WhatsApp SAC (31) 98799-0134 WhatsApp Vendas (31) 99294-0024 Ligamos para Você Central de Vendas (31) 3899-7000
0

Seu carrinho está vazio

Clique aqui para ver mais cursos.

Doenças da Seringueira - Queda Anormal

Doenças da Seringueira - Queda Anormal

 

Essa doença é causada pelo fungo Phytophthora sp. A sua ocorrência verifica-se apenas em seringais adultos, e está relacionada aos períodos de chuvas prolongadas. Os sintomas se caracterizam pelo aparecimento de lesões escuras, com exsudação de látex nos pecíolos de folhas adultas, as quais caem, ainda verdes, juntamente com os pecíolos. Normalmente, não se recomenda o controle químico.

Aprimore seus conhecimentos, acessando os Cursos CPT, da área Agricultura, entre eles o Curso Cultivo de Seringueira para Produção de Borracha Natural, elaborados pelo Centro de Produções Técnicas.

Abaixo, as principais pragas e doenças que atacam as seringueiras:

Seringueiras - pragas e doenças que afetam a produção de borracha natural

Pragas da Seringueira - Mandarová

Doenças da Seringueira - Mal-das-Folhas da Seringueira

Pragas da Seringueira - Percevejo ou Mosca de Renda e Ácaro da Seringueira

Doenças da Seringueira - Requeima e Antracnose

Doenças da Seringueira - Oídio,Mancha Concêntrica e Mancha de Alternaria

Por Silvana Teixeira

Deixe seu comentário

Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

O CPT garante a você 100% de segurança e
confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Seu comentário foi enviado com sucesso!

Informamos que a resposta será publicada o mais breve possível, assim que passar pela moderação.

Obrigado pela sua participação.

Comentários

milton

15 de set de 2014

Tenho um plantio de seringueira com 6 anos, mas depois que o seringal caiu as folhas e começou a brotar, percebi que as folhas estão murchando e caindo, gostaria de saber se uso algum fungicida ou não é prejudicial para a arvore.

Resposta do Portal Cursos CPT

19 de set de 2014

Olá, Milton!

Agradecemos sua visita e comentário em nosso site.

O percevejo da renda, também conhecido como mosca da renda, tem causado grandes problemas nos seringais do Mato Grosso e São Paulo. Essa praga, tanto na forma adulta quanto na forma juvenil, ataca o seringal, sugando a seiva e provocando o desfolhamento das plantas. Os ataques mais severos podem causar uma redução de 27,7% no crescimento em altura e de 45% no diâmetro do colo das plantas em viveiro, bem como uma redução na produção de látex que chega a atingir 30% do total.

O inseto adulto mede, aproximadamente, 3 mm de comprimento, tem as pernas longas, e apresenta as asas de forma reticulada e alveolada, de cor esbranquiçada, com a presença de espinhos minúsculos.

A principal forma de controle dessa praga é por meio da aplicação do fungo Sporothrix insectorum, que, dependendo das condições climáticas, pode apresentar 95% de eficácia. Entretanto, a utilização desse fungo só deve ser realizada em períodos de alta umidade relativa do ar.

Para mais informações recomendamos que consulte um técnico especializado na área.

O CPT possui o Curso Cultivo de Seringueira para Produção de Borracha Natural que poderá lhe ajudar.

Atenciosamente,

Últimos Artigos

Artigos Mais Lidos

Fique por dentro das novidades!