WhatsApp SAC (31) 98799-0134 WhatsApp Vendas (31) 99294-0024 Ligamos para Você Central de Vendas (31) 3899-7000
Como podemos te ajudar?
0

Seu carrinho está vazio

Clique aqui para ver mais cursos.

"como-fazer-composto-de-cogumelo-shimeji"

Champignon - comercialização do cogumelo Agaricus spp in natura dá renda ao produtor

Cogumelo mais consumido no Brasil e no mundo, o Agaricus spp, popularmente conhecido como Champignon, é uma alternativa viável de renda para o pequeno produtor, principalmente se comercializado "in natura". O que faz da produção de champignon um atrativo para os empreendedores é o fato de existir no mercado um crescente público à procura de alimentos saudáveis, produzidos sem a adição de agrotóxicos ou outros produtos químicos. Para o consumidor, por sua vez, adquirir cogumelos comestíveis em seu estado natural é muito melhor que em conserva, já que 2 kg de cogumelo fresco equivalem a apenas 1 kg de cogumelo em conserva, não se perde o sabor quando em estado natural e, principalmente, por não se ingerir compostos à base de enxofre utilizados na operação de branqueamento, quando em conserva.

Champignon - importância do composto orgânico para o cultivo do cogumelo

O composto orgânico é o meio que fornecerá os nutrientes necessários ao desenvolvimento do cogumelo e sua preparação é a primeira fase do processo de produção do Champignon. Existem várias fórmulas para a fabricação do composto, mas a fórmula ideal é aquela que com menor custo e menor rapidez de preparo produz a maior quantidade de cogumelos possível.

Champignon - como preparar o composto natural

O composto natural utilizado na produção do Champignon (Agaricus) é formulado com palha de arroz e esterco fresco de cavalo, proveniente das camas de capim da estrebaria. É importante que se saiba que o esterco, na composição do composto natural, deve corresponder de 20 a 30% do total do composto. Esta composição apresenta quase todos os nutrientes necessários ao desenvolvimento do Champignon, exceto o nitrogênio, que necessita de suplementação.

Champignon: compostagem do cogumelo - fase I

Na preparação da primeira fase do composto (também conhecida como ?compostagem fase I?) para a produção do cogumelo Champignon, o produtor deve dispor de uma área coberta (galpão) para que a umidade do composto não seja alterada pelas chuvas ou pelo calor da insolação. Preferencialmente, este galpão deve ser suficiente para o armazenamento do material que formará o composto. Caso isto não seja possível e o material tenha de permanecer ao ar livre, deve-se deixar estes materiais suspensos por estrados de madeira, devendo-se, também, cobri-los com uma lona.

Cogumelo comestível Shimeji - como cultivar

O cultivo axênico (substrato estéril) do cogumelo comestível Shimeji, realizado em blocos feitos em sacos de polipropileno (PP) ou polietileno de alta densidade (PEAD), é uma alternativa de cultivo mais intensivo, em que as técnicas foram desenvolvidas mais recentemente, usando-se como substrato serragem misturada com vários ingredientes e condições ambientais controladas ou semicontroladas. Três características essenciais do método de cultivo do cogumelo comestível Shimeji em blocos podem ser generalizadas:

Pragas e doenças em cogumelos comestíveis? Isso é possível?

Pragas e doenças em cogumelos comestíveis? Isso é possível? Sim, é! Tal como todas as culturas de interesse agronômico, pragas e doenças podem limitar a produção de cogumelos comestíveis, além de prejudicar a aparência e qualidade final do produto. “Para manter o cultivo com baixo índice de contaminações, doenças e pragas são essenciais todas as medidas de higiene: pasteurização eficiente do substrato ou esterilização no cultivo axênico, controle preventivo de pragas que são vetores de contaminantes e patógenos e tecnologia de cultivo a mais controlada possível, desde a fase de colonização do composto pelo cogumelo”, afirma Fernanda Silveira Bueno, professora do Curso a Distância CPT Cultivo de Cogumelo Shiitake em Substratos, em Livro+DVD e Curso Online.

Top 6 cogumelos comestíveis mais comuns

Em nível global, as espécies de cogumelo existentes ultrapassam 10 mil, algumas delas são comestíveis, como Cantarelo, Portobello, Champignon, Hiratake, Shimeji e Shiitake; outras, alucinógenas e tóxicas. Até mesmo os cogumelos para consumo devem passar por cocção para que as toxinas sejam removidas. No mais, eles são muito nutritivos e benéficos à saúde humana.

Como secar cogumelos no forno e no freezer

Secar cogumelos no forno e no freezer não é tão difícil como parece embora seja mais demorado. Com as dicas abaixo, você terá cogumelos o ano todo, com aspecto, aroma e sabor incríveis. Em relação às variedades de cogumelos indicadas para a secagem, o Shiitaki, o Shimeji e o Hirataki são perfeitos, todos nutritivos e saborosos mesmo desidratados.

O que fazer e o que não fazer em situações de emergência

Se você estiver no local de uma emergência, analise a situação por alguns segundos, considerando alguns aspectos extremamente importantes. Eles o ajudarão a saber o que fazer e o que não fazer em situações de emergência, para que tudo corra bem e a vítima tenha grandes chances de sobreviver. Antes de aproximar-se da vítima, examine a área para ver se há perigos imediatos, sempre perguntando a si mesmo se a situação é segura.

Cogumelo medicinal - lavagem, branqueamento e tratamento do A. blazei

O cogumelo Agaricus blazei é vendido tradicionalmente na forma desidratada. Com isso, após a colheita, é necessário que os cogumelos sejam lavados, branqueados, passem por tratamento e desidratados, sendo que, ao final do processo, os mesmos devem apresentar coloração amarelo-palha, além de possuir tamanho superior a 5 cm, segundo exigências do mercado.

Quer mudar de vida e ter sucesso profissional? Vamos te ajudar!