Resultados da busca para "antracnose-do-mamoeiro"

Doenças da Seringueira - Antracnose do Painel e Cancro da Haste

A Antracnose do Painel é uma doença do tronco, do painel de sangria da seringueira, causada pelo fungo Colletotrichum gloeosporioides, presente, principalmente, nos seringais dos Estados de São Paulo e Mato Grosso. Os sintomas se assemelham aos do cancro estriado.

Mamoeiro: doenças viróticas e controle

O mamoeiro é uma planta tropical cuja origem provável é a América do Sul. É uma das fruteiras mais comuns nos países da América Tropical, expandindo-se para a África e Ásia, sendo hoje largamente cultivada na Índia, Tailândia, Indonésia, México, Nigéria, entre outros. No Brasil, a Bahia e o Espírito Santo são os maiores produtores, sendo este último o que apresenta maior produtividade, cerca de 40t/ha/ano, sendo suficiente para abastecer o mercado local e fornecer excedentes para a exportação (Reino Unido, Alemanha, França, Itália, Canadá, entre outros).

Cultura do mamão - aumente a produção com o manejo adequado

O mamoeiro é uma planta, tipicamente tropical, vigorosa, que apresenta crescimento regular, e produz frutos de excelente qualidade em lugares de grande insolação, com temperaturas entre 22 e 28ºC. A temperatura média ideal para o cultivo está em torno de 25ºC, com boa distribuição e quantidade de chuva ou com irrigação. A umidade relativa do ar entre 60 e 85% é a mais favorável ao desenvolvimento da cultura. A altitude mais indicada é de até 200m, acima do nível do mar, embora a planta produza bem em áreas mais altas. A constituição da planta e do fruto é de aproximadamente 85% de água, exigindo, tanto no período de crescimento ativo quanto no período de produção, amplo suprimento de água que poderá ocorrer por meio da chuva, da irrigação ou de ambas.

Doenças do maracujá - controle do Damping Off, Antracnose, Verrugose, Septoriose e Alternariose

O tombamento do maracujazeiro é causado pelos fungos Rhyzoctonia, Fusarium e Phytophthora. É uma doença que se caracteriza por uma lesão na região entre as raízes e o caule do maracujazeiro, que acaba por provocar o seu tombamento e morte. O excesso de água na sementeira, o excesso de sombreamento e o uso de solo já contaminado favorecem o aparecimento da doença.

Pragas do mamão - Ácaro branco (Polyphagotarsonemus latus)

O ácaro-branco, Polyphagotarsonemus latus, também conhecido como ácaro-da-queda-do-chapéu-do-mamoeiro, localiza-se na face inferior das folhas novas, tornando-as cloróticas, coriáceas e encarquilhadas. Praticamente, não é visto a olho nu, sendo notado somente quando as plantas atacadas já apresentam os sintomas típicos.

Mamão: principais pragas do mamoeiro e métodos de controle

Na década de 70, com a introdução do chamado mamão papaya, conhecido também como mamão Havaí, houve a expansão dessa cultura no Brasil. Por apresentar características que são aceitas tanto pelo mercado internacional como o nacional, esta variedade do grupo Solo teve rápida aceitação.

Doenças da Seringueira - Requeima e Antracnose

Essa doença, causada pelo fungo Phytophthora sp, ocorre em períodos de chuvas prolongadas, principalmente, nos seringais adultos, nas plantas em reenfolhamento. Os sintomas se caracterizam pelo murchamento, seguido de queima dos folíolos jovens, dos pecíolos, das hastes e das inflorescências. Quando a infecção ocorre no penúltimo segmento dos folíolos, aparecem lesões com exsudação de látex que anelam o ramo, provocando a murcha terminal do mesmo.

Pragas do mamão - Lagarta-rosca (Agrotis ipsilon)

Não é uma praga muito comum à cultura do mamoeiro, mas pode atacar as plantinhas no viveiro, seccionando-as rente ao solo. É uma lagarta de hábito noturno, e que durante o dia abriga-se sob o solo. - Controle O mesmo produto indicado anteriormente para mandarová, assim que os primeiros danos sejam observados, desde que seja verificada a presença da lagarta na planta.

Pragas do mamão - Mandarová ou gervão (Erinnyis ello)

O mandarová pode atacar ocasionalmente o mamoeiro. As lagartas se alimentam inicialmente das folhas e brotações mais novas, e, depois, das folhas mais velhas. Em infestações severas, pode causar o desfolhamento total da planta, atrasando seu desenvolvimento e expondo os frutos à insolação direta.

Pragas do mamão - Nematoides

Dentre outros fatores que podem afetar a produtividade e valor comercial da cultura do mamoeiro, encontram-se os nematoides. No Brasil, o gênero Meloidogyne é o mais nocivo à cultura, já tendo sido identificadas as espécies M. hapla, M. incognita e M. javanica parasitando as raízes do mamoeiro, sendo conhecidos como nematoides-das-galhas.

Atendimento Online
Quer Facilidade