Profissão florista - dicas para se tornar um excelente profissional e ter sucesso

Ser um florista é ter interesse por flores e bom senso estético. É ter visão normal para cores, boa coordenação motora, criatividade e não ser alérgico à flores

florista

Para atuar como florista, o profissional deve ter habilidade manual, criatividade e muito capricho

Para atuar como florista, o profissional deve ter habilidade manual, criatividade e muito, muito capricho. Ser um florista é ter, antes de mais nada, forte interesse por flores e bom senso estético. É ter visão normal para cores, boa coordenação motora, e não ser, de forma alguma, alérgico à flores.

As flores sempre nos encantam pelas suas cores, pelo seu perfume, pelas suas formas. Muitas vezes, eternizados pelas mãos de pintores famosos, atualmente, os arranjos florais são presença obrigatória em eventos de bom gosto, em datas comemorativas e nos momentos especiais de nossas vidas.

“A montagem de um arranjo de flores é um ato de criação que envolve arte e técnica”, afirma a professora Orlene Lopes Campos Siqueira, do Curso Profissionalizante de Florista, produzido pelo CPT – Centro de Produções Técnicas.

Também, é preciso que o profissional desta área conheça vários tipos de flores e os princípios básicos da composição dos arranjos, no que se refere à combinação de cores, forma, volume e textura. Além disso, é preciso que ele conheça os materiais para utilização nos arranjos.

florista

Os arranjos florais são presença obrigatória em eventos especiais de nossas vidas

O bom profissional tem plena consciência de que o cliente é a alma do seu negócio e para não só encantá-lo, como também mantê-lo fiel, irá esmerar-se em cuidados agradando-o em todos os sentidos, levando-se em conta a boa comunicação, as gentilezas, as motivações, a ética profissional e a competência no trabalho.

O florista deve ser detalhista, deve saber se comunicar com os clientes e com os fornecedores, a fim de estreitar laços e fazer bons negócios e assim sendo, ele deverá dominar a arte da negociação, os tipos de negociações que envolvem o seu empreendimento, suas regras e tudo aquilo que deve ser evitado, quando se está diante de um jogo de interesses comerciais.

A pessoa, quando opta por desenvolver atividade nessa área, pode trabalhar na sua própria residência, como autônoma, fazendo decoração de festas, em uma floricultura, como proprietária ou funcionária, ou, ainda, como free lancer, oferecendo serviços para decoradores.

Ao escolher um fornecedor ou um local para comprar flores, o florista deverá priorizar a qualidade, além de observar os melhores preços. As flores podem ser compradas nas Ceasas, em mercados agrícolas, em cooperativas de floricultores ou diretamente de produtores.

Outra opção, para quem está longe de grandes centros, é comprar de revendedores, que entreguem flores em todas as localidades, mediante pedido, por via aérea ou terrestre. É preciso estar atento à qualidade, no que se refere à padronização das flores e à regularidade na oferta.

florista

A montagem de um arranjo de flores é um ato de criação que envolve arte e técnica

Ao comprar as flores, o profissional florista deve observar os seguintes pontos:
- As hastes devem ser longas;
- As flores devem ser frescas, com os botões firmes e ainda fechados, ou semiabertos (atenção para não comprar botões imaturos). Se os botões estiverem macios e, ou as folhas estiverem amareladas, é sinal de que as flores estão passando do ponto e sua durabilidade será pequena;
- Os botões devem ter o tamanho padrão da espécie;
- A água onde estão as flores deve estar limpa e os talos devem estar saudáveis.

O profissional
O profissional que prepara arranjos de flores, para venda ou para utilização em eventos, é chamado de florista ou artista floral. Entre suas funções está, também, ajudar os clientes a escolher as flores e os tipos de arranjos mais apropriados para a ocasião.

O mercado de trabalho
O mercado de trabalho para o florista tem crescido nos últimos anos, em razão do aumento da demanda por arranjos florais. Um aspecto fundamental nesse mercado é a qualidade do produto, pois se observa que os consumidores estão cada vez mais exigentes. Os clientes querem ter arranjos que fiquem bonitos e frescos durante todo o evento, ou que permaneçam bonitos, por vários dias, em casa.

