WhatsApp SAC (31) 98799-0134 WhatsApp Vendas (31) 99294-0024 Ligamos para Você Ligue Agora (31) 3899-7000
0

Seu carrinho está vazio

Clique aqui para ver mais cursos.

Resultados da busca para "cana-de-acucar-tratos-culturais" ()

Cana-de-açúcar: principais exigências da cultura

A colheita de cana-de-açúcar reflete todo o trabalho desenvolvido e conduzido no campo ao longo do ciclo da cultura, culminando na entrega da matéria-prima para que seja processada e contribua na obtenção de um produto final de qualidade. O corte de cana deve ser feito bem rente ao nível do solo, sem deixar tocos, para evitar perda de matéria-prima, infestação de pragas nas cepas remanescentes e emissão de brotações aéreas.

Taro orgânico - tratos culturais, pragas e doenças, e colheita e pós-colheita

Alguns tratos culturais são de fundamental importância para o sucesso da cultura orgânica do taro. Assim como outras raízes, ele precisa ser adequadamente irrigado, capinado, adubado e amontoado. O produtor deverá preocupar-se com a manutenção da sua lavoura, fazendo o controle de pragas e doenças, deverá realizar a correta colheita do tarô, além de seguir algumas recomendações para o pós-colheita do produto, evitando sua deterioração. Veja abaixo:

Cana-de-açúcar - principais variedades, qualidade e rendimento

No Brasil, até o século XIX, a cana-de-açúcar utilizada para fabricar rapadura era a crioula. Depois, veio a caiana, que é mais resistente a pragas, e, posteriormente, surgiram inúmeras outras variedades, como a cana rosa, fita, bambu, carangola, cabocla, preta, entre outras. A variedade da cana-de-açúcar está entre os principais fatores de produtividade e de qualidade dos produtos da cana-de-açúcar. A variedade ideal é aquela que atende às exigências quanto ao rendimento e à qualidade, uma vez que são considerados os requisitos-chave em qualquer atividade produtiva. Por isso, tanto a produtividade quanto a qualidade são, hoje, os temas mais discutidos em sistemas de produção de diversas áreas.

Produção de acerola - tutoramento, podas, implantação de quebra-ventos e capina

A acerola, também conhecida como cereja das Antilhas, é uma das frutas que mais têm despertado o interesse dos produtores brasileiros. Trata-se de uma cultura perene, que produz durante praticamente o ano inteiro, e seu cultivo pode ser encontrado em todas as demais regiões do Brasil, porém, com menos intensidade nas regiões sul e sudeste, devido às baixas temperaturas durante o inverno. Entre as inúmeras frutíferas exploradas comercialmente no País, ela está entre as mais procuradas pelo mercado consumidor, devido ao seu alto grau de Vitamina C, outras vitaminas e sais minerais essenciais ao homem. Seja em forma de suco ou "in natura", é crescente a demanda por esta fruta e é exatamente esta grande procura do consumidor que faz com que os produtores invistam cada vez mais nesta cultura. Os custos de implantação, manutenção e produção de um pomar de aceroleira variam de acordo com o local onde ele será instalado, a finalidade da produção e os tratos culturais adotados. Portanto, caberá aos produtores tomar todos os cuidados possíveis para que a produção tenha muito sucesso. Entre os tratos culturais indispensáveis à produção, citam-se o tutoramento, as podas, a implantação de quebra-ventos e a capina.

Adubação nitrogenada e fosfatada em cana-de-açúcar: como fazer

A explicação para este fato é que, na rizosfera (região próxima das raízes) da cana-planta, existem grandes populações de bactérias assimbióticas que fixam mais nitrogênio, já que o solo foi preparado recentemente e a sua maior aeração facilita o aumento da população bacteriana.

Produção de cana-de-açúcar: uma alternativa econômica para a sua fazenda

Desde 1532, quando Martim Afonso de Souza introduziu a cultura da cana-de-açúcar no Brasil, na capitania de São Vicente (hoje São Paulo), a cultura tem proporcionado contribuições econômicas e sociais muito grandes. Já no século XVI e XVII, vivenciou-se o ciclo da cana-de-açúcar, o segundo grande ciclo econômico da história do País.

Lei Rouanet: Você já ouviu falar dela? Sabe do que se trata?

A Lei nº 8.313, de 23 de dezembro de 1991, mais conhecida como Lei Rouanet, tem como finalidade incentivar a produção de cultura em todo país. Através dessa lei, ficou instituído o PRONAC – Programa Nacional de Apoio à Cultura – cuja finalidade é captar e canalizar recursos para a cultura nacional em geral. É aplicada na forma de Mecenato e do Fundo Nacional de Cultura.

Inhame orgânico - tratos culturais, controle de pregas e doenças, e colheita

O principal trato cultural da lavoura de inhame é a realização de capinas até os 100 primeiros dias após o plantio, pois as plantas são muito sensíveis à competição com ervas. Na fase inicial da cultura, as capinas devem ser feitas em faixas, limpando-se junto às plantas e mantendo-se uma faixa de mato de cerca de 20 centímetros entre as linhas da cultura. Em seguida, na ordem de importância, classificam-se a adubação em cobertura, a irrigação e o tutoramento, conforme abaixo:

Morango orgânico: tratos culturais

No Brasil, a Associação de Agricultura Orgânica - AAO, desde 1989 vem trabalhando em defesa da produção de alimentos de alto valor nutritivo, obtidos sem a utilização de agrotóxicos e fertilizantes químicos. No setor público, a Secretaria da Agricultura do Estado de São Paulo, reconhecendo a expansão e importância deste tipo de agricultura, mantém permanentemente uma Comissão Técnica Estadual específica para assuntos ligados à agricultura com bases orgânicas.

Produção comercial de Strelítzia - propagação, cultivo e tratos culturais

Strelitzia reginae é o nome científico da Strelítzia, também conhecida como ave do paraíso na maioria das vezes, ou, ainda, como bananeirinha de jardim. Cresce em touceiras e sua propagação se dá a partir de um caule rizomatoso. e apresenta folhas de coloração verde-escura. Sua inflorescência cresce a partir de uma haste que atinge quase a mesma altura das folhas. São várias flores que vão se abrindo sucessivamente no ápice dessas hastes e, cujas sépalas são de cor laranja e as pétalas de cor azul em formato de seta. Esta espécie de planta vem conquistando cada vez mais o mercado, abrindo oportunidades de negócios para quem trabalha com plantas ornamentais.

Fique por dentro das novidades!