Resultados da busca para "fabrica-de-beneficiamento-de-pescado"

Processamento de pescado - etapas e tipos ideais de peixe para o beneficiamento

Os peixes escolhidos para o processamento de pescados devem ser, de preferência, aqueles de carne mais branca, magra, firme, sem gosto "forte", e sem mioespinhos, principalmente para a produção de filés. Alguns exemplos de peixes que podem ser utilizados no processamento de pescados são a merluza, a tainha, o cação, o namorado, a tilápia. Para defumar ou filetar, podem-se usar peixes mais "nobres" como o salmão e o surubim (pintado).

O processamento dos pescados garante ao consumidor alimentos saudáveis

O processamento de pescados é uma atividade bastante complexa e, como toda indústria de alimentos, deve ser rigorosa quanto aos aspectos de higiene e sanidade. Portanto, para o sucesso na comercialização, os produtos devem ter excelente qualidade e essa qualidade vai depender da matéria-prima empregada, da tecnologia de processamento, da higiene no preparo, das embalagens utilizadas e do armazenamento adequado. O beneficiamento possibilita, então, a comercialização do pescado de forma higiênica, aumentando a vida útil e incrementando sua qualidade. Assim, agrega-se valor ao produto ?in natura?, obtém-se um produto diferenciado e competitivo e permite oferecer novas opções ao consumidor, por exemplo peixe filetado (filés de peixe), fishburguer, nuggets, linguiças, empanados, tirinhas de peixe, patês, entre outros.

Conheça algumas técnicas e ganhe dinheiro fabricando e comercializando produtos de limpeza

A produção artesanal de produtos de limpeza tem se afirmado como uma excelente alternativa para aqueles que estão à procura de uma atividade para aumentar a renda familiar. Esta atividade mostra-se muito atrativa, também, para aqueles que querem abrir o seu próprio negócio ou, simplesmente, ocupar o tempo de maneira útil e agradável.

Por que os peixes devem ser consumidos assim que pescados?

Quando o alimento em questão é o pescado, devido a sua natureza extremamente perecível, são exigidos cuidados extras com relação a sua manipulação, tanto durante o processo e captura, quanto à estocagem nos barcos pesqueiros. Logo após a retirada do pescado da água, ocorrem diversos fenômenos naturais que levam a sua deterioração, essas alterações ocorrem independentemente da forma como o pescado é manuseado, mas a velocidade com que elas se instalam, podem ser reduzidas se forem adotadas práticas adequadas de manipulação do produto.

Alho orgânico - colheita, cura, armazenamento e beneficiamento do alho

A colheita deve ser feita quando se completar o amadurecimento das plantas. Este se inicia pelo amarelecimento das folhas e termina pela secagem parcial da parte aérea. Alguns cultivares apresentam o estalo ou tombamento da parte aérea, outros permanecem eretos, depois do amadurecimento. A colheita deve ser feita com o solo levemente úmido, para facilitar a retirada das plantas. Por isso, a irrigação deve ser suspensa cerca de duas semanas antes. A colheita deve ser feita manualmente, puxando-se as plantas, sem uso de ferramentas e deve ocorrer, preferencialmente, pela manhã, em dias secos e ensolarados.

Principais defeitos em queijos

Durante a fabricação de queijos alguns detalhes podem aparecer e prejudicar a produção inteira. Qualquer alteração indesejável no sabor, textura, cor ou formato denota que houve algum erro na fabricação e ele precisa ser reparado para não causar enormes prejuízos aos produtores.

Como produzir queijo de qualidade

A fabricação de queijos representa uma parcela significativa dentro da indústria láctea do país. Isso se deve à facilidade das proteínas presentes no leite em se coagular, que adicionadas aos ácidos ou enzimas representam a principal característica dessa tecnologia, processo que resulta nos queijos.

Como é feito o chocolate?

Ao logo dos séculos, desenvolveu-se toda uma indústria e uma arte para se fazer chocolate. Cada fabricante passou a ter uma fórmula própria, na qual a proporção dos ingredientes varia conforme o produto final, embora os passos da fabricação sejam os mesmos, desde a colheita do cacau até o delicioso chocolate. Em média, o produto final contém metade chocolate e metade açúcar, e uma porcentagem menor de manteiga de cacau.

A fabricação de doces em calda e compotas aumenta a renda familiar no Brasil

O Brasil, País de enorme extensão territorial, possui todos os fatores desejáveis à produção de frutas. De norte a sul, listam-se inúmeras variedades produzidas para atender ao consumo interno, externo e, também, para a industrialização. No entanto, tamanha demanda acarreta também em prejuízos, já que muitas das frutas, de alguma maneira, acabam se estragando, seja na colheita, no transporte ou até mesmo durante a comercialização. Apesar dos danos físicos sofridos, muitas vezes as frutas não perdem suas propriedades, tornando o descarte uma ação impensada. Essas frutas podem e devem ser reaproveitadas e, quando feitas de forma correta, geram renda extra às famílias. Uma boa forma de fazer do descarte de frutas um lucro real é com a fabricação de doces em calda e compotas.

Fabricação da rapadura: correção da acidez do caldo

Depois da limpeza do caldo da cana-de-açúcar, por coa e decantação, ele deverá ser levado para os tachos, onde se realizará a primeira etapa da fabricação da rapadura, ou seja, a correção da acidez. Ela se faz necessária porque o caldo de cana é ligeiramente ácido. Assim, devido à complexa composição química do caldo, se o aquecimento do mesmo for feito sem se reduzir um pouco sua acidez

Atendimento Online
Quer Facilidade