A qualidade
Qualidade em termos de arranjos florais refere-se ao aspecto estético, ou seja, à beleza do arranjo, e, também, à durabilidade das flores. Ao elaborar arranjos florais, o profissional florista deve ter bom senso, gosto, criatividade e, acima de tudo, deve conhecer a técnica. Sendo assim, a arte floral trata de conceitos de estética e composição dos arranjos e das técnicas de preparação e conservação das flores.

As flores
O cuidado com as flores é essencial para que o trabalho fique bonito e tenha durabilidade. O tempo de vida das flores cortadas depende muito dos cuidados que são tomados para sua conservação. As flores cortadas devem ser guardadas em ambiente fresco, úmido, com iluminação moderada, bem arejado, mas sem corrente de ar e sem luz solar direta. A umidade do ar deve estar entre 60 e 70%, atendendo às exigências da maioria das flores e folhas.

florista

As flores devem ser frescas, com os botões firmes e ainda fechados, ou semiabertos 

Os arranjos
A forma dos arranjos florais obedece a um padrão geral, com características específicas. Dessa maneira, são definidos os estilos básicos de arranjos, elaborados de acordo com regras da composição artística. Quanto ao estilo, os arranjos são classificados em:
- Formal: No estilo formal, todos os elementos são colocados de maneira uniforme e simétrica. Imaginando uma linha cortando o arranjo no centro, verticalmente, as duas metades devem ser iguais.
- Linear: Nesse estilo, os arranjos são produzidos para serem vistos de um único ângulo, podendo ter forma vertical, horizontal ou triangular. Os elementos são dispostos de maneira equilibrada.
- Vegetativo: A característica do arranjo vegetativo é que ele imita a natureza. É como um espaço, um jardim. Quanto mais parecido com a natureza, melhor.
- Decorativo: Ele é um arranjo todo irregular e tem formas diferentes em cada lado que olhamos. É o estilo que permite maior expressão da criatividade, por ser um estilo espontâneo.

florista

A arte floral trata de conceitos de estética, composição dos arranjos e das técnicas de preparação e conservação das flores


Confira informações sobre outros cursos, acessando os Cursos Profissionalizantes.

Por Silvana Teixeira

Cursos Relacionados

Curso Profissionalizante de Cabeleireira Curso Profissionalizante de Cabeleireira

Com Prof.ª Mitsue Watanabe

R$ 1.370,00 à vista ou em até 12x de R$ 114,17 sem juros no cartão

Saiba mais
Curso Profissionalizante de Camareira Curso Profissionalizante de Camareira

Com Prof.ª Luciana Tebar

R$ 566,00 à vista ou em até 12x de R$ 47,17 sem juros no cartão

Saiba mais
Curso Profissionalizante de Costureira Curso Profissionalizante de Costureira

Com Prof. Escola Sigbol Fashion

R$ 1.624,00 à vista ou em até 12x de R$ 135,33 sem juros no cartão

Saiba mais
Curso Profissionalizante de Depiladora Curso Profissionalizante de Depiladora

Com Prof.ª Mitsue Watanabe

R$ 578,00 à vista ou em até 12x de R$ 48,17 sem juros no cartão

Saiba mais
Curso Profissionalizante de Florista Curso Profissionalizante de Florista

Com Prof.ª Orlene Siqueira

R$ 478,00 à vista ou em até 12x de R$ 39,83 sem juros no cartão

Saiba mais
Curso Profissionalizante de Jardineiro Curso Profissionalizante de Jardineiro

Com Prof. Eduardo Elias e Prof.ª Vânia Silva

R$ 946,00 à vista ou em até 12x de R$ 78,83 sem juros no cartão

Saiba mais

Deixe seu comentário

Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

O CPT garante a você 100% de segurança e confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Seu comentário foi enviado com sucesso!

Informamos que a resposta será publicada o mais breve possível, assim que passar pela moderação.

Obrigado pela sua participação.

Mais Artigos que abordam as diversas áreas do conhecimento

Últimos

Mais Lidos

Atendimento Online
Quer Facilidade