Resultados da busca para "cartazes-sobre-higiene-para-manipuladores-de-alimentos"

Higienização na produção de alimentos: saiba mais sobre isto

Para aqueles que se propõem a fabricar alimentos, é importante lembrar que a higiene, em todas as etapas do trabalho, é um fator fundamental para o sucesso da atividade, pois a contaminação dos alimentos pode por fim à produtividade. A qualidade de um alimento depende de práticas higiênicas eficazes em cada etapa da cadeia alimentar; isto é, desde sua origem no campo até a mesa do consumidor. Portanto, ao adquirir a matéria-prima, ele deve estar consciente desse fato, pois se ela já chega à indústria com a qualidade comprometida, não adiantará manter técnicas rigorosas de higiene e de processamento, pois o produto final será de baixa qualidade.

Manipuladores de alimentos: regras de higiene pessoal

Atualmente, além da preocupação em obtermos uma alimentação saudável e eficiente, ou seja, que seja bem equilibrada, com boa aparência, rica em substâncias benéficas, também é de fundamental importância considerar que ela seja totalmente livre de agentes (agrotóxicos, bactérias, entre outros) causadores de doenças que afetam a saúde de quem a consome. Para isso, são necessários cuidados especiais diante das principais fontes contaminantes dos alimentos.

Saiba as boas práticas de manipulação de alimentos

A pessoa responsável pela preparação dos alimentos deverá sempre ter em mente que a manipulação é uma tarefa que deve ser realizada com atenção e cuidados especiais, pois o menor e mais simples descuido poderá criar condições favoráveis ao desenvolvimento de microrganismos. A presença de microrganismos, por sua vez, aumenta, de forma potencial, os riscos de contaminação dos alimentos, prejudicando a sua qualidade.

Merendeira escolar: higiene pessoal é fundamental para o seu trabalho

Toda merendeira escolar, por ser uma manipuladora de alimentos, deve, obrigatoriamente, apresentar boas práticas de higiene para, entre outras coisas, evitar a ocorrência de doenças nas crianças provocadas pelo consumo de alimentos contaminados. Em outras palavras, eles melhoram a qualidade de vida saudável das pessoas e são normas de vida, ainda mais para o manipulador de alimentos.

Segurança alimentar: conheça algumas formas de contaminação dos alimentos

A contaminação dos alimentos ocorre devido à presença de microrganismos (bactérias, fungos, leveduras, vírus, entre outros), causando mau cheiro, sabor ruim e modificando a aparência natural dos alimentos. Em alguns casos, o alimento se encontra contaminado, mas as modificações não são perceptíveis, o que é ainda mais perigoso.

Intoxicação alimentar: grave problema das fábricas de congelados

Atualmente, a maioria das pessoas trabalha fora, o que as leva a buscar a praticidade da vida moderna. Também aquelas que moram sozinhas, que hoje constituem um elevado número, procuram por esse tipo de alimento pela sua praticidade. "Por isso, o comércio de alimentos congelados tem crescido muito e tem se tornado um grande negócio para quem quer investir nesse ramo", afirma Denise Andrade Khoury, professora do Curso a Distância CPT Como Montar uma Pequena Fábrica de Alimentos Congelados, em Livro+DVD e Curso Online. No entanto, há um fator que pode colocar a perder todo o investimento e, sim, fechar uma fábrica de alimentos congelados: intoxicação alimentar.

Fatores que interferem na conservação dos alimentos

A conservação dos alimentos está diretamente ligada à capacidade de sobrevivência ou de multiplicação dos microrganismos presentes nos mesmos. Os fatores que interferem na conservação dos alimentos podem ser intrínsecos, quando relacionados com as características próprias do alimento, ou extrínsecos, quando relacionados com o ambiente no qual o alimento se encontra.

Alimentos funcionais, vitaminados, com glúten, light e diet, e microrganismos probióticos

Alimentar-se é uma necessidade básica do ser humano e a busca por uma melhor qualidade de vida tem feito com que homens e mulheres em todo o mundo se preocupem em adotar hábitos saudáveis. Quando a alimentação é feita de forma adequada e variada, previne deficiências nutricionais e protege contra doenças, porque é rica em nutrientes que podem melhorar as defesas do organismo. Para quem quer ou precisa adotar o estilo de vida saudável, é necessário reorganizar-se, planejar suas compras, conhecer quais alimentos podem contribuir para uma dieta nutricionalmente rica e balanceada. Para isto, no entanto, é preciso conhecer as diferenças entre alguns tipos de alimentos, por exemplo, os funcionais, vitaminados, com glúten, light e diet, e o que são os microrganismos probióticos.

Quais as funções da merendeira escolar?

Há algumas décadas, o governo enviava alimentos praticamente prontos para as escolas. As merendeiras apenas os colocavam na água fervente, misturavam e esperavam que cozinhassem. Após 1994, ao invés de enviar alimentos, o governo passou a enviar verbas para que alguns municípios e estados os comprassem. A partir de então, a alimentação escolar passou a ser servida segundo o hábito dos alunos, preparada com alimentos frescos. Em 2009, as escolas passaram definitivamente a receber alimentos frescos e, com isso, a manipulação dos alimentos tornou-se maior, exigindo da merendeira muito mais trabalho e cuidados.

Práticas sobre alimentação saudável são determinantes para ter qualidade de vida

Nos dias de hoje, a alimentação ocupa um lugar de destaque na determinação da qualidade de vida das pessoas, uma vez que deixou de ser simplesmente uma necessidade orgânica; agora é uma necessidade social. As diferentes atividades que o organismo exerce dependem do alimento ingerido, em termos de qualidade e quantidade, ou seja, cada função do corpo humano tem uma relação com os constituintes dos alimentos que são os chamados nutrientes. No entanto, para que o organismo funcione de forma satisfatória devem ser tomados cuidados básicos, para que os alimentos atuem como combustível para o organismo, e não como portadores de doenças.

Atendimento Online
Quer Facilidade