Resultados da busca para "qual-e-alimentcao-do-peixe-piratinga"

Espécies de peixes ornamentais

O surgimento da criação de peixes ornamentais ocorreu na China com a criação das carpas ou Koi (Cyprinus carpio) e, principalmente, do peixe japonês ou Kinguio (Caracius auratus)

Doenças nos peixes ornamentais

Diversas enfermidades acometem os peixes e podem, em certos casos, chegar a matar grande parte do plantel, provocando um enorme prejuízo. Na criação de peixes ornamentais deve-se tomar um cuidado especial pois, em função do manejo frequente, os peixes tornam-se mais susceptíveis às doenças

Como classificar peixes de acordo com sua cadeia alimentar?

A alimentação é um importante item na criação de peixes, pois dela depende, em grande parte, o sucesso da criação e os lucros que ela pode proporcionar. "Cadeia alimentar é uma sequência de organismos interligados por relações de alimentação. É a maneira de expressar as relações de alimentação entre os organismos de um ecossistema, incluindo os produtores, os consumidores (herbívoros e seus predadores, os carnívoros) e os decompositores", afirma Dr. Giovanni Resende, professor do Curso a Distância CPT Nutrição e Alimentação de Peixes, em Livro+DVD e Curso Online.

Exigências nutricionais dos peixes tropicais

Apesar das investigações acumularem décadas de conhecimentos, ainda hoje informações são escassas, se comparadas com as de outras espécies zootécnicas, onde a tecnologia já atingiu um estágio de controle na formulação e manipulação de rações balanceadas, indispensáveis para máxima produtividade

Óleos de peixes fazem bem à saúde?

Óleos de peixes fazem bem à saúde? Sim, fazem! Os óleos de peixes contêm uma grande importância de ácidos graxos com 20 a 22 átomos de carbono, altamente insaturados, destacando-se o eicosapentaenoico (EPA) e o docosaexaenoico (DHA), da série ômega-3, os quais não ocorrem em outros animais em quantidades além de traços.

Por que acrescentar enzimas na alimentação de peixes?

O interesse no uso de enzimas na alimentação de peixes tem aumentado devido ao custo, cada vez maior, das matérias-primas tradicionais e a busca por outros ingredientes alternativos (cevada, aveia, arroz e trigo), afirma Giovanni Resende de Oliveira, professor do Curso a Distância CPT Nutrição e Alimentação de Peixes, em Livro+DVD e Curso Online.

Afinal, o que é recria de peixes? Você sabe?

A recria consiste nas criações de peixes que adquirem os alevinos de pisciculturas especializadas e registradas, para criá-los até se transformarem em peixes juvenis. “Quando eles atingem o peso ideal para a outra fase da criação, podem ser comercializados, simplesmente, para outras pisciculturas para engorda, ou transferidos para outra instalação na própria piscicultura se esta praticar a fase de recria e engorda, pois o manejo e as instalações são diferentes

De que dependem os peixes para crescerem?

Os peixes necessitam de diversos nutrientes para adequado crescimento, reprodução e saúde, como aminoácidos, energia, ácidos graxos essenciais, minerais e vitaminas, afirma Giovanni Resende de Oliveira, professor do Curso a Distância CPT Nutrição e Alimentação de Peixes, em Livro+DVD e Curso Online.

Peixes em cativeiro necessitam da vitamina C para sobreviver?

Peixes em cativeiro necessitam da vitamina C para sobreviver? Sim, precisam. O ácido ascórbico (vitamina C) é uma das vitaminas mais estudadas para as tilápias, que, assim como outros animais, não conseguem sintetizá-la. Tilápias alimentadas com rações ausentes de suplementação de ácido ascórbico exibem baixa taxa de crescimento e baixa taxa de sobrevivência.

Fases da criação de peixes

A criação de peixes é dividida em três etapas: a alevinagem, a recria, e a engorda. Conheça, passo a passo, como são realizados estes processos

Atendimento Online
Quer Facilidade