Resultados da busca para "como-quebrar-a-dormencia-de-sementes"

Produtor agrícola: Você sabe extrair e conservar sementes de pimenta?

Para a extração e conservação das sementes, os frutos selecionados devem ser cortados ao meio e suas sementes retiradas com auxílio de uma faca ou de uma colher. “Em seguida, deve ser retirada a mucilagem que envolve a semente, esfregando-a com cal, areia ou cinza, lavando-as em seguida com água corrente”, afirma Roseane Mendonça de Figueiredo,professora do Curso a Distância CPT Produção e Processamento de Pimenta, em Livro+DVD e Curso Online. Por fim as sementes são colocadas sobre um papel absorvente, por um período de dois a seis dias para secarem, sempre à sombra.

Café orgânico - produção de sementes pré-germinadas para o cultivo

Para produzir sementes pré-germinadas, é preciso colocar as sementes sob dois a três centímetros de areia, ou em sacos de aniagem, com o ambiente úmido. Na fase de "esporinha", que é quando a radícula está com um centímetro, no máximo, as plântulas são repicadas para os saquinhos.

Você sabe o que é banco de sementes do solo?

O banco de sementes compreende as sementes viáveis presentes na camada superficial do solo. Por meio de uma moldura de 0,25 x 0,25 m ou de 0,5 x 0,5 m, lançada na superfície do solo, retira-se a serapilheira dura superficial e coleta-se o solo, em uma profundidade de até 3 a 5 cm, que retém a maior parte das sementes viáveis. O número de amostras dependerá das dimensões da área em restauração e do tamanho da amostra

Muda de pimenta a partir de sementes: aprenda a fazer

Apesar de algumas pimentas poderem ser multiplicadas por processos vegetativos como a estaquia e a enxertia, a forma de propagação mais utilizada por agricultores na formação de lavouras é a produção de mudas a partir de sementes, principalmente os pequenos produtores que produzem suas próprias sementes ou compram frutos maduros em mercados e feiras e deles extraem as sementes que serão utilizadas para o plantio.

Vai plantar pimenta? Aprenda a produzir as mudas

Apesar de algumas pimentas poderem ser multiplicadas por processos vegetativos como a estaquia e a enxertia, a forma de propagação mais utilizada por agricultores na formação de lavouras é a produção de mudas a partir de sementes, principalmente os pequenos produtores que produzem suas próprias sementes ou compram frutos maduros em mercados e feiras e deles extraem as sementes que serão utilizadas para o plantio.

Teste sua capacidade de quebrar paradigmas

Você é aquele tipo de profissional que apenas aceita mudanças? Ou participa delas? Que tal experimentar um novo jeito de pensar? Propor a quebra de paradigmas é estimular a criatividade e a inovação. A importância dessa postura é evidenciada quando olhamos para referências na História, uma vez que essa característica marca e marcou personalidades brilhantes, como cientistas, líderes políticos e empresários de sucesso.

Cultivo de Bromélias - propagação por sementes

De modo geral, as bromélias possuem dois tipos de frutos: baga e cápsula. As bagas produzem sementes lisas, sem apêndices, envoltas em mucilagem. Estas devem ser colhidas, para extração das sementes, quando começarem a soltar da inflorescência. Neste estágio, normalmente, apresentam-se com cores fortes. As sementes são obtidas espremendo as bagas em uma peneira de tela fina, logo após, são lavadas em água corrente para extrair a mucilagem.

Posso usar sementes tratadas na produção de milho hidropônico?

A qualidade das sementes a serem utilizadas no plantio é um aspecto muito importante para o sucesso do cultivo do milho hidropônico. Podem ser utilizados diversos tipos de sementes de milho encontradas no mercado, de híbridos ou de variedades, o importante é que tenham boa taxa de germinação e que não sejam tratadas com produtos químicos.

Mudas de maracujá: por sementes, em sacolas plásticas e em tubetes

A forma de propagação do maracujazeiro mais utilizada é através de sementes. Mas, também podem ser utilizadas as técnicas de plantio em sacolas plásticas e em tubetes. É comercializado como fruta fresca para mercados atacadistas e varejistas e, principalmente, para as indústrias de processamento de suco e outros derivados.

Produção de acerola - tutoramento, podas, implantação de quebra-ventos e capina

A acerola, também conhecida como cereja das Antilhas, é uma das frutas que mais têm despertado o interesse dos produtores brasileiros. Trata-se de uma cultura perene, que produz durante praticamente o ano inteiro, e seu cultivo pode ser encontrado em todas as demais regiões do Brasil, porém, com menos intensidade nas regiões sul e sudeste, devido às baixas temperaturas durante o inverno. Entre as inúmeras frutíferas exploradas comercialmente no País, ela está entre as mais procuradas pelo mercado consumidor, devido ao seu alto grau de Vitamina C, outras vitaminas e sais minerais essenciais ao homem. Seja em forma de suco ou "in natura", é crescente a demanda por esta fruta e é exatamente esta grande procura do consumidor que faz com que os produtores invistam cada vez mais nesta cultura. Os custos de implantação, manutenção e produção de um pomar de aceroleira variam de acordo com o local onde ele será instalado, a finalidade da produção e os tratos culturais adotados. Portanto, caberá aos produtores tomar todos os cuidados possíveis para que a produção tenha muito sucesso. Entre os tratos culturais indispensáveis à produção, citam-se o tutoramento, as podas, a implantação de quebra-ventos e a capina.

Atendimento Online
Quer Facilidade