WhatsApp SAC (31) 98799-0134 WhatsApp Vendas (31) 99294-0024 Ligamos para Você Ligue Agora (31) 3899-7000
0

Seu carrinho está vazio

Clique aqui para ver mais cursos.

Resultados da busca para "nomes-de-queijos-finos" ()

Produção de queijo reino, cottage, coalho e ricota: queijo edan

O português Carlos Pereira Sá Fortes, tentou produzir uma adaptação do queijo Edan de origem holandesa no Brasil. Ele fez com que este queijo apresentasse características típicas do nosso país, surgindo com isto o queijo do reino

Produção de queijo reino, cottage, coalho e ricota: queijo cottage

O queijo Cottage é um produto de origem britânica sendo muito popular nos Estados Unidos. A origem do nome vem do fato deste queijo ser fabricado nos sítios, podendo ser encontrado magro ou adicionado de creme. Quando maturado por alguns dias recebe o nome de Clabber.

Produção de queijo reino, cottage, coalho e ricota: queijo de coalho

O queijo de coalho é um queijo típico das regiões norte e nordeste do país, destacando-se como o principal queijo artesanal dessas regiões. A produção desse queijo está concentrada nos estados de Pernambuco, Ceará, Rio Grande do Norte e Paraíba. Também tem importância na cultura e tradição nesses locais

Produção de queijo artesanal do serro e canastra: origem do queijo

Queijo é o nome genérico dado ao grupo de produtos fermentados de leite e é um exemplo clássico de preservação de alimentos mais antigos da história da humanidade. Provavelmente, ele surgiu no crescente fértil entre os rios Tigres e Eufrates no Iraque, entre os anos 7.000 e 8.000 AC, durante a chamada revolução agrícola, ocorrida com a domesticação de plantas e animais

Produção de queijo reino, cottage, coalho e ricota: queijo do reino

O queijo do reino, de massa semi-dura, originário da holanda, possui casca colorida, vermelho-lilás, lisa e fina, massa colorida de tonalidade amarelada, consistência firme (seca) e sabor pronunciado (picante).

Produção de queijo reino, cottage, coalho e ricota: massa do queijo cottage

É por meio da coagulação ácida ou enzimática do leite, que obtemos a massa do queijo cottage. Para aquele sabor característico deste queijo é adicionado fermentos acidificantes ou aromáticos, o que lhe confere sabor característico. Deve-se tomar cuidado com culturas aromáticas, para evitar estufamento do queijo.

Instalação de queijaria e controle de qualidade: classificação do queijo quanto ao tratamento da massa

O tipo de tratamento dado a massa do queijo é uma das maneiras de se classificar o queijo. Nesta classificação a massa do queijo pode ser: crua, semi-cozida e cozida. Massa semi-cozida: são os queijos que, além do aquecimento para coagulação, têm sua massa submetida a um tratamento térmico até 41ºC;

Queijos finos: queijo camembert

O queijo camembert é um queijo de pasta mole, produzido com leite de vaca, apresenta-se com uma fina crosta de bolor penicillium branco, que se torna impregnada de pigmentos vermelhos, castanhos e amarelos

Produção de queijos minas frescal, mussarela, gouda: queijo minas frescal

O queijo minas frescal, foi fabricado inicialmente em Minas Gerais no no século, XVIII, e atualmente é um dos queijos mais populares do Brasil

Surpreenda com o queijo de leite em pó

Quem não aprecia um queijo caseiro recém-saído do molde? É de dar água na boca, não é mesmo? Com apenas algumas dicas, é possível elaborar uma deliciosa iguaria láctea. E o mais interessante disso tudo é que o ingrediente principal é leite em pó. Isso mesmo! Surpreenda amigos e familiares com o queijo de leite em pó.

Fique por dentro das novidades!