Adquira 2 ou mais Cursos CPT e ganhe Frete Grátis.

Como cultivar gengibre

No Brasil, a variedade de gengibre mais cultivada é a Gigante, já que apresenta o melhor padrão comercial

O gengibre é uma planta herbácea de rizoma perene e parte aérea anual. Foto: reprodução

O Brasil, no campo de raízes tropicais, como o gengibre por exemplo, apresenta todas as condições técnicas e econômicas de estar competindo no mercado internacional. São produtos que têm uma adaptabilidade muito grande ao sistema orgânico e índices de produtividade bastante satisfatórios para o produtor. O mercado internacional de raízes tropicais já apresenta hoje uma demanda definida e, ainda, com uma potencialidade muito grande de crescimento.

“A raiz é a parte da planta que, em contato com o solo, é responsável pela absorção de nutrientes, pelo abastecimento de água, pela assimilação de substâncias de crescimento e antibióticos do solo. Assim, o bom desenvolvimento radicular é condição primordial para o desenvolvimento e produtividade da planta como um todo”, afirmam os professores Jacimar Luis de Souza e Carlos Alberto Simões do Carmo, do curso Cultivo Orgânico de Gengibre, Taro e Inhame, elaborado pelo CPT – Centro de Produções Técnicas.

 

As características do solo, que afetam o crescimento e o desenvolvimento das plantas, especificamente das raízes, são:

 

  •   a estrutura física;

  •   a disponibilidade de nutrientes essenciais para as plantas;

  •   a disponibilidade de água;

  •   a presença de oxigênio;

  •   a ausência de substâncias tóxicas.

Gengibre

 

O gengibre é uma planta herbácea de rizoma perene e parte aérea anual. Os rizomas são ramificados, carnosos, geralmente de cor amarela, sendo encontradas variedades de cor branca e azul. Esses rizomas são utilizados na alimentação, na indústria de bebidas e como produto medicinal. Os seus maiores produtores são a China e a Índia (de onde se origina a planta). Esses países exportam a maior parte da sua produção para os Estados Unidos, Japão, Europa Ocidental, Arábia Saudita e Yemen.

 

Variedades

 

No Brasil, a variedade mais cultivada é a “Gigante”, já que apresenta o melhor padrão comercial. São cultivados, também, os clones regionais que, geralmente, têm reduzido tamanho de rizomas e pouca aceitação comercial.

 

Clima e solo

 

As condições que favorecem a produção de gengibre são:

 

  •   Clima tropical e subtropical, quente e úmido, com temperaturas entre 25ºC e 30ºC, e precipitação de, no mínimo, 1.500 mm/ano;

  •   Durante períodos longos de seca, o gengibre deve ser irrigado;

  •   O excesso de umidade no solo pode apodrecer as raízes;

  •   O solo deve ser fértil, leve e solto, bem drenado e rico em húmus;

  •   O pH do solo deve estar na faixa de 6,0 a 6,5. Se estiver abaixo desse valor, deve ser feita a calagem para corrigir a acidez.

A colheita do gengibre se dá de 7 a 10 meses após o plantio, dependendo da variedade. Foto: reprodução

Mudas

 

  •   O plantio de gengibre é feito por meio de pedações de rizomas, com 5 a 10 cm de comprimento, apresentando diversas gemas;

  •   Gastam-se, em média, de 3 a 4 toneladas de rizomas para o plantio de 1,0 hectare. Se as mudas forem pequenas, o gasto é de 2,5 a 3 toneladas por hectare;

  •   São usados como sementes, os rizomas colhidos no mesmo ano;

  •   Para acelerar a emergência das plantas no campo, recomenda-se induzir a brotação de rizomas-sementes, antes do plantio.

Como fazer mudas

 

  •   Amontoar os rizomas no campo, em camada de 15 a 20 cm de altura;

  •   Cobrir com palha (arroz, capim sem sementes, feijão, entre outros);

  •   Irrigar sobre a palha, diariamente, para manter os rizomas úmidos;

  •   Quando as brotações começarem a aparecer, as mudas estão no ponto ideal par o plantio.

Preparo do solo

 

  •   O plantio do gengibre pode ser feito em canteiros ou em sulcos;

  •   A profundidade do sulco deve ser de 10 a 15 cm, dependendo do tamanho dos rizomas-sementes.

Adubação

 

  •   Recomenda-se adubar a lavoura de gengibre com 15 toneladas de composto por hectare

  •   O composto deve ser espalhado no fundo do sulco, sendo necessário colocar 600 g por metro de sulco, quando o espaçamento entre linhas for de 1,20 m;

  •   Ou 700 g de composto por metro de sulco, no espaçamento de 1,40 m;

  •   O composto pode ser substituído por outros adubos orgânicos, como o esterco de gado ou de aves. Mas é preciso que o esterco esteja bem curtido.

