Resultados da busca para "como-empalhar-uma-ave"

Taxidermia - equipamentos e produtos químicos para o empalhamento de aves e mamíferos

Para se trabalhar com taxidermia, é indispensável a existência de um conjunto básico de equipamentos (instrumentos ou ferramentas) e produtos químicos apropriados para serem utilizados na preparação e na conservação da pele de aves e de mamíferos, a serem empalhados. A taxidermia pode ser utilizada com várias finalidades, entre elas, para estudos e fins decorativos. O fato de animais como aves e mamíferos poderem ser taxidermizados possibilita formar e manter uma coleção, em museus de zoologia, escolas de primeiro e segundo graus, cursos técnicos e superiores de biologia, entre outros. A coleção de peças taxidermizadas servirá de objetos de estudo, e poderá ser formada por espécies comuns em uma determinada região, espécies de outras regiões, espécies raras e até mesmo espécies já extintas.

Azevém e aveia: forrageiras usadas em silagem e feno

Tanto o azevém como a aveia são forrageiras que podem ser usadas por meio de corte ou pastejo, e para uso como alimento conservado, tanto como pré-secado (silagem) ou como feno. Por causa da forma ereta de crescimento da aveia, essa forrageira é mais usada em pequenas propriedades, visando ao seu corte periódico. Por outro lado, o azevém é bastante indicado para pastejo. As duas espécies adaptam-se bem às regiões Sul e Sudeste do Brasil, onde mostram significativas produções de forragem de qualidade nos cultivos realizados.

Diamante-de-Gould: ave exótica, de plumagem bela e exuberante

A ave exótica conhecida como Diamante-de-Gould (Chloebia gouldiae) é originária do Continente Australiano. Esse belo pássaro recebeu este nome em homenagem a Elizabeth Gould, esposa do ornitólogo John Gould, que descobriu a espécie. Por volta de 1887, alguns exemplares de Diamante-de-Gould foram levados da Austrália para a Inglaterra e, depois, disseminados pelo mundo. Hoje, há inúmeros aficionados pela espécie, principalmente, pela beleza exuberante de sua plumagem.

Criação de galinha caipira, alternativa para alimentação mais saudável

A ave caipira é aquela proveniente de uma criação cuja alimentação deve ser suprida basicamente por alimentos naturais como pasto, capim picado, insetos, minhocas, etc. Este conceito permanece inalterado; o que mudou foi a qualidade da ave que está sendo criada neste sistema: uma ave melhorada geneticamente, que adquiriu precocidade e potencial de crescimento sem perder as características de rusticidade.

Faisão - uma ave ornamental da mesma família dos perus, pavões e galinhas

O faisão é uma ave de nome popular faisão coleira, nome científico Phasianus colchicus torquatus, gênero dos galiformes, pertencente à categoria das aves ornamentais. São originários da Ásia, principalmente da China, Rússia, Nepal, Japão, Himalaia e Tibet. O corpo do faisão é robusto e as pernas e asas são curtas. A plumagem é extremamente colorida. Possuem grande dimorfismo sexual, assim os machos são maiores e de penas mais coloridas e brilhantes.

Raças de canários de porte com penas frisadas

Os canários de porte com penas frisadas surgiram de inúmeros cruzamentos para aprimorar as características já existentes na ave. Desses cruzamentos, surgiram o padrão da raça de plumagem frisada. Entretanto, esse grupo não possui subgrupos como os canários de plumagem lisa, pois são considerados como um todo. O que importa é principalmente o porte da ave.

Produção de feno: tipos de forrageiras e cuidados

Em nosso país, os pecuaristas produzem feno com diversos tipos de forrageiras - como alfafa, azevém, aveia, cevada, coast cross e tífton, e até mesmo restos culturais. Entretanto, para alcançar bom padrão de qualidade, o produtor deve seguir alguns cuidados essenciais na produção e no armazenamento do feno.

Origami - como fazer o pássaro Tsuru de papel

Diz a lenda que o Tsuru era uma ave sagrada, que viveu mil anos, e que simbolizava o desejo de saúde, felicidade e boa sorte. Fazer um origami (técnica oriental milenar de dobradura do papel, que não usa cola ou qualquer outro artifício, apenas habilidade, delicadeza e dedicação) do Tsuru não é tarefa simples. Essa técnica, se bem desenvolvida, mostra existir na pessoa que a fez a preocupação em fazer bem feito, já que ela exprime a capacidade humana de personalizar uma simples dobradura de papel, conferindo-lhe beleza e significado. Quer aprimorar sua técnica do bem fazer? Siga o passo a passo abaixo, oriente-se pelo infográfico e pratique até que suas habilidades manuais se tornem um primor. Boa sorte!

Criação de avestruz de modo rentável não é tarefa difícil

Originária do continente africano, a Struthio Camelus, única espécie de avestruz, pertence ao grupo das ratitas, ou seja, aves que não voam. Sua criação em cativeiro, no Brasil, é ainda uma atividade em desenvolvimento. Tendo como habitat natural as savanas e desertos, também pode ser criada nos campos, caatingas e cerrados. É considerada uma ave monogástrica, herbívora e com grande potencial de exploração em nossas pastagens, pois come grande variedade de gramíneas, arbustos e folhas de árvores.

Avestruz, a maior ave do planeta

A ave vive cerca de 70 a 80 anos na natureza. O macho alcança a maturidade sexual aos 30 meses, já a fêmea aos 20 meses, em média. A alimentação pode ser feita a partir de rações peletizadas, mas os avestruzes podem se alimentar de capim por serem vegetarianos de natureza.

Atendimento Online
Quer Facilidade