WhatsApp SAC (31) 98799-0134 WhatsApp Vendas (31) 99294-0024 Ligamos para Você Central de Vendas (31) 3899-7000
Como podemos te ajudar?
0

Seu carrinho está vazio

Clique aqui para ver mais cursos.

"o-q-plantar-em-solo-umido"

Por que avaliar a fertilidade do solo antes de plantar?

Por que avaliar a fertilidade do solo antes de plantar? Simples: o solo tem determinadas características físicas, químicas e biológicas. Por outro lado, as culturas têm determinadas exigências nutricionais que devem ser satisfeitas a partir das características químicas do solo, afirma Eurípedes Malavolta, professor do Curso a Distância CPT Análise de Solo e Recomendação de Calagem e Adubação, em Livro+DVD e Curso Online.

Urucum - tipo ideal de solo para o cultivo deste corante natural

O urucueiro é uma planta rústica e resistente e, por isso, adapta-se a diferentes condições de solo, podendo ser cultivado até mesmo em solos de baixa fertilidade. É claro que, nessas situações, a produtividade será menor que em solos com boa fertilidade. Mas, o teor de bixina das sementes não acompanha essa relação, ou seja, mesmo a produtividade sendo pequena, o teor de bixina será satisfatório, dependendo da cultivar utilizada.

Vai plantar feno? Corrija a acidez do solo antes!

No Brasil, a ocorrência de solos ácidos é fato comum na maioria das regiões. Nessas condições, predominam solos com teores de cálcio e magnésio bastante baixos, uma forte presença de acidez de alumínio e manganês, o que é bastante prejudicial ao desenvolvimento de qualquer cultura. No manejo da fertilidade dos solos de pastagens, muitas vezes, os produtores se omitem no manejo da fertilidade, à custa de produção de forragem mais baixa. Para a produção de feno, entretanto, esquecer da fertilidade do solo significa comprometer severamente a produção e, consequentemente, a rentabilidade do negócio.

De que são compostas as plantas?

As plantas são compostas de raiz, caule, folha, flor, fruto e semente. "É a partir do trabalho conjunto e harmônico entre suas partes que as plantas se desenvolvem com sucesso", afirma Eduardo Elias Silva dos Santos, professor do Curso a Distância CPT Como Montar um Viveiro de Plantas Ornamentais, em Livro+DVD e Curso Online. Para entendermos melhor como se dá o desenvolvimento das plantas, é preciso conhecer sua estrutura e como funciona cada parte que a compõe. Vamos a elas:

Como as plantas obtêm os nutrientes necessários para sobreviver?

As plantas obtêm os nutrientes que necessitam através da absorção pelas raízes dos elementos existentes na solução do solo. E são três os processos de absorção: interceptação radicular, fluxo de massa e difusão. Antes de qualquer coisa, esta absorção dependerá da existência ou de sua disponibilidade na solução do solo.

Plantas espontâneas são o verdadeiro laboratório do solo

Bem, é fácil compreender que, se uma planta está se desenvolvendo bem em um determinado local, sem no entanto ser cultivada, é porque ela está encontrando ali condições favoráveis. Portanto, a presença delas indica, com segurança, quais são as condições atuais que o solo se encontra.

Tinturas com plantas medicinais

A tintura é uma forma de preparação em que se extrai os princípios ativos das plantas medicinais, utilizando-se álcool. De preferência, deve ser usado o álcool de cereais no preparo. A tintura pode ser preparada com plantas frescas ou secas, previamente picadas ou trituradas. O procedimento para o preparo de tintura é o mesmo para qualquer parte da planta: raízes, caules, flores ou folhas. Conheça alguns tipos de tinturas:

Por que arar o solo? Qual a vantagem desse método?

Entre as operações agrícolas com denominação geral de preparo periódico do solo, a aração é a mais antiga e comumente realizada. Ela provoca a aeração das camadas, permitindo maior introdução de oxigênio e expulsão de gás carbônico, o que facilita os processos químicos e biológicos da oxigenação, como uma verdadeira respiração do solo.

Qual a importância do solo para as plantas e vegetais?

Para seu desenvolvimento, os frutos recebem nutrientes das plantas, elaborados a partir da fotossíntese e outros processos fisiológicos. A origem dos elementos básicos para que estes processos ocorram é bastante variada. "O ar e a luz solar são absorvidos em grande parte pelas folhas. Já a água e os nutrientes, em sua maioria, são absorvidos pelas raízes", afirma Margarida Maria Teixeira Cerqueira, professora do Curso a Distância CPT Ciências na Educação Infantil, em Livro+DVD e Curso Online.

Como armazenar plantas medicinais após a colheita?

Após a secagem, as plantas devem ser armazenadas em embalagens que permitam adequada aeração. Normalmente, são utilizados sacos de papel, sacos plásticos, caixas de papelão, potes de vidro, sacos de juta e algodão ou sacos de náilon trançado. Durante o acondicionamento, deve-se tomar o cuidado de não apertar ou prensar as plantas.

Quer mudar de vida e ter sucesso profissional? Vamos te ajudar!