Resultados da busca para "criatividade-com-sucata"

Criatividade e curiosidade - como estimular os alunos

Como a maioria das práticas pedagógicas implantadas nas escolas são padronizadas, seguindo procedimentos e cartilhas, desenvolver o potencial criativo dos alunos tornou-se um grande desafio para os educadores, que são os responsáveis por estimular e facilitar a criatividade em sala de aula. Estimular a criatividade, portanto, é um dos eixos norteadores do ensino e da aprendizagem.

De que depende a criatividade e como mantê-la na fase adulta?

Ser criativo é pensar de forma diferente, é ser original justamente por não seguir regras preestabelecidas, é conseguir fazer mais com menos, é ter a capacidade de surpreender as pessoas criando coisas, produzindo e transformando o ambiente de acordo com suas convicções, aspirações e, principalmente, inspirações.

Quer inovar seu negócio? Apoie-se em ideias criativas!

Se o conceito de negócio da empresa está repleto de paradigmas, como esperar contribuições criativas que permitam inovar este negócio? Isso é simples: é preciso criar uma cultura propícia para a liberação da criatividade. “A criatividade começa pela liberação de ideias, e o mais importante é que o clima possa difundir e impregnar pela empresa a aspiração pela criatividade

Brinquedos de sucata e dobradura são fonte de saúde social e emocional

A sucata pode ser definida como qualquer coisa que perdeu seu uso original, que se quebrou, que não serve mais ou que não tem mais significado. Esse material descartável, pode ser reaproveitado com um pouco de criatividade. Que tal transformar sucata em brinquedos?

Arte com sucata nas escolas - por que aproveitar o lixo?

Nem todo lixo é lixo, e pode ser reutilizado e reciclado. Com criatividade, o lixo – caixas, rolos, potes e outros – pode tornar-se um grande aliado do professor, um excelente recurso didático que contribui para o desenvolvimento da criança em vários aspectos: a criatividade, o raciocínio lógico-matemático, o conhecimento físico e social, o processo de leitura e escrita, além de despertar a consciência ecológica em nossos alunos

Brinquedos com sucata: uma forma criativa de educar

A ação de brincar e o interesse da criança evoluem conforme sua faixa etária, seu desenvolvimento sócio-afetivo, seus hábitos culturais. Por meio da brincadeira, a criança aprende, exercita suas habilidades, percebe, fascinada, coisas novas, repete sem parar o que gosta, explora e pesquisa o que há de novo ao seu redor. Estudos mostram que crianças que brincam bastante serão adultos mais ajustados e preparados para a vida. É brincando que se descobre como enfrentar situações de medo, dor, angústia, alegria ou ansiedade.

Confeitaria mistura técnica, arte e criatividade na elaboração de inúmeros produtos

A confeitaria mistura técnica, arte e criatividade na elaboração dos inúmeros produtos possíveis de serem obtidos. A arte e a criatividade, cada um irá desenvolver ao longo do tempo, observando, praticando e tirando as suas próprias conclusões. E a base para que isso aconteça é, sem dúvida, uma boa dose de conhecimentos técnicos.

Como ser um professor nota 10

Para se tornar um professor nota 10, você deve instigar a criatividade dos alunos, ser criativo, ter conhecimento dos conteúdos, investir na formação continuada, entusiasmar, elogiar, ser objetivo, claro, preciso, oportunizar condições de produtividade, de descobertas, entre outros. Para isso, estude e pratique, o máximo possível, as dicas que se seguem. Com isso, certamente você contribuirá para que seus alunos aprendam e potencializem os conhecimentos adquiridos, não para tirar uma nota, mas para utilidade em toda a vida.

Arte ambiental ensina a cuidar da natureza e estimula a criatividade

Especial - A educação ambiental é introduzida na rotina das crianças por meio de práticas que agregam conhecimento de mundo, estimulam a criatividade e o raciocínio. Para isso, recorre-se à arte e às suas modalidades. Elas se utilizam de materiais e métodos de trabalho já conhecidos e amplamente aplicados pela educação infantil.

Pessoas resilientes são cada vez mais procuradas e valorizadas pelas empresas

Pessoas resilientes, para os poucos habituados com o termo, são aquelas dotadas de extrema força de vontade, capazes de transformar as adversidades da vida, como as crises, traumas, perdas, transformações, rupturas e desafios, com muita flexibilidade e criatividade, em aprendizado. Em outras palavras, e de uma forma mais simplificada, pessoas resilientes são aquelas que ?dão a volta por cima?, fazendo de cada problema uma boa oportunidade de aprendizado e crescimento emocional. No mercado de trabalho, por sua vez, um profissional resiliente é muito procurado e valorizado. Empresas de todos os segmentos buscam funcionários que sejam resilientes, que suportem bem a pressão, que sejam flexíveis e criativos na resolução dos problemas. Mas o termo resiliente relacionado a empresas, não para por aí. Atualmente, podemos afirmar que até mesmo as próprias empresas têm de ser resilientes. É fundamental que elas encarem as crises de frente, com muita criatividade e bom senso, tornando-se cada vez mais renovadas e fortalecidas, garantindo o sustento de várias famílias.

Atendimento Online
Quer Facilidade