WhatsApp SAC (31) 98799-0134 WhatsApp Vendas (31) 99294-0024 Ligamos para Você Central de Vendas (31) 3899-7000
Como podemos te ajudar?
0

Seu carrinho está vazio

Clique aqui para ver mais cursos.

"contos-dias-fica-para-choca"

Como se estrutura um conto infantil

A estrutura do conto é também um fator importante. Existem ótimos contos modernos que não correspondem à estrutura tradicional (introdução, desenvolvimento, clímax e conclusão), com sequências cronológicas, porém, ao menos no começo, é preferível escolher contos que tenham essa estrutura tradicional, até que o contador tenha pleno domínio técnico da narração, para constituir o ritmo e as marcações próprios de um conto moderno. A palavra conto é aqui utilizada em sentido amplo: conto, relato, mito, lenda, fábula, crônica.

Flanelógrafo - ferramenta para a contação de histórias e educação infantil

A história contada existe desde que o mundo é mundo e até hoje agrada as crianças. Saber contar uma história é, sem dúvida alguma, uma arte e, no desenvolvimento desta arte, o contador deverá ter domínio da oralidade expressiva. Uma história bem contada envolve as crianças, capturando sua atenção e fazendo com que entrem no mundo dos contos e da fantasia. Neste momento, elas descobrem palavras novas, deparam-se com a música e com a sonoridade das frases, dos nomes, captam o ritmo do conto, fluindo como uma canção. Ao contar uma história, o contador tem de criar o clima, dar as pausas constantes para o imaginário da criança construir seu cenário, visualizar os seus monstros, criar os seus dragões, adentrar pela sua floresta, vestir a princesa com a roupa que está inventando, pensar na cara do rei e tantas coisas mais. E para que tudo isso seja possível, de forma otimizada, nada melhor que fazer uso de um mecanismo eficiente na contação de histórias: o flanelógrafo.

Preparação, montagem e narração do conto infantil

Uma vez escolhido o conto, passamos ao trabalho de preparação. Primeiramente, deve ser feita a análise, o que facilitará a aprendizagem. A primeira leitura deve ser rápida, do princípio ao fim. Com essa primeira leitura, devemos ter capacidade para fazer um resumo limitado só ao eixo central: Onde está o clímax? Quais são os personagens principais? Em que ambiente se desenvolve a ação? Por fim, se o conto for complexo, convém separar as diferentes sequências.

Carne de sol na panela de pressão: aprenda a fazer

Sabe aqueles dias que dá uma preguicinha gostosa, aquela vontade de fazer nada e ficar deitado assistindo TV o dia todo? Pois é! Especialmente para esses dias, o cardápio tem de ser bem curtinho e rápido, já que a única coisa que agente não quer é encarar o fogão por longas horas e sim aproveitar cada minutinho descansando. Para esses dias, então, a dica de ouro é preparar uma carne bem saborosa acompanhada de um arroz bem branquinho e soltinho. Depois disso, é só atira-se nos braços de Morfeu e cochilar! Gostou? Então, mãos à obra!

Contação de histórias - seleção do conto

O trabalho de pesquisa é o que toma mais tempo e dedicação do contador de histórias. Existem muitas variantes da escolha do conto, das quais é preciso cuidar: o gosto pessoal, a idade das crianças, o espaço, entre outros. Por isso, elementos como: motivação das crianças, adequação do conto, mensagem do conto e credibilidade da história são fundamentais.

Educação infantil - a narração oral na contação de histórias

Contar histórias não é só narrar contos, no sentido restrito do termo. É também narrar fábulas, lendas, mitos, capítulos de novelas e romances, desde que apresentem uma estrutura sequencial completa. A narração oral tem o poder de evocar emoções, de transportar a imaginação, de tornar real a fantasia. É uma arte que se conserva viva, à medida que viabiliza pela palavra, em sua condição mais simples, a oralidade e a memória do mundo.

Contas a receber e inadimplência - administração financeira na pequena empresa

A principal função da administração de contas a receber é estabelecer uma política de crédito dentro da empresa, que esteja ajustada à disponibilidade de capital de giro e também às necessidades de financiamento do cliente. O controle ideal de recebimentos ajusta as possibilidades internas (capital de giro) às solicitações externas (clientes). Realizar uma administração da carteira de contas a receber é estabelecer uma política de crédito dentro da empresa. Para que uma empresa possa implantar uma política de crédito que não comprometa o seu capital de giro, ela necessita dos elementos fundamentais que dão suporte à política: o desenvolvimento de fontes de informações e os métodos de análise destas.

Rocambole de carne moída: aprenda a fazer

Sabe aqueles dias que agente está em casa, curtindo uma preguiça gostosa, e percebemos que a hora do almoço está chegando e, ainda assim, estamos sem a menor vontade de fazer estripulias na cozinha? Pois bem, para esses dias de descanso nada melhor do que preparar um rocambole de carne moída. Ele é super fácil de preparar, é delicioso e demanda muito pouco tempo para ficar pronto. O melhor? O melhor é que agente pode curtir ainda mais o nosso dia, a nossa preguicinha, e com a barriguinha cheia. Vamos lá?

Como contar histórias? Com gestos, entonação de voz e caras e bocas!

Contar uma boa história, de forma que ela permaneça viva nas lembranças das crianças, não é apenas proferir algumas palavras. Contar uma boa história é uma arte e deverá vir acompanhada de sons, gestos, movimentos e olhares. Quando a contação é bem feita, as crianças mergulham na fantasia e lá criam cenários, personagens, enfim, um mundo só delas, um lugar onde podem praticar as mais variadas aventuras, assumindo os personagens que quiserem. Portanto, fatores como o olhar, a entonação de voz, o tempo da contação e o bom diálogo são fundamentais para o sucesso da contação de histórias.

Inseminação artificial em gado de leite: sequência da inseminação artificial

Detectado o cio, a vaca ou novilha deve ser levada para o curral e identificada para ser inseminada no momento adequado. A partir de então, iniciam-se os passos da inseminação propriamente dita. Na checagem dos registros, a vaca e os materiais utilizados para inseminar são preparados. O primeiro passo é verificar na ficha da vaca se existe alguma informação que possa impedir a sua inseminação. Não se deve inseminar vacas com menos de 35 dias de parida ou que tenham apresentado cio há menos de 18 ou mais que 24 dias. Em seguida deve-se conferir se todos os materiais a serem usados na inseminação encontram-se disponíveis e limpos. Verifica-se, também, onde o sêmen escolhido encontra-se no botijão.

Quer mudar de vida e ter sucesso profissional? Vamos te ajudar!