Tomate hidropônico - local e orientação para instalação da estufa

Tomate hidropônico - local e orientação para instalação da estufa

 

Antes de se iniciar o cultivo de tomates em sistema hidropônico, deve-se observar atentamente a localização da estufa. Vejamos:

Topografia

Deve-se escolher um local plano. Dessa forma, toda a área terá uma distribuição uniforme de luz, além de facilitar a irrigação e o manejo durante o cultivo dos tomates.

Orientação

A posição da estufa é orientada conforme a direção dos ventos predominantes, no sentido de sua direção, freando com isso o mínimo possível dos ventos, o que aumenta a durabilidade da estufa. Já quanto à luminosidade, a orientação mais recomendada para a estufa é a Norte-Sul. No entanto, em regiões de pouca incidência de sol, o ideal é construir a estufa de Leste a Oeste.

Ventos

Os ventos muito fortes devem ser evitados, pois causarão danos à estufa, e, consequentemente, à produção. Em regiões de ventos fortes, as estufas devem estar protegidas para evitar que os plásticos sofram danos, elevando os custos de produção. Daí a necessidade de construção de quebra-ventos para diminuir a velocidade dos ventos. Este deve ter de 8 a 10 m de distância da estufa para que não haja interferência de luz. No entanto, não se deve bloquear totalmente os ventos, pois estes contribuem para o arejamento das plantas.

Água

A estufa deve estar próxima a uma boa fonte de água, pois esta transporta os nutrientes para as plantas e deve ser isenta de contaminantes, o que se pode comprovar fazendo análise químico-biológica.

Energia elétrica

Quando falamos em estufa, não podemos nos esquecer dos transformadores, das fontes de energia e dos geradores à gasolina, todos de grande importância para o seguro e perfeito funcionamento do sistema.

Luminosidade

Para receber a luminosidade adequada, a estufa deve ser construída longe de bosques, pois o tomate hidropônico é bastante exigente à luz.

Solo

Os solos para o cultivo de tomate hidropônico podem ir de arenosos até os mais pedregosos, pois só terão a função de sustentar a estrutura do sistema hidropônico.

Aprimore seus conhecimentos, acessando os Cursos CPT, da área Hidroponia, elaborados pelo Centro de Produções Técnicas (CPT), entre eles o Curso Hidroponia – Cultivo de Tomate.

Por Andréa Oliveira.

Acesse os links abaixo e conheça mais sobre Produção de Tomate Hidropônico:

O ambiente protegido e controlado

O sucesso do cultivo nesse sistema

Sistema aberto, fechado e NFT


Cursos Relacionados

Curso Hidroponia - Cultivo de Tomate Curso Hidroponia - Cultivo de Tomate

Com Prof. Carlos Alberto G. de Moraes e Prof. Marcelo...

R$ 398,00 à vista ou em até 12x de R$ 33,17 sem juros no cartão

Frete Grátis 2 ou mais Cursos
Saiba mais
Curso Hidroponia - Solução Nutritiva Curso Hidroponia - Solução Nutritiva

Com Prof. Dr. Quirino Carmello

R$ 398,00 à vista ou em até 12x de R$ 33,17 sem juros no cartão

Frete Grátis 2 ou mais Cursos
Saiba mais
Curso Cultivo de Tomate em Estufa Curso Cultivo de Tomate em Estufa

Com Prof.ª Dr.ª Rumy Goto

R$ 398,00 à vista ou em até 12x de R$ 33,17 sem juros no cartão

Frete Grátis 2 ou mais Cursos
Saiba mais
Curso Hidroponia  -  O Cultivo sem Solo Curso Hidroponia - O Cultivo sem Solo

Com Prof. Dr. José Damião

R$ 398,00 à vista ou em até 12x de R$ 33,17 sem juros no cartão

Frete Grátis 2 ou mais Cursos
Saiba mais

Deixe seu comentário

Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

O CPT garante a você 100% de segurança e confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Seu comentário foi enviado com sucesso!

Informamos que a resposta será publicada o mais breve possível, assim que passar pela moderação.

Obrigado pela sua participação.

Comentários

Reginaldo gonçalves de arruda

15 de ago de 2016

Gostei de ver esse sistema, nunca plantei tomate nunca plantei nada mas estou pra investir no tomate e adorei esse sistema, mas adoraria ver mais como plantar a distância de pé a outro.

Resposta do Portal Cursos CPT

16 de ago de 2016

Olá Reginaldo,

Agradecemos sua visita e comentário em nosso site. Entre plantas, a recomendação é de 50 a 60 centímetros e, entre os sulcos, de um a 1,20 metro. Uma dica para um crescimento mais vigoroso do tomateiro é combinar o cultivo com ervas aromáticas.

Atenciosamente,

Ana Carolina dos Santos

Mais Artigos que abordam as diversas áreas do conhecimento

Últimos

Mais Lidos

Atendimento Online
Quer Facilidade