WhatsApp SAC (31) 98799-0134 WhatsApp Vendas (31) 99294-0024 Ligamos para Você Ligue Agora (31) 3899-7000
0

Seu carrinho está vazio

Clique aqui para ver mais cursos.

Resultados da busca para "gado-gir" ()

Zebuínos no Brasil - raça Gir e Gir Mocho

O primeiro registro de um animal Gir no Brasil foi publicado por meio de uma fotografia em 1916. Este registro permitiu acreditar que a raça tenha chegado no País por volta de 1911. Conhecido como a raça dos cafezais, o Gir produzia muita carne e leite.

Gir Leiteiro está entre as raças zebuínas mais importantes no Brasil

Especial - O Gir é apontado pela literatura hinduísta como uma das raças zebuínas mais antigas. Ela também é conhecida como Kathiawar, pois origina-se da Península Kathiawar, na Índia. Chegou ao Brasil no início do século passado. Está entre as principais raças que compõem o rebanho leiteiro brasileiro, e possui grande importância na trajetória da pecuária do país. É um animal de dupla aptidão e destaca-se entre as raças bovinas produtoras de leite.

Gir e seus mestições, solução para os trópicos

No Brasil, a atividade leiteira tem passado por grandes transformações. O mercado consumidor está cada vez mais exigente por produtos de qualidade e baixo preço; a indústria, visando obter maior rendimento dos produtos lácteos, tem estabelecido pagamento por qualidade, volume, forma de armazenamento do leite.

Gir: gado dócil, resistente, de dupla aptidão

O Gir surgiu na região de Gir, no Sul da Índia, em um território bastante hostil, habitado por animais selvagens, como os leões. Embora dócil, esse animal sobreviveu aos perigos da região, defendendo-se bravamente contra os leões, habitantes das florestas. Por isso, o animal tornou-se conhecido como boi-de-luta e, propositalmente, seus chifres passaram a se posicionar para baixo e para trás, o que facilitava sua batalha contra as feras.

Girolando, raça leiteira tropical

Especial - O gado Girolando nasceu no Brasil, como resultado do cruzamento entre uma raça zebuína e outra europeia. Assim, trata-se de uma raça leiteira tropical. Portanto, ela reúne qualidades desejáveis em solos brasileiros. O gado Girolando é rústico, como o gado Gir, e produtivo, como o Holandês, o que confere, entre outras características, alto grau adaptabilidade à raça

Tabapuã, gado brasileiro do futuro

Especial - O gado Tabapuã é de origem brasileira e parte de sua história se passa no estado de São Paulo. Mas, com o tempo, avança para outras regiões e hoje é considerado um dos bovinos brasileiros do futuro. Os criadores acreditam no sucesso do gado mocho e o classificam como promissor. Devido às suas qualidades, a tendência é de que ele continue crescendo e ganhando, junto com outras raças, a preferência no mercado de gado de corte.

Gado de corte - uma boa nutrição aumenta o ganho de peso do boi

A nutrição é essencial para a vida saudável do gado bovino, gerando crescimento e ganho de peso regular do boi. Para que haja um bom aproveitamento dos nutrientes pelo bovino, o produtor precisa conhecer, primeiramente, as classificações dos nutrientes e as categorias de alimentos que compõem a dieta dos bovinos de corte. A influência da alimentação é muito grande em todo o processo produtivo da pecuária de corte. A escolha de diferentes sistemas de produção está diretamente dependente dos custos e da disponibilidade dos alimentos a serem fornecidos ao rebanho.

Como alimentar o gado na seca?

Em período de escassez de chuva, uma excelente alternativa de alimentação para o gado é a ensilagem ou silagem. Entretanto, sua produção deve se iniciar ainda na época de fartura, quando há excesso de forragens, como milho, sorgo, capim-elefante, ou outras forrageiras. O processo consiste na fermentação lática da matéria vegetal, o que diminui o pH e possibilita a anaerobiose. Como consequência, a degradação da matéria orgânica é interrompida, conservando o material, sem que este perca suas qualidades nutritivas.

Conheça o gado Nelore

Especial - O gado Nelore, conhecido na Índia Oriental como Ongole, chegou ao Brasil no século 19. A raça adaptou-se bem ao clima e às pastagens brasileiras. Hoje, é um dos rebanhos de gado de corte mais conhecidos pelos brasileiros e está entre as raças que posuem maior número de criadores no país.

Vantagens da Inseminação Artificial no melhoramento genético do gado leiteiro

Na pecuária leiteira, o gado possui uma considerável heterogeneidade genética, o que influencia diretamente na produtividade de leite. Às vezes, a produção varia de 2 a 8 litros por dia em um mesmo rebanho bovino. Para que esse quadro mude, o pecuarista leiteiro deve adotar em sua fazenda o melhoramento genético do gado de leite, introduzindo a IA (Inseminação Artificial) em sua fazenda. Dessa forma, sua produção de leite será mais homogênea e rentável.

Fique por dentro das novidades!