Plantio

 

  •   O gengibre deve ser plantado de agosto a dezembro. A colheita se dá de 7 a 10 meses após o plantio, dependendo da variedade;

  •   O espaçamento entre linhas deve ser de 1,20 m a 1,40 m e o espaçamento entre plantas deve ser de 20 cm;

  •   Os rizomas-sementes devem ser distribuídos, ao longo dos sulcos, deixando-se um espaço de 20 cm entre eles;

  •   As mudas devem ser posicionadas, transversalmente dentro do sulco, para que as novas brotações cresçam para o lado de fora do sulco, evitando que os rizomas de uma planta entrelacem nos da planta vizinha e se partam na hora da colheita;

  •   Os rizomas devem ser cobertos com uma camada de 5 cm de terra.

 

Confira mais informações, acessando os cursos da área Agricultura Orgânica.

 

Por Andréa Oliveira

Cursos Relacionados

Curso Cultivo Orgânico de Brócolis, Couve-Flor e Repolho Curso Cultivo Orgânico de Brócolis, Couve-Flor e Repolho

Com Prof. Dr. Jacimar Souza

R$ 338,00 à vista ou em até 10x de R$ 33,80 sem juros no cartão

Frete Grátis 2 ou mais Cursos
Saiba mais
Curso Cultivo Orgânico de Alho, Cenoura, Baroa, Beterraba e Batata-Doce Curso Cultivo Orgânico de Alho, Cenoura, Baroa, Beterraba e Batata-Doce

Com Prof. Dr. Jacimar Souza

R$ 338,00 à vista ou em até 10x de R$ 33,80 sem juros no cartão

Frete Grátis 2 ou mais Cursos
Saiba mais
Curso Cultivo Orgânico de Gengibre, Taro e Inhame Curso Cultivo Orgânico de Gengibre, Taro e Inhame

Com Prof. Carlos Alberto e Prof. Dr. Jacimar Souza

R$ 338,00 à vista ou em até 10x de R$ 33,80 sem juros no cartão

Frete Grátis 2 ou mais Cursos
Saiba mais
Curso Agricultura Natural Curso Agricultura Natural

Com Prof. Kunio Nagai, Prof. Newton Miyasaka e Prof. Dr. Shiro Miyasaka

R$ 338,00 à vista ou em até 10x de R$ 33,80 sem juros no cartão

Frete Grátis 2 ou mais Cursos
Saiba mais

Deixe seu comentário

Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

O CPT garante a você 100% de segurança e confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Seu comentário foi enviado com sucesso!

Informamos que a resposta será publicada o mais breve possível, assim que passar pela moderação.

Obrigado pela sua participação.

Comentários

José Ricardo Queiroz Maciel

6 de jun de 2016

Olá. Tenho uma ilha localizada no Rio Manacapuru, município de Manacapuru - AM. Gostaria de voltar a trabalhar no campo, porém com outras culturas. E gostaria de saber se o GENGIBRE é viável para o nosso clima, se precisa de correção de solo. Caso td posso ser possível, como farei para adquirir mudas com preços accessíveis

Resposta do Portal Cursos CPT

7 de jun de 2016

Olá José Ricardo,

Agradecemos sua visita e comentário em nosso site. O solo ideal é o argilo-arenoso, fértil, com pH entre 5,5 e 6,0 e boa drenagem. Embora a cultura necessite de muita água para se desenvolver, ela não suporta encharcamento. Troque de local a cada safra, para evitar queda nas próximas produções.

A estação das chuvas é a indicada para iniciar o plantio de gengibre, em especial os meses de setembro a novembro. O gengibre prefere os climas tropical e subtropical, porém há variedades que se adaptam às temperaturas baixas de regiões mais frias. Entre as popularmente conhecidas estão a branca, azul e amarela. Dê preferência por mudas de qualidade e oriundas de lavouras que não sofreram ataque de doenças. 

Atenciosamente,

Ana Carolina dos Santos

Humberto Roliz

25 de fev de 2016

Boa noite . Tenho uma boa propriedade em Nova Friburgo e já tenho gengibre plantado para uso. Gostaria de saber se trata-se de uma lavoura viável economicamente e se há canais de escoamento outros que não sejam feiras, ceasas, etc. Obrigado

Resposta do Portal Cursos CPT

26 de fev de 2016

Olá Humberto,

Agradecemos sua visita e comentário em nosso site. Para mais informações recomendamos que converse com os produtores desta cultura para saber como anda o mercado.

