WhatsApp SAC (31) 98799-0134 WhatsApp Vendas (31) 99294-0024 Ligamos para Você Central de Vendas (31) 3899-7000
0

Seu carrinho está vazio

Clique aqui para ver mais cursos.

Black Friday 30%OFF nos cursos online 15% OFF nos cursos em livro+DVD + 5% OFF extra no cartão de crédito

Cupins - a localização do ninho e o controle da infestação

Cupins - a localização do ninho e o controle da infestação

 

Para se detectar a presença dos cupins é necessário investigar todos os locais onde estes poderiam buscar alimento e os locais onde podem nidificar. Como dito anteriormente, o objetivo do controle é exterminar todos os indivíduos da colônia, pois se há sobreviventes, estes poderiam se diferenciar em reprodutivos secundários e restabelecer a colônia, retomando a infestação.

Assim, se localizamos o ninho, o controle torna-se bem mais fácil e eficiente. Cupins podem ser encontrados em peças de madeira, no solo, ou até mesmo em árvores vivas. Assim, no caso de construções, é necessário verificar toda e qualquer estrutura de madeira, como engradamento de telhados, portais, janelas, pisos, alisares, rodapés, etc.

Normalmente, o dano não é aparente e, por isso, pode ser necessário retirar algumas peças de madeira, para verificar no seu interior e na parede adjacente. Algumas espécies de cupins xilófagos vivem dentro da própria peça de madeira que atacam, enquanto outros constroem ninhos globosos, utilizando o material celulósico e/ou solo. Estes ninhos podem ser encontrados em sótãos, porões, ou mesmo no interior do solo das imediações das construções.

É muito simples distinguir se uma determinada infestação é causada por cupins que nidificam dentro da madeira ou por aqueles que nidificam em ninhos independentes. Os cupins que habitam no interior da madeira normalmente excretam um pó granuloso, conforme mencionado acima. Este pó normalmente se acumula próximo à peça atacada, sendo, portanto, facilmente detectável. Já os outros cupins xilófagos, que nidificam em ninhos independentes, não produzem este pó.

Os ninhos de cupins que habitam no solo podem ser subterrâneos, ou então “epígeos” (isto é, construídos sobre a superfície do solo). Os ninhos mais comuns são aqueles conhecidos como “montículo”, muito frequentes em pastagens. Os ninhos de “terra solta”, construídos pelos cupins do gênero Syntermes, também são comuns no ambiente agrícola.

Cupins também podem nidificar no interior do solo, em ninhos que não são visíveis à superfície. Neste caso, a localização do ninho é muito mais difícil, e o controle mais problemático. Muitas espécies xilófagas fazem este tipo de ninho. Estas espécies normalmente nidificam no solo nas imediações de construções, e constroem canais subterrâneos (ou mesmo túneis superficiais) até alcançar a estrutura em questão. Os túneis superficiais são facilmente identificáveis, pois são construídos sobre as paredes e peças de madeira da construção. O controle destes cupins pode ser complicado pelo fato de algumas espécies construírem uma série de ninhos interconectados (chamados “ninhos policálicos”). Desta forma, para controle destas espécies é necessário localizar e exterminar todos os ninhos interconectados que compõem a colônia.

Cupins, também, podem construir seus ninhos usando galhos de árvores vivas como suporte. Estes ninhos variam muito em forma e consistência. Alguns são globosos e de consistência frágil, como se fossem feitos de cartão. Outros são aplanados e resistentes, por serem feitos de argila. Não se deve confundir tais ninhos, conhecidos como ninhos arborícolas, com os ninhos de abelhas nativas (por exemplo, “abelha-cachorro” ou “arapuá”).

Saiba mais sobre o assunto, acessando os links abaixo:

Cupins - caracterização, estrutura social, castas, alimentação e controle da infestação

Cupins - caracterização e determinação da existência de infestação

Cupins - estrutura social e comportamento das castas

Cupins - a composição da colônia em castas

Cupins - a sociedade e o tamanho da infestação

Cupins - celulose é a principal fonte de alimentos

Cupins - a arquitetura dos cupinzeiros

Aprimore seus conhecimentos, acessando os Cursos CPT, da área Agricultura, elaborados pelo Centro de Produções Técnicas (CPT), entre eles o Curso de Controle de Cupins em Áreas Agrícolas, Pastagens e Construções Rurais.

Por Silvana Teixeira

Cupins - a localização do ninho e o controle da infestação

 

Deixe seu comentário

Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

O CPT garante a você 100% de segurança e
confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Seu comentário foi enviado com sucesso!

Informamos que a resposta será publicada o mais breve possível, assim que passar pela moderação.

Obrigado pela sua participação.

Últimos Artigos

Artigos Mais Lidos

Fique por dentro das novidades!