsApp SAC (31) 98799-0134 WhatsApp Vendas (31) 99294-0024 Ligamos para Você Central de Vendas (31) 3899-7000
Como podemos te ajudar?
0

Seu carrinho está vazio

Clique aqui para ver mais cursos.

"cafeteria"

Experiência de criar o próprio café atrai clientes em cafeteria

Barista é o profissional que domina a arte de preparar café espresso e todo tipo de bebida (alcoólica ou não) preparada com café. Além de exercer suas funções em hotéis, restaurantes, cafeterias e eventos, esse profissional pode ministrar cursos e workshops a interessados no saboroso e aromático universo do café.

Setor de cafeterias cresce no Brasil

Devido à falta de tempo, alimentar-se fora de casa já virou um hábito para a maioria dos brasileiros. O costume está se estendendo até para o tradicional cafezinho, consumido por cerca de 97% da população brasileira. De acordo com a Associação Brasileira da Indústria do Café (Abic), o consumo da bebida fora de casa aumentou 307% nos últimos 8 anos. Consequentemente, o negócio de cafeterias tem crescido bastante em todo o país, mostrando-se bastante rentável.

Montar cafeteria ficou mais fácil com as máquinas nacionais de café expresso

Em meio a tantos equipamentos importados existentes no mercado, quem está abrindo ou já possui uma cafeteria tem a opção de investir em um expresso feito em máquina nacional. Pequenos empresários brasileiros reconheceram essa deficiência e estão fabricando as máquinas usadas para fazer o saboroso cafezinho.

Confeitaria entra na moda do food service

O processo de terceirização da produção de sobremesas tem sido uma das oportunidades de negócios geradas pelo segmento de food service. Os principais clientes são os restaurantes, cafeterias, lanchonetes, supermercados e hotéis. Essa união tem beneficiado os dois lados, um ganha na venda em escala e o outro pode comercializar um produto de preparo detalhado e qualidade padronizada.

Mercado de confeitaria artística cresce, mas faltam profissionais

Os doces temáticos estão em alta e se tornaram uma ótima opção de carreira. Quem entrou no ramo não se arrepende, pois o rendimento é alto, muitas vezes sendo o sustento da família. O serviço tem sido procurado para festas, reuniões sociais ou empresariais, cafeterias, restaurantes, hotéis e padarias.

Consumo de café está em alta

Uma pesquisa encomendada pela Abic - Associação Brasileira da Indústria de Café, divulgou na última semana que os índices de consumo do café aumentaram e estão cada vez mais consolidados. De acordo com o estudo, o crescimento subiu seis pontos percentuais. Há sete anos consecutivos, a mesma avaliação confirmava que 91% dos entrevistados, homens e mulheres com mais de 15 anos, declaravam ter consumido café no dia da pesquisa como também no anterior.

Fabricação de pão é apenas uma das atividades da padaria moderna

Uma palestra ministrada em 2008, sobre a evolução das tendências das padarias no Brasil, apresentou uma estatística altamente favorável para o setor, e na época, até surpreendente. O fato é que os números estavam corretos e a estimativa de crescimento ocorreu, fechando o ano em R$ 800.000. A projeção para 2020 continua animadora. A média de faturamento será de R$ 900.000.

Padarias agregam mais serviços para driblar a concorrência

As padarias já são quase mercearias. A estratégia de agregar produtos e serviços tem se apresentado como uma excelente opção para se estabelecer no mercado com mais lucros. No local, vende-se diversos pães, incluindo a linha light e integral, lanches, frios, frutas, verduras, carnes, produtos para mercearia e até pet shop.

Bons negócios são unidos para aumentar o faturamento

De manhã um restaurante, a noite um espaço para baladas ou uma cafeteria que também é livraria e locadora. Reunir em um só estabelecimento mais de um negócio pode agregar mais clientes e alcançar um faturamento maior. A porta de entrada para o sucesso está em entender o que mais atrai seu mercado consumidor.

Consumo de café aumenta por vários motivos

O consumo per capita de café torrado, no Brasil, atingiu marca histórica e quebrou o recorde registrado há 45 anos. Em 2010, o número foi de 4,81 kg por habitante, o que equivale a quase 81 litros. O aumento fez com que a demanda total de café no Brasil chegasse a 19,1 milhões de sacas.

Quer mudar de vida e ter sucesso profissional? Vamos te ajudar!