Ligue Agora (31) 3899-7000 WhatsApp SAC (31) 98799-0134 WhatsApp Vendas (31) 99294-0024 Ligamos para Você
0

Seu carrinho está vazio

Clique aqui para ver mais cursos.

Resultados da busca para "estoquista"

O controle de estoque tem papel fundamental no sucesso de qualquer empresa

O controle de estoque é um elemento básico em todas as fases do sistema de desenvolvimento, planejamento e administração de empresas, e uma das grandes vantagens é evitar desvios e roubos. Suas atribuições são: determinar os itens que devem ser controlados; determinar a compra ou a fabricação de material para repor no estoque; manter registros de entradas e saídas de material; inventário de material; identificação e eliminação do estoque de materiais obsoletos e estragados; fornecimento das informações para a alta administração sobre gestão de estoques; e determinar quanto e quando efetuar a reposição.

Controle de estoque e almoxarifado - meta e objetivos

A principal meta do controle de estoques é descobrir e manter o nível ótimo de investimentos em estoque e minimizar os efeitos negativos da acumulação de materiais provenientes de vendas não realizadas, ajudando no ajuste do planejamento de produção e controle de perdas. Para isso, o gestor de produção deve se organizar seguindo os seguintes princípios: quanto comprar ou produzir; em que momento comprar ou produzir; e quais itens do estoque merecem mais atenção.

Administração de empresas - tipos de estoque

Existem vários tipos de estoque: os estoques para produção, que são matéria-prima e/ou componentes que integram o produto final; os estoques para manutenção, reparo e operação, que englobam materiais destinados à continuidade do processo produtivo/comercial da empresa e não integram o produto final; os estoques de produtos semiacabados, que contêm materiais em processo de fabricação; entre outros, como os estoques de produtos acabados, produtos líquidos e produtos secos.

Padaria - 10 dicas para fazer um controle de estoque eficiente em sua panificadora

Fazer o controle de estoque de uma padaria, ao contrário do que muitos imaginam, é perfeitamente possível. Para tal, o empresário tem de se organizar e conhecer alguns caminhos básicos para que a contagem seja feita com rigor e eficiência. O resultado é a queda dos desperdícios e, consequentemente, prejuízos na rentabilidade do empreendimento. Fazendo-se uma boa gestão do estoque, verdadeiro ?caixa? da empresa, não há como aumentar os lucros ao final do mês.

Administração de empresas - classificação dos estoques

Os estoques de segurança são estoques de materiais e produtos definidos como importantes para o processo produtivo, que são mantidos para superar os imprevistos que podem acontecer nos processos de fornecimento, produção e vendas. O motivo maior do provisionamento do estoque de segurança está na continuidade de fornecimento aos clientes.

Inventário de mercadorias: o que é e para que serve

O inventário de mercadorias é imprescindível, quando a empresa não mantém controle rigoroso do estoque, ou se deseja avaliar se o controle existente é adequado. Sem ele não se pode conhecer o valor do estoque.

Administração de empresas - por que existe estoque

A existência do estoque está vinculada a mantermos o equilíbrio entre o consumo e a fonte fornecedora, possibilitando um fornecimento contínuo dos produtos aos clientes internos e externos da empresa. Desse equilíbrio, podemos determinar a melhor estratégia de rentabilidade, ou seja, em tempos de economia inflacionária, a estratégia é mantermos estoques elevados, devido à pressão de aumento de preços. Por outro lado, em tempo de economia estável, a melhor estratégia é mantermos os estoques reduzidos, dentro de um limite aceitável para atender os nossos consumidores.

Administração de empresas - tipos de estoque de produtos prontos

O interessante para a empresa, de modo geral, é ter estoque de produtos prontos para a venda, na quantidade mínima necessária e no menor tempo possível. Exceto produtos e insumos de difícil reposição ou que têm alta valorização e oscilação positiva nas vendas. Os produtos em processo necessitam de tempo de produção suficientemente longo para que seja necessário esse registro. Grande parte das empresas industriais não necessita ter em seus estoques os produtos em processo, uma vez que o processo de produção é rápido e os estoques se transformam diretamente de matérias-primas e componentes em produtos acabados.

Administração de estoques: o que é e finalidade

A administração de estoques é o conjunto de atividades desenvolvidas para garantir um fluxo contínuo e uniforme na produção e nas vendas da empresa. Faz-se necessário que a empresa registre e controle os dados das mercadorias estocadas, ou seja: - Quantidades de mercadorias que entram; - Quantidade de mercadorias que saem; - Época mais propícia para compra; - Preço e quantidade mais conveniente para compra; - Ritmo de entrada e saída das mercadorias.

Administração de empresas - controle de venda e estoque

Atualmente, não há lugar para controles informais nem para a falta de planejamento e organização das atividades empresariais. A cada dia, os mercados tornam-se mais competitivos e dinâmicos, exigindo decisões e respostas rápidas por parte dos empresários. Diante disso, a empresa que deseja ter sucesso no mercado deve estar apta a responder à pergunta: Como tornar a empresa mais competitiva, aumentando o volume de vendas e diminuindo o volume em estoques? O controle informatizado de vendas e estoques é uma das principais ferramentas de que as empresas dispõem para responder a pergunta, para se manter no mercado, de forma saudável, organizada, eficiente, competitiva e com o máximo de economia.

Fique por dentro das novidades!