WhatsApp SAC (31) 98799-0134 WhatsApp Vendas (31) 99294-0024 Ligamos para Você Ligue Agora (31) 3899-7000
0

Seu carrinho está vazio

Clique aqui para ver mais cursos.

Tratamento das unhas - unhas com manchas brancas e hematomas

Unhas com manchas brancas e hematomas.

  A síndrome da unha branca pode ocorrer na intoxicação por arsênico ou doenças cardíacas.

Como a unha é muito exposta, ela pode ser acometida de vários problemas. Estes podem ser causados pela infecção de bactérias ou fungos, ou por traumatismos diversos. Alguns deles podem ser tratados pelo pedicuro ou podólogo, mas, em outros casos, deve-se recorrer ao dermatologista.

Quando existir dor, eritema (vermelhidão) persistente ao redor, mudança de cor e forma da unha ou edema ao redor, deve-se procurar um dermatologista.

Eritema é o nome dado à coloração avermelhada da pele, ocasionada por vasodilatação capilar, sendo um sinal típico da inflamação. Ao pressionar a superfície afetada, a cor vermelha deve desaparecer, reaparecendo ao cessar a pressão.

Manchas brancas ou leuconíquia

São muito comuns e usualmente se repetem, resultado de traumas repetidos na matriz da unha, onde esta é produzida em 90%. Alguns especialistas dizem ser uma consequência de perturbação no processo de ceratinização (chamada de ceratina) ou queratinização. Outros dizem que há presença de bolhas de ar nas células córneas após microtraumatismos.

Nota-se que elas vêm para frente e saem, lentamente. Não é necessário cuidados, exceto evitar os traumas. Pode-se apresentar com pontos brancos, popularmente chamados de “mentiras”, ou ainda, como uma unha totalmente branca.

Tratamento: não é necessário, pois as manchas desaparecem com o tempo.

Observação:

A síndrome da unha branca também pode ser chamada de leuconíquia, que pode ocorrer na intoxicação por arsênico, doenças cardíacas, insuficiência renal, pneumonia ou hipoalbuminúria.

Manchas de sangue ou hematoma subungueal

São pequenos traumas causados por choque na unha, que podem fazer com que se rompam finos vasos de sangue, surgindo assim pequenos pontos de hemorragia nessa região. Algumas drogas poderiam provocar isto, como a aspirina, mas a grande maioria é provocada por traumas. Os tecidos abaixo da unha são comprimidos e deixam pouco espaço para o extravasamento do sangue. Isso provoca o aparecimento de dor bastante intensa e, ao mesmo tempo, limita o volume do hematoma.

Tratamento: É só retirar a causa e esperar a unha ser substituída.

Leia outros artigos relacionados ao tema:

A história do cuidado com as unhas

Doenças diagnosticadas por meio das unhas

Identificação de deficiência de vitaminas por meio da análise das unhas

Unhas encravadas, muito grandes ou com tumoração óssea

O hábito de roer as unhas, a sua queda ou ausência

Infecção bacteriana, psoríase, tumores e verrugas

Infecção por fungos e bactérias

Como evitar as micoses

Tratamento das micoses

Aprimore seus conhecimentos, acessando os cursos da área Salão de Beleza, elaborados pelo CPT – Centro de Produções Técnicas.

Por Andréa Oliveira.

Deixe seu comentário

Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

O CPT garante a você 100% de segurança e
confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Seu comentário foi enviado com sucesso!

Informamos que a resposta será publicada o mais breve possível, assim que passar pela moderação.

Obrigado pela sua participação.

Últimos Artigos

Artigos Mais Lidos

Fique por dentro das novidades!