Atenciosamente,

Ana Carolina dos Santos

Erik

21 de fev de 2016

Queria saber se é possível plantar gengibre em Urubici sc tem um inverno rigoroso 2 meses com geada

Resposta do Portal Cursos CPT

22 de fev de 2016

Olá Erik,

Agradecemos sua visita e comentário em nosso site. O gengibre pode ser cultivado na faixa de temperatura indo de 17°C a 35°C. A planta prefere alta umidade relativa do ar. Em climas um pouco mais frios, o gengibre pode ser cultivado nos meses quentes do ano, precisando de proteção nos meses em que há temperaturas mais baixas.

Atenciosamente,

Ana Carolina dos Santos

valeria cristina infurna

12 de jan de 2016

Eu comprei o gengibre para usar em casa e acabei me esquecendo. Quando vi, ele estava brotando; então o plantei. Por não ter muito espaço, eu quero saber o tamanho que a planta vai ficar, se de uma árvore ou de uma planta normal.

Resposta do Portal Cursos CPT

13 de jan de 2016

Olá, Valéria!

Agradecemos pela visita e comentário em nosso site. Segundo nossos pesquisadores, a falta de espaço delimita o crescimento da planta. Portanto, quanto menor o vaso, menor a parte aérea (folhagens) e menor a raiz, que é o gengibre propriamente dito.

Atenciosamente,

Silvana Teixeira.

Jussara Machado da Cunha

30 de mai de 2015

No RS a temperatura cai bastante no inverno e, isso pode afetar o crescimento e/ou o desenvolvimento do gengibre? a profundidade maior do plantio teria influência em relação a temperatura?

Resposta do Portal Cursos CPT

1 de jun de 2015

Olá, Jussara!

Agradecemos sua visita e comentário em nosso site. O plantio de gengobre deve ter seu plantio iniciado na estação das das chuvas, em especial os meses de setembro a novembro. O gengibre prefere os climas tropical e subtropical, porém há variedades que se adaptam às temperaturas baixas de regiões mais frias. Entre as popularmente conhecidas estão a branca, azul e amarela. Dê preferência por mudas de qualidade e oriundas de lavouras que não sofreram ataque de doenças.

Osolo ideal é o argilo-arenoso, fértil, com pH entre 5,5 e 6,0 e boa drenagem. Embora a cultura necessite de muita água para se desenvolver, ela não suporta encharcamento. Troque de local a cada safra, para evitar queda nas próximas produções.

Espaçamentos, deixe os sulcos de plantio com cerca de 15 centímetros de profundidade, oito centímetros a distância entre os rizomas e um metro entre as linhas.

Produção, o tempo para colher o gengibre varia de sete a dez meses, o que ocorre entre junho e agosto. O amarelecimento das folhas avisa que o rizoma amadureceu. Ele pode ser extraído da terra manualmente. A produção por hectare pode atingir 15 toneladas do produto fresco e três toneladas do seco.

Atenciosamente,

Ana Carolina dos Santos

MARIA

3 de abr de 2015

Estou querendo plantar gengibre e inhame

Resposta do Portal Cursos CPT

6 de abr de 2015

Olá, Maria!

Agradecemos sua visita e comentário em nosso site. Os seguintes artigos podem ser de grande ajuda: Inhame orgânico - 10 dicas para o sucesso da sua plantação; Como cultivar gengibre; Cultivo orgânico de gengibre, taro e inhame proporciona satisfação ao produtor; Como cultivar inhame orgânico.

Atenciosamente,

Ana Carolina dos Santos

rubem

26 de mar de 2015

Tenho um sítio na cidade de Penedo Al., gostaria de saber se o nosso clima aqui no Nordeste é propício para a cultura do gengibre. E demais informações como produtividade, plantio, e preço na hora da venda e a onde comercializá-lo. Obrigado! Rubem.

Resposta do Portal Cursos CPT

27 de mar de 2015

Olá, Rubem!

Agradecemos sua visita e comentário em nosso site. A estação das chuvas é a indicada para iniciar o plantio de gengibre, em especial os meses de setembro a novembro. O gengibre prefere os climas tropical e subtropical, porém há variedades que se adaptam às temperaturas baixas de regiões mais frias. Entre as popularmente conhecidas estão a branca, azul e amarela. Dê preferência por mudas de qualidade e oriundas de lavouras que não sofreram ataque de doenças.

O solo ideal para o plantio é o argilo-arenoso, fértil, com pH entre 5,5 e 6,0 e boa drenagem. Embora a cultura necessite de muita água para se desenvolver, ela não suporta encharcamento. Troque de local a cada safra, para evitar queda nas próximas produções.

