WhatsApp SAC (31) 98799-0134 WhatsApp Vendas (31) 99294-0024 Ligamos para Você Central de Vendas (31) 3899-7000
Como podemos te ajudar?
0

Seu carrinho está vazio

Clique aqui para ver mais cursos.

"principais-doencas-do-pato"

Principais pragas e doenças de pastagens cultivadas

Com a expansão das pastagens cultivadas e intensificação da atividade pecuária nos últimos anos, várias pragas e doenças de forrageiras começaram a ter importância significativa

As codornas, por sua rusticidade, estão livres de doenças. Certo ou errado?

A codorna é uma das aves domésticas mais rústicas, não se conhecendo casos de susceptibilidade à maioria das doenças comuns da avicultura industrial. Mas há a hipótese de que a codorna, apesar de não manifestar muitas doenças, possa ser portador a do agente etiológico (causador da doença).

Enquanto o veterinário não chega: doenças nervosas

Doenças nervosas em cavalos são quase sempre letais. O curso das doenças dura geralmente de um a dez dias. Os sintomas geralmente são animais que

Criação de marrecos - os patos e os marrecos

Você sabia que os marrecos são irmãos gêmeos dos patos? Pois é, eles são. A única diferença entre eles é o tamanho, pois os marrecos são menores que os patos e atingem de 35cm a 50cm

Criação de marrecos - diferenças entre patos e marrecos

O marreco não tem carúnculas, verrugas avermelhadas sobre o bico e em volta dos olhos, e suas penas da cauda são viradas para cima formando uma vírgula. Já o pato tem penas lisas na cauda e postura mais horizontal

Doenças causadas por bactérias patogênicas

As bactérias são microrganismos causadores de doenças chamadas de intoxicações em seres humanos, e que podem ser causadas por ingestão de alimentos contaminados por grande quantidade de bactérias ou pelas substâncias que elas produzem (toxinas)

Controle biológico de pragas e doenças: o que é isso?

Esse tipo de controle tem como premissa o fato de que o equilíbrio entre espécies se dá na relação direta entre predador e presa. Assim, nesse tipo de manejo, utilizam-se predadores para controlar a presença de praga. "Pode-se utilizar, além de predadores, alguns parasitoides e organismos entomopatogênicos como vírus, fungos e bactérias, que causam doenças nos insetos, desde que sob a orientação de técnico especialista", afirma Eduardo Elias Silva dos Santos, professor do Curso a Distância CPT Como Montar um Viveiro de Plantas Ornamentais, em Livro+DVD e Curso Online.

Pragas e doenças das plantas medicinais

As plantas medicinais e aromáticas são, geralmente, mais resistentes a pragas e doenças que as culturas alimentícias. Mas, se ocorrer qualquer desequilíbrio no ambiente, elas podem aparecer e se instalar. “É sabido que as boas condições do solo, o plantio em clima e época favoráveis ao desenvolvimento da espécie, o espaçamento adequado entre plantas, a adubação e irrigação corretas reduzem muito a ocorrência de pragas e doenças”, explica o Prof. Dr. Celso Trindade, do Curso CPT Cultivo Orgânico de Plantas Medicinais.

Pragas Domésticas: doenças causadas pelos ratos

Os danos causados pelos roedores vão além de prejuízos materiais. São transmissores diretos ou indiretos de várias doenças, tanto para as pessoas quanto para os animais. Entre elas: leptospirose: transmitida através da urina dos roedores. Misturando-se com a água, com a lama, pode penetrar no homem e em outros animais pelas mucosas e pele, em especial àquelas com lesões. Ocorre principalmente nas áreas urbanas do Brasil. Os principais sintomas são febre, cefaléia, mal-estar, prostração e dores difusas, principalmente nas panturrilhas

Como se relacionam os parasitas e os bovinos

Como se relacionam as parasitas e os bovinos - De ciclo de vida simples, direto e rápido, os parasitas afetam a eficiência da bovinocultura de corte

Fique por dentro das novidades!