Resultados da busca para "como-as-abelhas-produzem-geleia-real"

Como é feita a colheita de geleia real de qualidade

Na colheita da geleia real, o apicultor deve seguir todas as recomendações de higiene essenciais à qualidade do produto. No processo, deve-se retirar a colmeia do local, cuidadosamente, para evitar qualquer foco de contaminação. O processo de extração da geleia real pode ser realizado com o auxílio de uma espátula de aço inoxidável.

Abelhas com ferrão - Abelha-Europeia (Apis mellifera mellifera)

A Abelha-Europeia (Apis mellifera mellifera) é uma abelha social, de origem europeia, pertencente à família Apidae, da ordem Hymenoptera. Além deste nome, recebe os nomes de Abelha-Alemã, Abelha-Comum, Abelha-da-Europa, Abelha-de-Mel, Abelha-Doméstica, Abelha-do-Reino, Abelha-Escura, Abelha-Europa, Abelha-Preta e Oropa. Foi introduzida na América por ingleses e espanhóis. No Brasil, foi introduzida, em 1839, para suprir apiários na produção de mel e cera.

Conheça os benefícios da geleia real para a saúde

Muitos acreditam que o naturalista François Huber foi quem descobriu a geleia real. Ao observar na colmeia que as futuras abelhas rainhas se alimentavam de um tipo de geleia cremosa, clara e ácida, o especialista resolveu pesquisar a substância e detectou o quão nutritiva ela era.

Abelhas com ferrão - Abelha-Italiana (Apis mellifera ligustica)

A Abelha-Italiana é uma variedade da Abelha-Europeia. Também é conhecida como Abelha-Amarela ou Abelha-Italiana-Amarela. Sua baixa agressividade, aliada à alta produtividade e à rápida produção de favos de mel, faz a Apis mellifera ligustica ser muito popular no mundo todo, sendo, de fato, a preferida dos apicultores. No entanto, possui sentido de orientação fraco, por isso, entra frequentemente em colmeias erradas. Dessa forma, acaba furtando mel de outras abelhas.

Geleia real: colheita e processamento

Obter produtos da colmeia, como o mel, a própolis e a geleia real depende de dois fatores básicos: o planejamento e a instalação do apiário de forma racional e o uso de tecnologias de manejo adequadas, para cada um desses produtos, para que o empreendimento apícola tenha rentabilidade. O maior importador de mel do Brasil são os Estados Unidos, que ficaram com pouco mais de 5.000 t, estando em segundo lugar a Alemanha, com 4.800 t.

Geleia de pimenta com abacaxi - aprenda a fazer

Geleia é uma espécie de conserva, de aspecto gelatinoso e brilhante, preparada com frutas naturais, mais açúcar. De acordo com Roseane Mendonça de Figueiredo, professora do Curso CPT Produção e Processamento de Pimenta, "Uma boa geleia deve apresentar as seguintes características: ser clara, macia, gelatinosa, brilhante e quase translúcida. Deve ter cor atraente e aroma característico da fruta utilizada". Nesta receita, deve-se utilizar pimentas com ardume de médio a alto, como ocorre com a pimenta malagueta ou a dedo de moça. Aprenda, agora, como produzir uma deliciosa geleia de pimenta com abacaxi:

Abelhas com ferrão - Abelhas Africanizadas (Africana+Europeias)

As Abelhas Africanizadas são poliibridos resultantes dos cruzamentos entre a Abelha-Africana, Apis mellifera scutellata, anteriormente classificada como Apis mellifera adansonii, e as raças europeias, Apis mellifera mellifera, Apis mellifera ligustica, Apis mellifera carnica e Apis mellifera caucasica, que foram introduzidas na América antes da chegada das africanas, em 1956. No entanto, predomina, nas Abelhas Africanizadas, as características morfológicas e comportamentais das Abelhas-Africanas.

Apiterapia - tratamento com o uso do mel, da própolis, da geleia real e da cera

A Apiterapia consiste na mistura dos vários produtos, colhidos, transformados e segregados pelas abelhas, no tratamento de disfunções orgânicas e emocionais dos seres humanos. Entre esses poderosos produtos destacam-se o mel, a própolis, a geleia real e a cera.

Abelhas sem ferrão - Irapuã (Trigona spinipes)

A Trigona spinipes é uma abelha social brasileira, da subfamília dos meliponíneos. Também é conhecida pelos nomes de Abelha-Cachorro, Abelha-Irapuá, Abelha-Irapuã, Arapica, Arapu, Arapuá, Arapuã, Aripuá, Axupé, Caapuã, Cabapuã, Enrola-Cabelo, Guaxupé, Irapuá, Mel-de-Cachorro, Torce-Cabelo, Cupira, e Urapuca. Esta abelha é um inseto que vive em colônias, compostas por operárias, zangões e diversas rainhas, embora apenas uma seja responsável pelas posturas.

Abelhas sem ferrão - Guiruçu (Schwarziana quadripunctata)

A Guiruçu é popularmente conhecida como Abelha-Mulata, Mulatinha, Abelha-do-Chão, Papa-Terra e Iruçu-do-Chão. É uma abelha social, da subfamília dos meliponíneos. É uma espécie muito mansa, visitante da copa das árvores. A Schwarziana quadripunctata nidifica no solo, em buracos no chão, ou em ninhos de formigueiros abandonados. Os ninhos da Guiruçu tanto podem ser encontrados a 30 cm do solo, como a 1,5m deste. Por isso, essa abelha precisa de uma melhor termorregulação de seu ninho para controlar a sua temperatura interna.

Atendimento Online
Quer Facilidade