Resultados da busca para "10-perguntas-e-respostas-de-pluralidade-cultural"

Pluralidade cultural: importância

Por que trabalhar o tema pluralidade cultural é fundamental na educação das crianças? O conhecimento da pluralidade cultural dará a nossas crianças capacidade de buscar na infância, e, depois, na adolescência e na vida adulta

Geografia cultural do Brasil: saiba um pouco mais sobre nós!

As diferentes regiões do Brasil apresentam certo predomínio de alguns grupos culturais, com manifestações culturais, culinárias, sotaques, costumes e roupas diferenciadas. “Conhecer e respeitar a diversidade cultural, eliminar preconceitos e evitar a exclusão social por razões étnicas ou culturais são os grandes objetivos do tema transversal Pluralidade Cultural. Entender que o ambiente de vida é fator determinante na formação cultural é uma forma de chegar a esses objetivos”, afirma Maria Oliveira Cortes, professora do Curso a Distância CPT Pluralidade Cultural - Tema Transversal - Fundamental I, em Livro+DVD e Curso Online.

Pluralidade cultural: como trabalhar o tema

Você, professor, não sabe como trabalhar o tema pluralidade cultural com seus alunos? O andamento das aulas e as reações dos alunos aos conteúdos estudados podem ser o ponto de partida para que qualquer tema

Comercialização de peixes: o que o consumidor procura?

Segundo Dr. Giovanni Resende, professor do Curso a Distância CPT Criação de Peixes - Como Implantar uma Piscicultura, em Livro+DVD e Curso Online, "Conhecer o comportamento do consumidor é essencial para as empresas ou produtores traçarem suas estratégias e também para tornar mais seguras suas ações no mercado". Neste sentido, é imperioso para o sucesso do negócio que se saiba a resposta para a seguinte pergunta: o que um consumidor procura num pescado? Sabor? Textura? Valor nutricional?

Pluralidade cultural: transversalidade

Você sabe em que consiste a transversalidade, abordada na educação infantil? Diz respeito à possibilidade de estabelecer, na prática educativa, uma relação entre aprender conhecimentos teoricamente sistematizados

Fazendo a Diferença: você gosta de si mesmo?

Você gosta de si mesmo? Parece estranho fazer uma pergunta dessas. Mas, ao contrário do que se pensa, para muita gente a resposta é não. Autoestima é o conjunto de crenças que temos sobre nós e aceitamos como verdade. É nossa capacidade, habilidade e o que podemos e somos capazes de fazer

10 maneiras de viver melhor e ser mais feliz!

Quer aprender a viver melhor? Para começar, pense positivo; agradeça ao bom Deus por todos os dias vividos e pelas dádivas concedidas; tenha coragem para enfrentar os desafios do dia a dia, dizendo eu posso, eu vou conseguir; dê bom dia ao seu vizinho; faça uso das palavrinhas mágicas: por favor e obrigado; e, acima de tudo, sorria! O sorriso é mágico, gratuito, capaz de abrir portas. Acredite: você só tem a ganhar. Quer mais dicas para viver mais e melhor? Veja as dez dicas abaixo:

Quer passar em concursos? Dica: evite o tão famoso branco!

Um dos maiores fantasmas dos estudantes é o famoso branco que, infelizmente, pode ocorrer na hora da prova: você tem consciência de que sabe a resposta, mas ela não vem. Isto ocorre por causa da ansiedade. Quanto mais calmo e tranquilo você estiver, menos o branco acontece. Mas, se acontecer, passe para frente. No final da prova, volte às questões sem fazer e tente resolvê-las: quase sempre a resposta vem.

Você sabia que as galinhas podem apresentar piolhos e verrugas?

Acreditem. É perfeitamente possível, e muito natural, que as galinhas apresentem piolhos e verrugas. Mas, como pode ser? Muitos se perguntam. A resposta é muito simples: piolhos são parasitos que se alimentam do sangue das aves, causando às galinhas anemia e fraqueza, podendo, inclusive, levá-las à morte. As verrugas, por sua vez, indicam contaminação das galinhas pela doença bouba aviária, ou varíola aviária. Esta doença é altamente contagiosa, mas se identificada e combatida a tempo, pode ser curada.

Como manejar o rebanho sem utilizar qualquer tipo de medicamento?

As plantas medicinais são a resposta para esse questionamento. Seus princípios ativos podem ajudar a controlar e a curar diversas enfermidades. E, para que esses princípios ativos possam proporcionar o efeito terapêutico esperado, faz-se necessário um meio de aplicação: as pomadas, que são importantes veículos que visam garantir o efeito terapêutico dos princípios ativos das plantas medicinais.

Atendimento Online
Quer Facilidade