Água: tipos de lençóis subterrâneos

Todo solo é formado por partículas minerais sólidas, entre as quais existem pequenos espaços vazios, preenchidos com água, chamados lençóis subterrâneos

Todo solo é formado por partículas minerais sólidas, entre as quais existem pequenos espaços vazios, preenchidos com água, chamados lençóis subterrâneos

 

Todo solo é formado por partículas minerais sólidas, entre as quais existem pequenos espaços vazios, preenchidos com água ou com ar. Além disso, as partículas encontram-se agregadas, formando camadas de solo chamadas de aluvião. A sustentação dessas camadas pode ser feita por imensas camadas de rochas ou argila adensada impermeáveis, o que impossibilita a descida da água para solos mais profundos. A profundidade da camada impermeável é variável. Em alguns locais, ela poderá estar a apenas poucos metros abaixo da superfície do solo; em outros, a milhões de metros.

Lençóis freáticos

Após infiltrar na superfície do solo, parte da água das chuvas percola através dos poros até atingir certa profundidade. Ao longo do seu caminho, parte dela ficará retida nesses poros, tornando o solo úmido. Já a parte que não for retida nos poros descerá cada vez mais, até atingir a camada impermeável. Nesta a água será depositada até um determinado nível, de baixo para cima. Imediatamente, o ar existente no interior dos poros será expulso e substituído por água.

Em outras palavras, desde a camada impermeável até um determinado nível acima dela, haverá outra camada de solo onde todos os seus poros serão preenchidos, exclusivamente, por água. Quando isso acontecer, passará a existir no solo uma linha chamada de linha freática. Entre a linha freática e a camada impermeável ficará acumulado um grande volume de água, o qual é denominado lençol freático. Esta água é a principal responsável pela manutenção das nascentes

Em determinadas situações, este tipo de lençol poderá ser abastecido apenas com a água que infiltra na bacia a que pertence ou, então, por águas que infiltraram na bacia vizinha. Quando o divisor freático coincidir com o divisor de águas, cada lençol freático será abastecido apenas pelas águas que infiltrarão através da superfície do terreno da bacia a qual ele se encontra associado.

Em suma, o abastecimento dos lençóis freáticos é feito por águas da chuva, que infiltram através da superfície do solo das bacias que os abastecem.

Lençóis artesianos

A água no interior do solo não existe somente acima da camada impermeável, mas também no interior ou abaixo desta, onde estão localizados os maiores lençóis de água subterrânea, chamados de artesianos. A formação dos lençóis artesianos encontra-se associada ao processo de formação da crosta terrestre. Eles podem se formar de duas maneiras: a primeira está relacionada com o material que deu origem às grandes camadas rochosas existentes no interior do subsolo.

Dependendo do tipo de rocha que forma a camada rochosa, esta poderá apresentar uma considerável porosidade, como o que acontece em camadas formadas por rochas pertencentes a classe das metamórficas, ou seja, gnaisses, quartzitos, ardósias, mármores e outras. Portanto, quando existirem no subsolo camadas de rochas que são permeáveis à passagem da água, as águas das chuvas que infiltram e chegam até essa camada poderão chegar a seu interior, formando um lençol de água do tipo artesiano.

Os lençóis artesianos também podem se formar no interior do subsolo onde existem camadas rochosas formadas por grande blocos de rochas separados por falhas ou fendas. Essas falhas ou fendas podem estar interligadas a grandes galerias existentes no interior de rochas, localizadas em maiores profundidades. Assim, as águas que infiltrarem no interior do subsolo de uma bacia poderá deslocar-se através dessas falhas ou fendas, e acumular-se no interior das galerias, formando gigantescos bolsões de água, que são os lençóis artesianos.

A localização, a profundidade dos lençóis artesianos, bem como o volume de água armazenado no seu interior, podem ser variáveis. De modo geral, podemos considerar que, para cada grande rio, existe um lençol artesiano associado, já que a água chega até eles por infiltração ou através de fendas.

Por Andréa Oliveira.

Confira o Curso CPT Tratamento de Água no Meio Rural.

Deixe seu comentário

Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

O CPT garante a você 100% de segurança e confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Seu comentário foi enviado com sucesso!

Informamos que a resposta será publicada o mais breve possível, assim que passar pela moderação.

Obrigado pela sua participação.

Comentários

Clovis Pinheiro Ferri

8 de jan de 2018

Vejo muitos sítios, sem água ou quase sem, e sem.sempre fui muito interessado em como fazer brotar água, tenho umas ideias, porem gostaria de informações mais detalhadas a respeito

Resposta do Portal Cursos CPT

19 de jan de 2018

Olá Clovis,

Para mais informações cadastramos seu e-mail para receber nosso boletim informativo sobre meio ambiente.

Atenciosamente,

Ana Carolina dos Santos

Eurival Gabarrao Ruiz

9 de set de 2017

Gostei, mas gostaria de informações mais detalhadas. Como adquiro?

Resposta do Portal Cursos CPT

11 de set de 2017

Olá, Eurival.

Agradecemos sua visita e comentário em nosso site. Nossas consultoras entrarão em contato com mais informações.

Atenciosamente,

Renato Rodrigues.

ivanilde palma narvais

2 de set de 2017

Muito interessante saber a importância da preservação que todos nós temos que ter com as nossas nascente.

Resposta do Portal Cursos CPT

4 de set de 2017

Olá, Ivanilde.

Agradecemos sua visita e comentário em nosso site. Ficamos felizes que tenha gostado do nosso conteúdo!

Atenciosamente,

Renato Rodrigues.

Fernando Dirceu Pereira ferreira

9 de mai de 2017

Poxa,adorei saber essas informações e adoraria saber muito mas se possível, eu queria saber se existe algum equipamento para descobrir a profundidade a agua do solo?. E se te! Como saber se tem rochas no solo e a profundidade delas?., se alguem poder me responder obrigado desde já.

Resposta do Portal Cursos CPT

10 de mai de 2017

Olá Fernando,

Agradecemos sua visita e comentário em nosso site. Para mais informações cadastramos seu e-mail para receber nosso boletim informativo.

Atenciosamente,

Ana Carolina dos Santos

Cursos Relacionados

Curso Tratamento de Água no Meio Rural Curso Tratamento de Água no Meio Rural

Com Prof. Francisco Viana

R$ 338,00 à vista ou em até 10x de R$ 33,80 sem juros no cartão

Frete Grátis 2 ou mais Cursos
Saiba mais
Curso Perfuração de Poços Artesianos e Semiartesianos Curso Perfuração de Poços Artesianos e Semiartesianos

Com Prof. Francisco Markowicz Júnior e Prof. Joaquim Aurélio Gomes

R$ 360,00 à vista ou em até 10x de R$ 36,00 sem juros no cartão

Frete Grátis 2 ou mais Cursos
Saiba mais
Curso Tratamento de Água e Esgoto na Propriedade Rural Curso Tratamento de Água e Esgoto na Propriedade Rural

Com Prof. Dr. Marcelo Otenio

R$ 338,00 à vista ou em até 10x de R$ 33,80 sem juros no cartão

Frete Grátis 2 ou mais Cursos
Saiba mais

Mais Artigos que abordam as diversas áreas do conhecimento

Últimos

Mais Lidos

Atendimento Online
Quer Facilidade