WhatsApp SAC (31) 98799-0134 WhatsApp Vendas (31) 99294-0024 Ligamos para Você Central de Vendas (31) 3899-7000
0

Seu carrinho está vazio

Clique aqui para ver mais cursos.

Semana do Campo CPT!

Resultados da busca para "cumari" ()

Tipos de pimentas mais consumidas no Brasil

As pimentas pertencem ao gênero Capsicum. As Capsicum annuum são originadas do México e do Norte da América Central. Já as Capsicum frutescens são originadas da América do Sul. As primeiras são as designadas pimentas doces, como o pimentão e as últimas, pimentas picantes, como a tabasco. Além de conferirem um sabor todo especial aos pratos, a capsaicina contida em algumas espécies de pimenta alivia dores de cabeça e dores musculares, além de melhorar a digestão. Tais propriedades são encontradas na Malagueta, na Dedo-de-Moça e na Cumari. Estas representam a grande maioria das pimentas cultivadas no Brasil. Já a pimenta-do-reino pertence a outro gênero e a substância que causa sua ardência recebe o nome de piperina.

Cultivo de pimentas é de grande importância no âmbito da agricultura familiar

A produção e o processamento de pimenta são importantes atividades econômicas, permitindo o aumento da renda, por área cultivada, quando comparada a outras atividades isoladas. A história dessa planta e de seu processamento se iniciou logo após a descoberta do Brasil, quando os europeus, que já conheciam os efeitos da pimenta-do-reino sobre a conservação da carne, também descobriram o sabor e o prazer que as pimentas brasileiras, como a malagueta e a cumari, proporcionavam aos alimentos que os índios preparavam.

Saiba mais sobre o nutritivo baru

O baru (Dipteryx alata) é uma árvore da família das leguminosas, com 16 m de altura, nativa do cerrado brasileiro. Conhecida também com os nomes barujó, bugueiro, cambaru, castanha-de-bugre, coco-feijão, cumari, cumaru, cumarurana, cumbaru, feijão-baru, feijão-coco, imburana-brava e pau-cumaru, esta planta pode ser encontrada no Triângulo Mineiro, no Norte de São Paulo, no Amazonas, na Bahia, no Maranhão, no Mato Grosso, no Mato Grosso do Sul, no Distrito Federal e no Goiás.

Pimentas - como fazer picles de pimenta

O picles de pimenta mais procurado no mercado é o considerado bem ardido, por isso, deve ser fabricado com pimentas com alto teor de capsaicinoides, como a pimenta malagueta e a cumari. Entretanto, picles feitos com pimenta dedo de moça também são muito procurados e apreciados pelos consumidores. Para controlar o botulismo, o picles de pimenta deve ser fabricado em solução de vinagre, não se utilizando álcool ou óleo para esse fim.

Dores de cabeça, dores musculares e má digestão? Cure com pimenta

Além de animar em qualquer prato, as pimentas fazem bem à saúde. Pesquisas científicas atuais mostram que a mesma substância que confere gosto picante às pimentas - a capsaicina - alivia dores de cabeça, dores musculares e melhora a digestão. Esses benefícios são encontrados nas pimentas do gênero capsicum (malagueta, dedo-de-moça, cumari).

Fique por dentro das novidades!