Resultados da busca para "vaca-leite"

Identificação do cio em vacas leiteiras - importância para o produtor

Para obter um intervalo entre os partos de 12 meses, e alcançar maior eficiência produtiva, é preciso que a vaca leiteira emprenhe até 90 dias após a parição, apesar de no Brasil este tempo médio ser de 18 meses. Não detectar o cio de vacas a tempo em propriedades leiteiras é uma falha que custa caro à produção, já que a inseminação é atrasada, aumentando o intervalo entre partos, reduzindo a produtividade leiteira e o número de bezerras nascidas. Mas, os prejuízos não param por aí. Quando não se percebe o cio, o produtor tem seus gastos elevados, pois tem de custear a manutenção de vacas improdutivas.

Cabra, vaca ou humano: conheça as características desses leites

Quadros (2008) observa que os leites de cabra, de vaca e de humano apresentam diferenças entre si, tanto na quantidade, quanto na classe da proteína. O leite de cabra pode ser utilizado por crianças alérgicas ao leite de vaca, ou pessoas que fazem tratamento quimioterápico, pois pode diminuir a queda dos cabelos. A porcentagem média do teor de proteína do leite de cabra é de 3,98%, distribuído na forma de caseína, lactoalbumina e nitrogênio não proteico. A caseína é predominante, com aproximadamente 80% desse composto.

Concurso de vacas leiteiras - itens classificatórios

Nos Concursos de Vacas Leiteiras, muito comuns em exposições agropecuárias em todo o Brasil e no exterior, a avaliação da aparência física do animal conta como item classificatório. Neste sentido, analisa-se toda a estrutura externa da vaca, ou seja, entram na classificação itens como garupa, estatura, frente anterior, dorso, entre outros.

Leite de vaca ou leite de cabra: qual o melhor para fabricar sorvete?

De acordo com pesquisas feitas pela Faculdade de Zootecnia e Engenharia de Alimentos (FZEA), da Universidade de São Paulo (USP), pode-se considerar como características favoráveis à fabricação de sorvete com leite de cabra: - A a-S1-caseína, considerada a principal causadora de alergias ao leite de vaca, tem um teor muito reduzido no leite de cabra. - Por ser antialérgico, ele é digerido mais facilmente, e alguns autores apontam um nível ligeiramente maior de vitaminas A, B1, B12, C e D.

Leite - importância, variedades, classificações e categorias

O leite, importante complemento na alimentação, é o primeiro e o principal alimento que ingerimos durante aos seis primeiros meses de vida. É um alimento rico em vitaminas, nutrientes, sais minerais, proteínas e é de extrema importância na dieta alimentar.

Laticínios - a importância do consumo do leite e seus derivados para a saúde humana

Os laticínios são produtos derivados do leite, como o queijo, o iogurte, a manteiga, o creme de leite, o doce de leite, entre outros. Seu consumo é extremamente importante para a manutenção da saúde humana, atuando junto à imunologia passiva, modulação do sistema imunológico, proteção contra hipertensão, proteção contra osteoporose, prevenção do câncer, entre outros. Alguns importantes alimentos funcionais também são derivados do leite, como os leites fermentados, iogurtes e outros produtos lácteos fermentados. São alimentos nutritivos, naturais ou enriquecidos com aditivos alimentares que reduzem o risco de doenças, além de oferecerem vários benefícios à saúde, inerentes à sua composição química.

Leite - cor, viscosidade, densidade e acidez

O leite fresco possui um sabor ligeiramente adocicado, principalmente devido ao seu alto conteúdo de lactose. Entretanto, todos os elementos do leite, inclusive as proteínas que são insípidas, participam de forma direta ou indireta na sensação de sabor. Sua cor deve ser branco-amarelada e opaca, sua viscosidade na escala de 2,2, sua densidade medida a 15ºC ou corrigida para esta temperatura e a acidez variando entre 6,6 e 6,8. Estas são características essenciais para um leite de qualidade, além do fator higiene.

Gado de leite - suplementação atua na prevenção da mastite e aumenta a qualidade do leite

A nutrição adequada de vacas leiteiras é primordial para aumentar ao máximo a capacidade de resposta a infecções adquiridas não somente devido aos efeitos desastrosos de dietas não balanceadas, mas, principalmente, porque a ingestão insuficientes de alguns micronutrientes pode reduzir substancialmente a imunidade da glândula mamária. É fundamental, portanto, garantir, por meio de um balanceamento da dieta e do manejo alimentar, que adequados níveis de alguns nutrientes sejam fornecidos para as vacas.

Leite - 10 recomendações para produzir leite de qualidade

Produzir leite com qualidade requer atenção a detalhes, que podem passar despercebidos, mas que influem no produto final. A seguir, é apresentada uma lista de atividades que devem ser observadas como rotina. A lista poderá ser usada para conferir se os procedimentos recomendados estão sendo seguidos ou para implementar ações onde elas não estejam sendo contempladas.

Leite - fatores que influenciam na acidez

A acidez do leite pode ser avaliada por meio da determinação do pH em aparelhos apropriados, ou por métodos de titulação. Neste caso, a acidez é expressa em graus Dornic (ºD). A legislação brasileira considera normal o leite que apresenta acidez titulável entre 15 e 18ºD. O leite fresco normal não contém ácidos, mesmo assim ele apresenta uma acidez detectável pela técnica da titulação. Isto indica que a substância química usada na técnica de titulação combina com algumas substâncias presentes no leite fresco e lhe confere esta acidez aparente.

Atendimento Online
Quer Facilidade