WhatsApp SAC (31) 98799-0134 WhatsApp Vendas (31) 99294-0024 Ligamos para Você Central de Vendas (31) 3899-7000
Como podemos te ajudar?
0

Seu carrinho está vazio

Clique aqui para ver mais cursos.

"tecnicas-de-controle-de-pragas-e-doencas-em-culturas-perene-e-semi-perene"

Controle das pragas e doenças do pessegueiro

As pragas e as doenças sempre são uma ameaça a qualquer cultura, mesmo para aquelas que são conduzidas de forma adequada. No Brasil, as pragas que atacam o pessegueiro são relativamente poucas. Já as doenças são consideradas como um dos principais problemas que surgem durante a condução do pomar. A sua intensidade varia de acordo com as condições climáticas, com a cultivar implantada, com a localização do pomar, com o tipo de solo, os tratos culturais, o ataque de insetos e o estado nutricional das plantas. Com o controle adequado das pragas e doenças, os riscos de perdas na produção podem ser reduzidos satisfatoriamente.

Pragas e doenças em cogumelos comestíveis? Isso é possível?

Pragas e doenças em cogumelos comestíveis? Isso é possível? Sim, é! Tal como todas as culturas de interesse agronômico, pragas e doenças podem limitar a produção de cogumelos comestíveis, além de prejudicar a aparência e qualidade final do produto. “Para manter o cultivo com baixo índice de contaminações, doenças e pragas são essenciais todas as medidas de higiene: pasteurização eficiente do substrato ou esterilização no cultivo axênico, controle preventivo de pragas que são vetores de contaminantes e patógenos e tecnologia de cultivo a mais controlada possível, desde a fase de colonização do composto pelo cogumelo”, afirma Fernanda Silveira Bueno, professora do Curso a Distância CPT Cultivo de Cogumelo Shiitake em Substratos, em Livro+DVD e Curso Online.

Pragas e doenças do maracujá - controle preventivo

O controle preventivo de pragas e doenças do maracujá, após a germinação, é imprescindível para se obter boa produtividade da cultura, bem como evitar prejuízos ao produtor. Há, no mercado, produtos bastante eficientes como o Cartap, o Óxido Cuproso, o Oxicloreto de Cobre e a Agrimicina. No entanto, todo o cuidado é pouco, pois todos são bastante tóxicos, por isso, sua aplicação deve ser feita mediante todos os cuidados prescritos no rótulo e com a utilização de Equipamento de Proteção Individual (EPI). Além disso, esses produtos devem ser prescritos por um engenheiro agrônomo, que deverá orientar sobre sua utilização.

Taro orgânico - tratos culturais, pragas e doenças, e colheita e pós-colheita

Alguns tratos culturais são de fundamental importância para o sucesso da cultura orgânica do taro. Assim como outras raízes, ele precisa ser adequadamente irrigado, capinado, adubado e amontoado. O produtor deverá preocupar-se com a manutenção da sua lavoura, fazendo o controle de pragas e doenças, deverá realizar a correta colheita do tarô, além de seguir algumas recomendações para o pós-colheita do produto, evitando sua deterioração. Veja abaixo:

Produção de morangos - controle de pragas e doenças

Na produção de morangos, o controle de doenças e pragas é de fundamental importância para o sucesso do investimento. O grande segredo para quem quer iniciar o plantio desta cultura corretamente está no uso de mudas sadias. Esta medida é de fundamental importância, uma vez que as mudas sadias conseguem fazer o controle de vírus, fungos, bactérias e nematoides.

Como montar e operar uma empresa de controle de pragas domésticas

No Brasil, atualmente, o mercado de controle de pragas domésticas cresce, em ritmo acelerado. Isso porque o meio urbano está crescendo desordenadamente, gerando mais acúmulo de lixo, esgoto sem tratamento, falta de infraestrutura adequada, falta de planejamento para construção de novas casas, condomínios, empresas, entre outros. Com isso, as pragas urbanas começaram a dividir com os seres humanos o mesmo local para habitar e se alimentar.

Tomate hidropônico - controle doenças e pragas e obtenha sucesso na produção

O aumento na produtividade do tomateiro produzido por meio de cultivo hidropônico vem superando o cultivo em solo. Segundo os produtores que vêm trabalhando com o cultivo de tomates hidropônicos, o número de doenças e pragas que causam danos econômicos são muito menores do que em lavouras de campo. No entanto, para evitar que alguma doença ou praga ataque seus pés de tomate, o produtor experiente deve ficar atento às suas plantas e fazer o controle necessário, o que trará o sucesso da produção

Controle das pragas do melão: larva minadora, pulgão, vaquinha, broca, Mosca-das-frutas e ácaro

Para que a cultura do melão prospere e gere lucos ao produtor, deve-se fazer um controle sistemático das suas principais pragas, como os pulgões, as brocas, as vaquinhas, os ácaros e as Moscas-das-frutas. O melhor controle feito pelo agricultor é a prevenção, por meio de inspeções rotineiras nos meloeiros. Dessa forma, se o ataque de tais pragas for detectado no início, haverá tempo suficiente de exterminá-las por completo.

Alface hidropônica - controle de pragas e doenças causadas por vírus

Controlar doenças na cultura da alface hidropônica é difícil devido às características próprias do sistema, além da falta de informações sobre o uso de produtos químicos nesse tipo de cultivo. Os produtos que existem no mercado foram elaborados e testados para o cultivo no campo e não para a hidroponia. Por isso, o melhor meio de controle doenças causadas por vírus na alface hidropônica é a prevenção, não deixando que afetem o sistema de produção.

Aprenda agora sobre controle biológico de pragas agrícolas

O controle biológico de pragas é realizado com a ajuda de inimigos naturais, que combatem o ataque de invasores nas plantas. Na agricultura, uma forma de fazer isso é com o Manejo Integrado de Pragas, para diminuir a população das pragas nas lavouras. Se os alvos forem insetos-praga, são utilizados microrganismos entomopatógenos, insetos parasitoides e insetos predadores.

Fique por dentro das novidades!