Resultados da busca para "soro-em-ovelhas"

Razões para fazer tosquia em ovelhas

A tosquia não apenas retira a lã das ovelhas para comercialização, como também garante o conforto animal, principalmente nos períodos mais quentes do ano. Por meio da tosquia, o ovinocultor protege os ovinos do calor excessivo. Isso é muito importante, pois o excesso de lã no corpo dos ovinos impede que a temperatura corporal seja reduzida.

Bebida láctea: aprenda fazer

O processo de fabricação de bebidas lácteas pode ser resumido como a mistura de iogurte e soro em proporções adequadas, adicionando-se, em seguida, ingredientes tais como aromatizantes, corantes, edulcorantes, polpa de frutas e outros, de acordo com a formulação do fabricante.

Crie ovinos de corte e obtenha sucesso no mercado

A criação de ovinos (conhecidos popularmente como cordeiros ou ovelhas) ou ovinocultura se expande pelo Brasil todo. Desde o Rio Grande do Sul, região tradicional dessa atividade, passando pelo Sudeste e pelo Centro-Oeste, chegando até o Nordeste do país. Entre as diversas funções dessa prática, estão a produção de lã, a exploração da pele e a produção de carne dos animais.

Ile de France - Características sobre essa raça de ovinos

De origem francesa, foi introduzida no Brasil, por volta de 1973, e tem tido uma procura bastante intensa, mesmo no Rio Grande do Sul. Tradicional reduto das raças laneiras. Adaptou-se bem às nossas condições, apresentando excelente fertilidade e cordeiros com ótima velocidade de crescimento, sobretudo, quando utilizada como raça pai sobre ovelhas de lã ou mistas?, afirma o professor Edson Ramos de Siqueira, do curso Criação de Ovinos de Corte, elaborado pelo CPT ? Centro de Produções Técnicas.

Saiba mais sobre a raça ovina Suffolk

Os ovinos são mamíferos ruminantes bovídeos. Possuem grande importância no mercado, sendo fonte de lã, carne e couro. No feminino, são chamados de ovelhas, já na espécie masculina, carneiro. Quando filhotes, são chamados de cordeiro, anho ou borrego. A Raça Sufolk Histórico Essa raça surgiu na Inglaterra em 1776. É originária dos condados de Suffolk, Norfolk e Cambridge e obtida por meio dos cruzamentos de ovelhas Norfolk com carneiros Southdown.

Como produzir Queijo do Serro: coagulação, corte, retirada do soro, enformagem, salga e cura

Foi a cidade do Serro que irradiou a produção do Queijo do Serro por todo o Brasil. Ela fica localizada em uma região montanhosa na vertente oriental da Serra do Espinhaço, na região do Alto do Jequitinhonha, no estado de Minas Gerais. Desde os tempos passados, a sua produção envolve a verdadeira arte de combinar tempo, temperatura, peso das mãos, manejo de utensílios, dosagem de leite, coagulante e sal. Além disso, algumas técnicas utilizadas na Suíça, na França e na Itália, como a utilização do pingo, torna a produção deste queijo artesanal, aliando qualidade e sabor.

Como produzir Queijo Canastra: coagulação, corte, retirada do soro, enformagem, salga e cura

Um dos queijos mais famosos da região de São Roque de Minas é conhecido como Canastra. A produção deste queijo guarda segredos únicos para que fique com a textura e o sabor do verdadeiro Queijo Canastra. Leite cru, pingo e pressão das mãos são fatores fundamentais para se obter um queijo de qualidade excepcional. Ao final das etapas de produção, o queijo adquire uma massa mais seca, muito apreciada para a produção de pão de queijo.

Cuidados com a gestação e com ovinos recém-nascidos

Para garantir o sucesso da criação de ovinos, a atenção do criador deve ter início com os cuidados práticos adotados desde a gestação das ovelhas até o período de terminação. A gestação da ovelha pode ser dividida em duas fases: a primeira corresponde aos primeiros 100 dias ou os 2/3 iniciais do desenvolvimento do feto, onde as exigências da gestante são moderadas.

O leite de cabra orgânica

Inicialmente é importante ressaltar que este alimento delicioso e nutritivo não deve ser considerado apenas como medicamento. Este preconceito deve ser eliminado, pois seu valor nutritivo supera o do leite de vaca, de ovelha, ou mesmo materno.

Composição nutricional do queijo

Os vários tipos de queijos podem ser classificados de acordo com o tipo de leite usado (vacas, búfalas, cabras, ovelhas, entre outros), sua manufatura (coalho, queijo de leite azedo, ultrafiltração), consistência (extraduro, duro, semiduro, semi-mole, mole, queijo fresco), teor em gordura, tipo de fermentação (ácido láctico, láctico e ácido propiônico, ácido butírico), superfície (dura, mole, com manchas, fungos) e interior (olhos, fungos). Diferem em sabor e em componentes bioativos, criados, principalmente, durante os diversos estágios de maturação, quando os ingredientes principais, lactose, proteínas e gorduras, são quebrados pela fermentação, proteólise e lipólise. Portanto, as variedades de queijos no mercado são enormes.

Atendimento Online
Quer Facilidade