Para adubar recomenda-se para a adubação 240 quilos por hectare de P2O5, além de incorporar 30 quilos por hectare de N e 70 quilos por hectare de K20 nas amontoas - cobertura de terra dos rizomas. Caso seja necessário o uso de calcário para a correção do terreno, aplique o produto no mínimo três meses antes de começar o cultivo. O índice de saturação não pode estar abaixo de 50%.

Para o espaçamento, deixe os sulcos de plantio com cerca de 15 centímetros de profundidade, e oito centímetros de distância entre os rizomas e um metro entre as linhas.

O gengibre propaga-se por meio de gomos. São pedaços de rizoma com um a dois brotos. Em um mês, as mudas estão prontas para o transplante em local definitivo. Os rizomas devem ser cobertos com uma camada de dez centímetros de terra depois de plantados. Mas como crescem para cima, é preciso cobri-los periodicamente.

O tempo para colher o gengibre varia de sete a dez meses, o que ocorre entre junho e agosto. O amarelecimento das folhas avisa que o rizoma amadureceu. Ele pode ser extraído da terra manualmente. A produção por hectare pode atingir 15 toneladas do produto fresco e três toneladas do seco.

Atenciosamente,

Ana Carolina dos Santos

Eloy Antunes

26 de mar de 2015

Gostei muito da matéria. Preciso saber do mercado consumidor; valor da tonelada; onde consigo mudas e o valor delas. atenciosamente. Eloy

Resposta do Portal Cursos CPT

27 de mar de 2015

Olá, Eloy!

Agradecemos sua visita e comentário em nosso site. Para mais informações cadastramos seu e-mail para receber nosso boletim informativo.

Atenciosamente,

Ana Carolina dos Santos

Reginaldo Luis de Oliveira

22 de fev de 2015

Bom dia, eu trabalho com horta orgânica e gostaria de plantar gengibre só que como estou no início do plantio não tenho as mudas, vocês sabem onde eu posso comprar as mudas ou se tem como fazer o plantio com semente para iniciar a plantação. Grato.

Resposta do Portal Cursos CPT

23 de fev de 2015

Olá, Reginaldo!

Agradecemos sua visita e comentário em nosso site. Plantio, o solo ideal é o argilo-arenoso, fértil, com pH entre 5,5 e 6,0 e boa drenagem. Embora a cultura necessite de muita água para se desenvolver, ela não suporta encharcamento. Troque de local a cada safra, para evitar queda nas próximas produções.

Adubação, recomenda-se para a adubação 240 quilos por hectare de P2O5, além de incorporar 30 quilos por hectare de N e 70 quilos por hectare de K20 nas amontoas - cobertura de terra dos rizomas (ver item propagação). Caso seja necessário o uso de calcário para a correção do terreno, aplique o produto no mínimo três meses antes de começar o cultivo. O índice de saturação não pode estar abaixo de 50%.

Espaçamento, deixe os sulcos de plantio com cerca de 15 centímetros de profundidade, oito centímetros a distância entre os rizomas e um metro entre as linhas.

Propagação, o gengibre propaga-se por meio de gomos. São pedaços de rizoma com um a dois brotos. Em um mês, as mudas estão prontas para o transplante em local definitivo. Os rizomas devem ser cobertos com uma camada de dez centímetros de terra depois de plantados. Mas como crescem para cima, é preciso cobri-los periodicamente.

produção, o tempo para colher o gengibre varia de sete a dez meses, o que ocorre entre junho e agosto. O amarelecimento das folhas avisa que o rizoma amadureceu. Ele pode ser extraído da terra manualmente. A produção por hectare pode atingir 15 toneladas do produto fresco e três toneladas do seco.

Atenciosamente,

Ana Carolina dos Santos

Raimundo Nonato Abreu

10 de fev de 2015

Com o preço em alta, é um bom negocio plantar gengibre. Tenho um terreno em Parnaíba no litoral do Piauí,é um terreno arenoso em que se plantando melancia, maxixe, feijão, gergelim, tem-se boa colheita. Pergunto: com essas informações é possível avaliar se em se plantando gengibre terei sucesso? É de grande avalia as informações prestadas aos interessados em mudar o rumo de sua vida, parabéns.....paz Raimundo Nonato Abreu

Resposta do Portal Cursos CPT

10 de fev de 2015

Olá, Raimundo!

Agradecemos sua visita e comentário em nosso site. Para mais informações cadastramos seu e-mail para receber nosso boletim informativo.

Atenciosamente,

Ana Carolina dos Santos

Mais Artigos que abordam as diversas áreas do conhecimento

Últimos

Mais Lidos

Atendimento Online
Quer Facilidade