WhatsApp SAC (31) 98799-0134 WhatsApp Vendas (31) 99294-0024 Ligamos para Você Ligue Agora (31) 3899-7000
0

Seu carrinho está vazio

Clique aqui para ver mais cursos.

Alimentos congelados - embalagem, codificação, armazenagem e expedição

Alimentos congelados - embalagem, codificação, armazenagem e expedição

 

Assim que se termina o preparo da comida, conforme suas características específicas, esta deverá ir direto para o armário de congelamento. Os pratos prontos já devem ser colocados nas embalagens definitivas, como as lasanhas, as tortas e os pratos com arroz e filés. A porção deve ser para, no máximo, duas pessoas. As porções para uma pessoa também estão sendo muito procuradas no mercado de alimentos congelados.

Já os salgadinhos devem ser congelados em tabuleiros para, depois de congelados, irem para a embalagem definitiva. Se forem colocados diretamente nas embalagens definitivas, eles irão grudar uns nos outros, dando um aspecto desagradável ao produto final, além de danificar as unidades, pois estas serão quebradas aos serem utilizadas.

Não empilhe os alimentos que forem levados ao armário de congelamento, pois cada prato ou tabuleiro com alimento precisa ficar em contato com o ar frio, de todos os lados, até congelar.

Ao recarregar o freezer, não encoste os alimentos frescos aos já congelados. Isso pode fazer com que a temperatura do alimento congelado suba e prejudique a sua qualidade.

Embalagem

Estando a porção congelada, no caso dos pratos prontos, a embalagem deve ser levada para uma embaladora industrial onde é selada, por meio de folha plástica, que impedirá o seu contato com o ar frio do freezer. Os salgadinhos congelados devem ser colocados nas bandejas de isopor e depois seladas na embaladora.

Codificação

As embalagens devem ganhar um rótulo, contendo o nome do produto, o peso em gramas, os ingredientes, a data de fabricação, a data de validade, o código de barras, o nome, endereço e telefone da empresa que o fabricou e a tabela nutricional.

Armazenagem

As embalagens devem ser colocadas em uma câmara fria a –18°C até irem para o consumidor.

Expedição

De acordo com os pedidos, as embalagens devem ser retiradas da câmara fria e enviadas ao consumidor final em veículos climatizados (para longa distância), isotérmicos ou caixas de isopor (para curta distância).

Antes do preparo dos pratos e salgados, siga algumas dicas para diminuir ao máximo a contaminação dos produtos:

-Todas as embalagens das matérias-primas devem ser lavadas, com bucha e detergente, enxaguadas e enxugadas com papel-toalha, antes de serem abertas, para impedir a contaminação da matéria-prima contida nelas;

-Os ovos devem ser lavados, com detergente neutro e esponja macia, e logo depois enxaguados. Após a lavagem, deixe-os de molho em uma solução sanitizante antes de serem retirados das cascas. (100 ml de água sanitária para 3l de água). Os ovos devem ficar de molho nesta solução por 5 minutos. Se deixar mais, ele racha e, por ser poroso, ocorre a sua contaminação.

Aprimore seus conhecimentos, acessando os Cursos da área Pequenas Indústrias, elaborados pelo CPT – Centro de Produções Técnicas, entre eles o Curso Como Montar uma Pequena Fábrica de Alimentos Congelados

Por Andréa Oliveira.

Acesse os links abaixo e conheça mais sobre alimentos congelados:

O mercado

Cuidados para evitar a contaminação alimentar

Conservação dos alimentos

Métodos de congelamento

Processo de congelamento

Dicas para um congelamento eficiente

Congelamento em cada tipo de alimento

Aspectos da comercialização

Deixe seu comentário

Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

O CPT garante a você 100% de segurança e
confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Seu comentário foi enviado com sucesso!

Informamos que a resposta será publicada o mais breve possível, assim que passar pela moderação.

Obrigado pela sua participação.

Últimos Artigos

Artigos Mais Lidos

Fique por dentro das novidades!