WhatsApp SAC (31) 98799-0134 WhatsApp Vendas (31) 99294-0024 Ligamos para Você Ligue Agora (31) 3899-7000
0

Seu carrinho está vazio

Clique aqui para ver mais cursos.

Resultados da busca para "curso-perfurador-de-pocos-artesiano" ()

Quanto mais bombear, menor o nível de água dentro do poço

Quando ocorre um bombeamento, parte da água é transferida de dentro do poço para a superfície, o que resulta no rebaixamento do nível da água dentro do poço. Com esse rebaixamento, podemos afirmar que o nível da água, dentro do poço, irá variar de acordo com a vazão de água bombeada. Quanto maior a vazão, maior será a profundidade do nível da água dentro do poço. Isso acontece porque todo aquífero possui determinada capacidade de recomposição, sendo essa variável com a profundidade do nível dinâmico.

Depois de chover, o que acontece com a água que cai sobre o solo?

A chuva que se precipita sobre os continentes (solo) poderá seguir caminhos diferentes. Para facilitar o entendimento, vamos considerar que ela será dividida em três parcelas. A primeira parcela da água precipitada na forma de chuva sobre as regiões continentais irá infiltrar-se no solo e fluirá através do mesmo indo abastecer os mananciais (aquíferos) subterrâneos (freáticos e artesianos), que são os responsáveis pelas nascentes (no caso os freáticos) como também pelo abastecimento dos poços perfurados pelo homem (nesse caso, podem ser os freáticos e os artesianos).

Ciclo hidrológico: você sabe o que é?

A água é uma substância predominante na Terra, sendo encontrada na atmosfera, na forma de vapor; na superfície, sob a forma de oceanos, mares, lagos e rios; e nas calotas polares, na forma de gelo. Portanto, ela pode existir nos três estados, ou seja, líquido, sólido e gasoso (vapor d’água). Por isso, ela é classificada como um recurso renovável e, além disso, o seu volume é quantificado como sendo, praticamente, constante e suficiente para suprir todas e quaisquer necessidades que venham a ocorrer. A existência da água nos estados líquido, gasoso e sólido acontece em razão de alguns elementos climáticos (radiação solar, temperatura e vento) que a fazem passar por uma constate mudança de estado, realizando um ciclo denominado Ciclo Hidrológico.

Como produzir mudas em espuma fenólica?

"É preciso perfurar as células da espuma, antes de proceder à semeadura, utilizando qualquer instrumento pontiagudo, como chave de fenda, prego, parafuso entre outros. Os furos devem ter cerca de 1 cm de profundidade", afirma Dr. José Damião de Jesus Filho, professor do Curso a Distância CPT Hidroponia de Plantas Medicinais e Condimentares, em Livro+DVD e Curso Online.

A previsão é de chuva? Redobre os cuidados ao dirigir!

A chuva reduz a visibilidade de todos, deixa a pista molhada e escorregadia e pode criar poças de água se o piso da pista for irregular, não tiver inclinação favorável ao escoamento de água, ou se estiver com buracos. É bom ficar alerta desde o início da chuva, quando a pista, geralmente, fica mais escorregadia, devido à presença de óleo, areia ou impurezas. Deve tomar ainda mais cuidado, no caso de chuvas intensas, quando a visibilidade é mais reduzida e a pista é recoberta por uma lâmina de água podendo aparecer muito mais poças.

Auxiliar de dentista: dicas contra acidentes com material perfurantes

São considerados materiais perfurocortantes, elementos como: agulhas e lâminas de bisturi que, depois de utilizadas em procedimentos realizados nos pacientes, poderão transmitir doenças por contaminação de vírus ou bactérias, se algum tipo de ferimento for provocado quando estes elementos forem manuseados.

Muita ou poca água? Qual o melhor para as pimenteiras?

A pimenta necessita de 800 a 1.700 mm de chuva por ano, bem distribuídos. No entanto, chuvas em excesso podem ser prejudiciais, uma vez que essa planta não tolera o encharcamento. “A pimenteira resiste bem a estiagens curtas, mas a seca prolongada pode retardar o seu desenvolvimento e florescimento”, afirma Roseane Mendonça de Figueiredo, professora do Curso a Distância CPT Produção e Processamento de Pimenta, em Livro+DVD e Curso Online.

Especial de fim de ano: creme de mandioca com costela

O creme de mandioca cm costelinha agrada aos mais variados paladares. Confira essa deliciosa receita! Ingredientes: 1 kg de mandioca cozida e assada; 40 gramas de cebola picada; 2 dentes de alho; ½ maço de cheiro verde; 1 litro de fundo escuro de carne

Treinamento de motorista particular: procedimentos ao dirigir

Ao dirigir, o motorista particular deve adotar os seguintes procedimentos: só buzine em caso de extrema necessidade; respeite a vez de quem aguarda uma vaga para estacionar; Em dias de chuva, procure desviar de poças d'água, para não atingir eventuais pedestres com banhos de água suja; Espere, com educação, que o pedestre termine de atravessar a rua;

Aquíferos poroso, cárstico e fissural. Qual a diferença entre eles?

Os reservatórios subterrâneos são os locais, abaixo da superfície do solo, onde existe um grande volume de água que, em decorrência do processo de percolação, acumulou-se sobre a camada impermeável do solo. "Esse armazenamento de água subterrânea pode ser chamado de lençóis ou aquíferos subterrâneos", afirma Dr. Paulo Sant'Anna e Castro, professor do Curso a Distância CPT Recuperação e Conservação de Nascentes, em Livro+DVD e Curso Online.

Fique por dentro das novidades!