WhatsApp SAC (31) 98799-0134 WhatsApp Vendas (31) 99294-0024 Ligamos para Você Central de Vendas (31) 3899-7000
Como podemos te ajudar?
0

Seu carrinho está vazio

Clique aqui para ver mais cursos.

"pesca"

Vai processar pescados? Seu sucesso depende dessas dicas

Por pescado, pode-se designar qualquer animal de origem aquática, compreendendo peixes, moluscos (ostras, mariscos, lulas, polvos e abalones), equinodermos (ouriço-do-mar) e crustáceos (caranguejos, siris, camarões e lagostas). “Por serem altamente perecíveis, os pescados exigem cuidados especiais na manipulação, no armazenamento, na conservação, no transporte e na comercialização”, afirma Elisabete Maria Macedo Viegas, professora do Curso a Distância CPT Técnicas de Processamento de Peixes, em Livro+DVD e Curso Online.

O que são Parques Aquícolas?

No Brasil, existem grandes reservatórios de água, em várias regiões, e o Ministério da Pesca é o responsável por transformar partes desses reservatórios em Parques aquícolas. Mas, afinal, o que são Parques aquícolas? Segundo Dr. Augusto César Soares dos Santos, professor do Curso a Distância CPT Criação de Tilápias em Tanques-rede, em Livro+DVD e Curso Online, "Parques aquícolas são áreas mapeadas com o aval do Ministério da Pesca que poderão ser requeridas por pessoas físicas ou jurídicas para, nessas áreas, exercerem atividade de piscicultura, dentro dos padrões e normas estabelecidos nos documentos de licenciamento ambiental".

Piscicultor: o peixe é aquilo que ele come!

"Você é o que você come!", o mesmo vale para o peixe ou qualquer outro organismo aquático. E é exatamente por isto que quem deseja atuar na aquicultura deve ter noção clara sobre os aspectos nutricionais e manejos específicos recomendados à espécie alvo. "O meio e os alimentos consumidos pelos pescados influenciam diretamente no seu valor nutritivo, na qualidade organoléptica, e em outros aspectos relevantes", afirma Giovanni Resende de Oliveira, professor do Curso a Distância CPT Nutrição e Alimentação de Peixes, em Livro+DVD e Curso Online.

Entrepostos para processamento de pescados são viáveis?

A instalação de pequenos abatedouros e, ou entrepostos para processamento mínimo e conservação de pescado cultivado pode ser uma boa alternativa à piscicultura, explica Dr. Giovanni Resende de Oliveira, professor do Curso CPT Criação de Peixes - Como Implantar uma Piscicultura.

Comercialização de peixes: o que o consumidor procura?

Segundo Dr. Giovanni Resende, professor do Curso CPT Criação de Peixes - Como Implantar uma Piscicultura, "Conhecer o comportamento do consumidor é essencial para as empresas ou produtores traçarem suas estratégias e também para tornar mais seguras suas ações no mercado". Neste sentido, é imperioso para o sucesso do negócio que se saiba a resposta para a seguinte pergunta: o que um consumidor procura num pescado? Sabor? Textura? Valor nutricional?

Piscicultura: onde legalizá-la para sair da informalidade?

Como todas as atividades humanas, a piscicultura é uma atividade que pode ter impactos significativos sobre o meio ambiente, tanto na implantação dos viveiros quanto na sua operacionalização. Segundo Dr. Giovanni Resende, professor do Curso CPT Criação de Peixes - Como Implantar uma Piscicultura, "Atualmente, a produção de pescado com qualidade é uma exigência do mercado consumidor. Por isso, existem leis que regulamentam a instalação de uma piscicultura para minimizar os danos ao meio ambiente que uma empresa como essa pode causar".

Onde encontrar o fígado nos peixes, você sabe?

Pratos preparados com peixes são uma delícia, não é mesmo? Principalmente quando eles são comprados por você, ainda bem fresquinhos, e próprios para o consumo, certo? Mas, aí surge uma dúvida: como limpar corretamente o pescado e, principalmente, como encontrar e tirar o fígado? Se você não sabe onde ele fica, vai aí algumas dicas de ouro, das principais espécies comerciais.

Segurança alimentar em supermercados: origem dos produtos

O que avaliar junto aos fornecedores de carne, pescado, leite e derivados? Além dos cuidados gerais, os fornecedores desse tipo de mercadoria (mercadoria altamente vulnerável ao desenvolvimento de microrganismos ? contaminação alimentar) deverão ainda oferecer

Os benefícios da sardinha para a saúde

A sardinha é capaz de reduzir o risco de infarto, baixar o nível de triglicérides, e, auxiliar, também, na prevenção de diabetes, osteoporose e enxaquecas

Por que os peixes se deterioram rapidamente?

O desenvolvimento bacteriológico é, sem dúvida, um dos principais fatores que levam à deterioração dos pescados. Todos os animais aquáticos, seja de origem marinha ou de água doce, têm, normalmente, sobre a sua superfície externa, populações bacterianas relativamente grandes.

Quer mudar de vida e ter sucesso profissional? Vamos te ajudar!