Ligue Agora (31) 3899-7000 WhatsApp SAC (31) 98799-0134 WhatsApp Vendas (31) 99294-0024 Ligamos para Você
0

Seu carrinho está vazio

Clique aqui para ver mais cursos.

Resultados da busca para "marmitas-congeladas"

Alimentos congelados - dicas para um congelamento eficiente

Algumas dicas são essenciais para que o congelamento dos alimentos não altere as suas propriedades. Vejamos: Escolher só alimentos de primeira qualidade; Congelar alimentos no período da sua safra; Não perder tempo (alimentos frescos, de primeira qualidade, devem ser congelados imediatamente); Não cozinhar senão no tempo mínimo necessário; Esfriar os alimentos antes de congelá-los; Embalar convenientemente os alimentos; Abrir, o menos possível o seu freezer (não demorar com a porta aberta); Não colocar o freezer em local onde bate sol ou perto de forno e fogão.

Alimentos congelados - métodos de congelamento

À base de nitrogênio. O congelamento à base de nitrogênio dá aos congelados a aparência mais próxima possível da natural, porém apresenta um alto custo devido à sofisticação de sua tecnologia. É normalmente utilizado, quando se processam maiores quantidades de alimentos, pois acarreta maior rapidez, o que é essencial no processo. Trata-se de uma câmara frigorífica, entretanto, para essa aplicação, o equipamento de refrigeração é superdimensionado, pois a quantia de calor contida no produto será retirada em um curto espaço de tempo (corrida).

Alimentos congelados - o mercado

Atualmente, a maioria das pessoas trabalha fora, o que as leva a buscar a praticidade da vida moderna. O mesmo vale para os que moram sozinhos e preferem os alimentos congelados por sua praticidade. Por isso, o mercado de alimentos congelados tem crescido muito, tornando-se um grande negócio para quem quer investir nesse ramo. Atualmente, o mercado de congelados tem potencial para movimentar mais de R$ 2 bilhões. Daí ser este um excelente negócio.

Quer investir em fábrica de alimentos congelados? Saiba como

O mercado de alimentos congelados está em grande expansão, com significativo aumento na demanda pela vantagem de manter a qualidade alimentar em longo período de estocagem, além de maior economia de tempo no preparo das refeições. E você, quer investir em fábrica de alimentos congelados? Confira as dicas abaixo e alcance o sucesso.

Americanos, os pioneiros no congelamento de alimentos

Os americanos foram os pioneiros do processo de congelamento, pois descobriram que a mistura de gelo e sal podia congelar as aves e os peixes. Tudo ocorreu em 1865, quando perceberam que os esquimós retiravam os peixes congelados da água, devido às baixas temperaturas. No entanto, entre 1912 e 1915, é que foram feitas as primeiras experiências em supercongelamento, ou seja, congelamento rápido.

Alimentos congelados - congelamento em cada tipo de alimento

Carnes. As carnes com alto teor de gordura ou sal, ou ambos, não devem ser armazenadas no freezer, por períodos longos. O mesmo se aplica às carnes defumadas. Os miúdos e as carnes cozidas, fatiadas ou moídas, não devem ser armazenados por períodos que ultrapassem os recomendados. Aves e caça. É essencial que as aves inteiras sejam descongeladas, por completo, antes de serem levadas ao fogo, o que facilita a penetração do calor na parte interna da peça. As aves de caça devem ser penduradas antes do congelamento, para deixar escorrer bem o sangue.

Alimentos congelados - cuidados para evitar a contaminação alimentar

Principais causas de contaminação dos produtos congelados: Uso de alimentos cozidos que estão contaminados por bactérias venenosas; Cozimento insuficiente dos alimentos; Contaminação cruzada entre alimentos crus e cozidos, durante as fases de preparação e armazenamento; Manipuladores infectados; Uso incorreto e descuidado dos restos de alimentos; e Contaminação cruzada, devido à ignorância e ao descuido nas técnicas de limpeza e desinfecção.

Alimentos congelados - embalagem, codificação, armazenagem e expedição

Assim que se termina o preparo da comida, conforme suas características específicas, esta deverá ir direto para o armário de congelamento. Os pratos prontos já devem ser colocados nas embalagens definitivas, como as lasanhas, as tortas e os pratos com arroz e filés. A porção deve ser para, no máximo, duas pessoas. As porções para uma pessoa também estão sendo muito procuradas no mercado. Já os salgadinhos devem ser congelados em tabuleiros para, depois de congelados, irem para a embalagem definitiva. Se forem colocados diretamente nas embalagens definitivas, eles irão grudar uns nos outros, dando um aspecto desagradável ao produto final, além de danificar as unidades, pois estas serão quebradas aos serem utilizadas.

Alimentos congelados - aspectos da comercialização

Comercialização. A vantagem da comercialização de comida congelada reside no fato da grande variedade de pratos que podem ser feitos e da grande comodidade que leva ao consumidor. Assim, uma vez determinado o tipo de produto que o consumidor da região mais consome, define-se o nicho de mercado a ser atacado. Clientes. Os principais clientes desse tipo de produto são as mulheres que trabalham fora, e que não têm empregadas domésticas, os homens que moram sozinhos e que preferem comer em casa, e pessoas interessadas em uma alimentação balanceada por conta de dietas.

Alimentos congelados - conservação dos alimentos

O congelamento de alimentos consiste em levá-los a uma temperatura de 18°C abaixo de zero, retardando, assim, todo o crescimento das bactérias e deterioração desses alimentos. Esse processo evita a putrefação dos alimentos e o desenvolvimento dos microrganismos, além de conservar todos os elementos nutritivos, desde que os alimentos estejam em boas condições e submetidos às técnicas recomendadas.

Fique por dentro das novidades!