WhatsApp SAC (31) 98799-0134 WhatsApp Vendas (31) 99294-0024 Ligamos para Você Ligue Agora (31) 3899-7000
0

Seu carrinho está vazio

Clique aqui para ver mais cursos.

Resultados da busca para "controle-contra-a-broca-na-laranjeira" ()

Controle das pragas do melão: larva minadora, pulgão, vaquinha, broca, Mosca-das-frutas e ácaro

Para que a cultura do melão prospere e gere lucos ao produtor, deve-se fazer um controle sistemático das suas principais pragas, como os pulgões, as brocas, as vaquinhas, os ácaros e as Moscas-das-frutas. O melhor controle feito pelo agricultor é a prevenção, por meio de inspeções rotineiras nos meloeiros. Dessa forma, se o ataque de tais pragas for detectado no início, haverá tempo suficiente de exterminá-las por completo.

Controle de estoque e almoxarifado - meta e objetivos

A principal meta do controle de estoques é descobrir e manter o nível ótimo de investimentos em estoque e minimizar os efeitos negativos da acumulação de materiais provenientes de vendas não realizadas, ajudando no ajuste do planejamento de produção e controle de perdas. Para isso, o gestor de produção deve se organizar seguindo os seguintes princípios: quanto comprar ou produzir; em que momento comprar ou produzir; e quais itens do estoque merecem mais atenção.

Controle de pragas do pepino: pulgões, brocas e mosca-das-frutas

No Brasil, a cultura do pepino está mais suscertível de ser atacada por pragas como os pulgões, entre eles o Aphis gossypii e o Myzus persicae, que podem causar sérios prejuízos ao agricultor; as brocas, entre elas a Diaphania nitidalis e a Diaphania hyalinata, que podem atacar desde as folhas do pepineiro até os frutos; e a famosa mosca das frutas, que promove o apodrecimento da polpa do pepino, tornando-o impróprio para a comercialização.

O controle de estoque tem papel fundamental no sucesso de qualquer empresa

O controle de estoque é um elemento básico em todas as fases do sistema de desenvolvimento, planejamento e administração de empresas, e uma das grandes vantagens é evitar desvios e roubos. Suas atribuições são: determinar os itens que devem ser controlados; determinar a compra ou a fabricação de material para repor no estoque; manter registros de entradas e saídas de material; inventário de material; identificação e eliminação do estoque de materiais obsoletos e estragados; fornecimento das informações para a alta administração sobre gestão de estoques; e determinar quanto e quando efetuar a reposição.

Cana-de-açúcar: principais pragas e métodos de controle

Junto ao controle das doenças que atacam os canaviais de todo o país vem, também, o controle das principais pragas, responsáveis por gerar grandes prejuízos aos produtores. Além disto, o efetivo controle de formigas e cupins também deve ser feito já que sua infestação pode por a perder todo o investimento.

Administração de empresas - controle de venda e estoque

Atualmente, não há lugar para controles informais nem para a falta de planejamento e organização das atividades empresariais. A cada dia, os mercados tornam-se mais competitivos e dinâmicos, exigindo decisões e respostas rápidas por parte dos empresários. Diante disso, a empresa que deseja ter sucesso no mercado deve estar apta a responder à pergunta: Como tornar a empresa mais competitiva, aumentando o volume de vendas e diminuindo o volume em estoques? O controle informatizado de vendas e estoques é uma das principais ferramentas de que as empresas dispõem para responder a pergunta, para se manter no mercado, de forma saudável, organizada, eficiente, competitiva e com o máximo de economia.

Pragas do maracujá - controle da Broca-do-Maracujazeiro, Besouro-das-Flores e Besouro-do-Botão Floral

Também chamada de Broca-da-Haste, a Broca-do-Maracujazeiro provoca prejuízos no pomar, quando está na fase larval, pois ela se desenvolve no interior do ramo do maracujazeiro. Quando chega à fase adulta, sai do ramo através de um pequeno orifício. A Broca-do-Maracujazeiro ocorre mais frequentemente em plantios novos, localizados em áreas recém-desmatadas, na periferia da plantação e próxima à vegetação nativa.

Controle de estoque, saída e entrada em livrarias não informatizadas e informatizadas

As livrarias não informatizadas precisam estabelecer um controle de estoque que normalmente é feito por meio de preenchimento de ficha de controle. Já em livrarias informatizadas, o controle de entrada, saída e de estoque deverá ser feito por meio da utilização de programas computacionais apropriados. Estes programas, normalmente, requerem, como dados de entrada, as mesmas informações que são registradas nas fichas, quando o controle é feito manualmente, ou seja: a origem do produto, a data do cadastro da mercadoria, o nome completo da obra, o autor, a editora, o número da edição, o código da mercadoria, o número de registro no ISBN e a quantidade adquirida de cada exemplar.

Reprodução de cavalos - fotoperíodo controla a atividade ovariana das éguas

O controle da atividade ovariana é regulado pelo fotoperíodo (duração do período de luz), em função das estações do ano. Assim, modificando a duração do fotoperíodo diário ou realizando noites farmacológicas graças à administração de melatonina (mensageiro hormonal da noite), é possível modificar o controle estacional dos ciclos estrais, cujo objetivo é ter éguas ciclando o ano inteiro.

Shiitake: controle integrado de pragas, contaminantes e doenças

As principais medidas de controle deverão ser preventivas. Medidas de controle integrado seguem as relatadas na literatura para o champignon (Fletcher, 1986). “Tratando-se de um cogumelo com fins alimentícios e nutracêuticos, não se recomenda o uso de inseticidas e acaricidas químicos (como o dicophol, a cada 5 a 7 dias, que os controla eficientemente), durante as fases de frutificação”, afirma Fernanda Silveira Bueno, professora do Curso a Distância CPT Cultivo de Cogumelo Shiitake em Substratos, em Livro+DVD e Curso Online.

Fique por dentro das novidades!